Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa
Assembleia Legislativa

terça-feira, 26 de maio de 2015

GARANHUNS SOFRE O DESAPARECIMENTO DE PATRÍCIA

Patrícia Pereira, 31 anos, que reside na Cohab II, em Garanhuns, está desaparecida há oito dias.

O sumiço da jovem, que foi casada e tem um filho de 10 anos está gerando muitos comentários na cidade, principalmente na área do Conjunto Residencial Francisco Figueira, onde ela é mais conhecida.

Familiares e amigos temem pelo pior. 

O caso está sendo investigado pela polícia e o Ministério Público. A Prefeitura também acompanha os acontecimentos, através da Secretaria de Mulher. 

Apesar de todos os esforços até agora não surgiu nenhuma informação sobre o paradeiro da mulher, que saiu de casa na tarde da segunda-feira, dia 17 e não mais deu notícias.

Infelizmente é impossível não associar a outros casos que aconteceram em Garanhuns, tempos atrás, terminando em tragédia, como aconteceu com Gisa do Papel, morta pelos canibais de Olinda e o professor Edelson, do Sesc, que também foi assassinado.

Tomara que o mesmo não aconteça com Patrícia Pereira e possamos tê-la de volta ao nosso convívio.

2 comentários:

  1. observe sexta ultima na feira de capoeiras tinha uma mulher parecida com ela mas, nao sei se poderia ser a mesma pois esta mulher tinha as mesmas caracteristicas , pois estava acompanhada de um senhor boiadeiro . so aparencia. se esta pessoa aparecer novamente vou tirar fto dela.

    ResponderExcluir
  2. É uma dor imensa essa dúvida permanente aos familiares, aos amigos e a. toda sociedade. Vamos torcer e pedir a DEUS que o melhor aconteça, com a palavra nossa Polícia e o Ministério Público. A família apesar da dor, tenha fé em Deus e peça a Nossa Senhora que passe na frentre.Vamos ter fé em Deus.

    ResponderExcluir