GOVERNO DO ESTADO

GOVERNO DO ESTADO
GOVERNO DE PERNAMBUCO - FUNDARPE

Alepe

Alepe
Alepe

quarta-feira, 8 de maio de 2019

LUIZINHO ROLDÃO DESMASCARA EMPRESA CONTRATADA PARA ADMINISTRAR AS FEIRAS LIVRES DE GARANHUNS


Luizinho na empresa Plena em Caruaru...
Prédio não terminado e estacionamento

Empresa Plena Gestão Empresarial, contratada pela prefeitura de Garanhuns - após processo de licitação pública - para administrar as feiras livres da cidade, ao que tudo indica só existe no papel.

Luizinho Roldão, pré-candidato à prefeitura local, foi hoje a Caruaru, checar o endereço da referida empresa e o que encontrou na Rua Bom Pastor, 621, no bairro Petrópolis, na capital do agreste, foi apenas um galpão não terminado, fechado, sem placa nenhuma de identificação e uma parte ao lado funcionando como estacionamento.

Roldão além de filmar tudo e jogar no final da tarde um vídeo no Facebook e grupos do WhatsApp, conversou com moradores da área em que devia funcionar a empresa e ninguém conhecia a Plena ou seus proprietários.

Um dono de um supermercado,  instalado em frente ao galpão há um ano, disse que no endereço nunca funcionou empresa nenhuma.

Uma senhora, que revelou morar no bairro há muitos anos confirmou a mesma história. Segundo ela, sempre que passava via trabalhadores construindo o prédio, que ainda não está terminado,  e a informação é que ao término da obra no imóvel funcionaria uma galeria com pequenos negócios.

O endereço da Plena,  na Rua Bom Pastor, número 621, consta do contrato firmado entre a empresa e a prefeitura e o próprio dono da firma caruaruense informou numa audiência pública em Garanhuns, com a presença do promotor Domingos Sávio, a localização que consta nos documentos.

Na visita de Luizinho a Caruaru, porém, a informação do empresário foi desmascarada, o que levanta suspeitas sobre a licitação e o contrato com a Plena, que terá vigência de 12 anos.

Durante todo esse tempo a firma caruaruense arrecadará em Garanhuns mais de 23 milhões de reais, mais de 160 mil por mês, num montante de quase R$ 2 milhões por ano.

Luizinho Roldão cobrou explicações à prefeitura, uma vez que ficou constatado que a empresa que irá administrar todas as feiras de Garanhuns é só de “fachada”.

Poucos minutos depois que o vídeo foi postado em plataformas diferentes da internet, vários garanhuenses se mostraram surpresos e indignados. 

“Eita”, “É bronca pesada”, “E agora prefeitura?”, foram algumas interpelações feitas pelo WhatsApp, por pessoas que inclusive se identificaram, como o funcionário público Wagner Marques, que trabalha na UFRPE e até o deputado estadual Sivaldo Albino, que do Recife também fez um pequeno comentário considerando o problema sério e parabenizando Roldão por desmascarar a "farsa".

Fazendo uma consulta ao Google, consta o nome da empresa Plena Gestão Empresarial, no mesmo endereço citado. Na razão social informa que se trata de uma firma  voltada para equipamentos de feira. Nas imagens não aparece nenhuma fotografia do galpão visitado hoje pelo político da oposição.

Na denúncia de Luizinho, porém, ele afirmou que a razão social foi mudada pouco antes da licitação feita em Garanhuns.

Com a palavra os que fazem o Governo Municipal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário