Governo de Pernambuco

Governo de Pernambuco
Governo de Pernambuco

TRE MARCA ELEIÇÕES EM CAPOEIRAS E PALMEIRINA PARA TRÊS DE OUTUBRO


Em sessão realizada nessa sexta-feira (18-06), o Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) definiu a data das eleições suplementares em Capoeiras e Palmeirina, no Agreste de Pernambuco. Serão em três de outubro próximo.
Ambos os municípios estão sendo administrados provisoriamente pelos respectivos presidentes da Câmara de Vereadores.

No caso de Capoeiras, a candidatura de Luiz Claudino de Souza foi indeferida pelo TRE em 13 de novembro passado. A decisão foi confirmada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 8 de abril passado. O município tem 15.779 eleitores.

Já em Palmeirina, a candidatura de Severino Eudson Catão Ferreira foi indeferida pelo Juízo Eleitoral em outubro de 2020. Tanto o TRE quanto o TSE confirmaram a decisão. São 6.596 eleitores do município.

As eleições suplementares estão previstas no parágrafo 3º, artigo 224, do Código Eleitoral. De acordo com a legislação, devem ser marcados novos pleitos sempre que houver, independentemente do número de votos anulados e após o trânsito em julgado, “decisão da Justiça Eleitoral que importe o indeferimento do registro, a cassação do diploma ou a perda do mandato de candidato eleito em pleito majoritário”.

Durante a sessão plenária dessa sexta-feira, o presidente do TRE-PE, desembargador Carlos Moraes, informou que todo protocolo de segurança sanitária contra a covid-19 será adotado nas novas eleições. Antes de definir a data, o Tribunal consultou a Secretaria Estadual de Saúde e as secretarias dos dois municípios.

A prioridade do Tribunal Regional Eleitoral é zelar pela vida de eleitores, mesários, servidores e de todos os envolvidos nas eleições.


*Com informações da Assessoria de Imprensa do TRE. 

2 comentários:

  1. EM RAZÃO DE CAPOEIRAS ESTÁ POLUÍDA DE JAGUNÇOS DENOMINADOS DE CABOS ELEITORAIS, TEM TUDO PARA SER UMA CAMPANHA BASTANTE VIOLENTA. JÁ EM PALMEIRINA SERÁ JUSTAMENTE O CONTRÁRIO, POIS UM DOS CANDIDATOS É A DELEGSDA THATIANNE QUE COM CERTEZA VAI BOTAR ORDEM NA CAUSA E NA CASA.

    ResponderExcluir
  2. Essa Justiça é uma vergonha. Esses juízes acham que dinheiro nasce em árvore. Dão-se os próprios aumentos, gastam dinheiro sem limite e ao invés de impedirem candidaturas fraudulentas antes das eleições, preferem deixar para depois, gastando mais dinheiro ainda! Essa gente tem que receber freios, acham-se inatacáveis, incriticáveis e invulneráveis!

    ResponderExcluir