segunda-feira, 23 de novembro de 2015

PROFESSOR CARLOS LANÇA LIVRO NA AESGA

O professor da Autarquia do Ensino Superior de Garanhuns – AESGA, Carlos Guilherme de Albuquerque estará realizando no próximo dia 3 de dezembro, a partir das 19 horas, no Auditório Manoel Elpídio Melo, o lançamento do livro “Desenvolvimento da Espiritualidade na Formação Continuada de Professores no Contexto da Neurociência e da Física Quântica”.

A Obra traz temas de estudo e pesquisa acerca da formação e desenvolvimento de conceitos na abordagem sócio histórica, na formação inicial e continuada de professores com base no referencial teórico e metodológico, na abordagem do desenvolvimento da espiritualidade na educação e da pesquisa colaborativa.

Carlos Guilherme é graduado em Matemática, tem pós-graduação em Química, Matemática, Física e Didática e é mestre, doutor e pós-doutor em Ciência da Educação. Leciona Matemática Aplicada, Estatística Aplicada e Matemática Financeira Aplicada na Faculdade de Ciências da Administração de Garanhuns FAGA/AESGA.

Orgulho da AESGA, Carlos Guilherme é pesquisador, professor e doutor membro da Sociedade Brasileira de Neurociências e Comportamento (SBNeC), Internacionalmente filiados à International Brain Research Organization (IBRO) e à Federação das Associações Latinoamericanas e do Caribe de Neurociências (FALAN). No Brasil, a SBNeC é filiada à Federação das Sociedades de Biologia Experimental(FeSBE) e à Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). (Da Assessoria de Imprensa da AESGA).

Um comentário:

  1. A GESTÃO DE GIANE LIRA NÃO CUMPRE com os compromissos, aumentos constantes na faculdade sem que haja o devido investimento do dinheiro, os professores mais qualificados estão indo embora por conta DOS BAIXOS SALÁRIOS , o salario dos professores é uma miséria, funcionarios que ganham sem trabalhar, agua quente servida aos alunos, aumento de cem por cento na multa da biblioteca além de outras taxas cobradas.a AESGA inclusive não se responsabiliza sequer pela segurança das salas. uma vergonha para garanhuns. fica a pergunta ONDE ESTÁ O DINHEIRO DO POVO?

    ResponderExcluir