SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

ALEPE

ALEPE
ALEPE

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

AS TRAPALHADAS DE CAJÁ


Da deputada e jornalista Terezinha Nunes, no Blog do Jamildo:

Em 1978, o então estudante Edval Nunes da Silva, o Cajá, membro da Pastoral da Juventude da Arquidiocese de Olinda e Recife e amigo de Dom Hélder Câmara, foi preso pela Polícia Federal em Recife, acusado de pertencer ao clandestino Partido Comunista Revolucionário (PCR). 

O caso, que foi notícia nacional, causou constrangimento ao então arcebispo, ainda hoje venerado pelos católicos e considerado um verdadeiro santo. Não que Dom Hélder se intimidasse com a perseguição da ditadura militar que o ameaçava constantemente e que já tinha provocado o assassinato, dez anos antes, do seu principal assessor, o padre Henrique. 

É que, só na prisão, o arcebispo descobriu que fora enganado por Cajá. Dom Hélder, antes de constituir a Comissão de Justiça e Paz, que notabilizou sua luta pelos direitos humanos, havia perguntado a todos os possíveis membros – inclusive Cajá- se militavam em alguma partido clandestino pois não admitia tal envolvimento dos seus subordinados. Cajá disse que não e foi nomeado. 

Na prisão, porém, se descobriu, para desgosto de Dom Hélder, que Cajá era mesmo do PCR. E não precisou nem que a polícia tirasse esta conclusão, o próprio estudante se revelou através de bilhetinhos que passava para outros presos se dizendo militante do partido e até citando pessoas da Arquidiocese que lhe levavam comida na prisão, dando a impressão de que as mesmas também eram da mesma organização. 

Dom Hélder, que havia defendido o estudante, inclusive dizendo que ele não era do PCR, se sentiu muito mal com a descoberta e nunca mais tratou Cajá com a mesma atenção. 

Esta semana, 34 anos depois, Cajá reapareceu no cenário político, onde se encontrava recolhido ou pelo menos longe dos holofotes, para protagonizar um outro episódio vexatório. A imprensa o surpreendeu no Aeroporto dos Guararapes liderando um pequeno grupo de pessoas que para lá se deslocou para agredir verbalmente a blogueira cubana Yoani Sánchez. 

Era a senha para o que viria depois envergonhando os brasileiros, povo conhecido pelo respeito à liberdade de opinião. Começando em Pernambuco, primeiro estado onde Yoani pôs os pés, na Bahia a deselegância com a visitante continuou, impedindo-a até de desenvolver uma atividade prosaica: assistir a uma documentário no qual era entrevistada sobre a sua defesa dos direitos humanos em Cuba. 

Na mesma semana em que Pernambuco sepultava um dos seus principais líderes políticos, o ex-ministro Fernando Lyra, reverenciado nacionalmente por ter acabado com a censura à imprensa no Brasil, Cajá e seus companheiros davam uma clara demonstração de intolerância e desrespeito à liberdade de expressão. 

O episódio da intolerância dos radicais de esquerda acabou, porém, não tendo o eco esperado e, segundo a Revista Veja, orquestrado pela embaixada de Cuba e um assessor do ministro petista Gilberto Carvalho: pelas redes sociais pessoas de todas as classes sociais condenaram os gestos dos descontentes e defenderam Yoani que acabou experimentando no Congresso – onde não estava prevista sua ida – o direito final de ver o documentário que não pode assistir na Bahia. 

Em 1978 como agora, Cajá deixa o cenário não mais como um militante, mas como um verdadeiro trapalhão. (Na ilustração uma foto de Edival Nunes da Silva, o Cajá, no jornal O Globo).

8 comentários:

  1. CERTA VEZ, POR POUCO MENOS DE 5 MINUTOS EU MANTIVE UM FEEDBACK COM A FILHA DO CHE(ALEIDA GUEVARA) E ELA ME ALERTOU COM UMA FRASE QUE EM SUA TRADUÇÃO EM PORTUNHOL FICOU MAIS OU MENOS ASSIM: “NÃO BASTA ANDAR COM UMA CAMISETA OU BOINA DO MEU PAI. É PRECISO SABER QUEM ELE FOI!!!”. AO ME CONFRONTAR COM ESSA FOTO ACIMA, E O LOCAL, QUE CONHEÇO MUITO BEM. TANTO O PRÉDIO QUANTO CAJÁ, LEMBRO-ME DA ADVERTÊNCIA DE ALEIDA. POIS BEM, CAJÁ, POR SER MUITO ESPERTO, VIVE DE VENDER BUGIGANGAS DO CHE(ELE TEM PASSAGENS DE GRAÇA DE IDA E VOLTA A CUBA TRÊS VEZES POR ANO), COMPRA UMA PARAFERNÁLIA DE LIVROS E QUINQUILHARIA A PREÇO DE BANANA E VENDE A PREÇOS EXCORCHANTES AOS ALTAMIR PINHEIRO DA VIDA, ALÉM DE FAZER PALESTRA SOBRE O CHE PELO INTERIOR DO MARANHÃO E PARAÍBA(DAS QUAIS EU LHE FIZ COMPANHIA EM UMA DELAS). CAJÁ JAMAIS SE PREOCUPOU EM VIVER UMA VIDA ESPARTANA COMO A DE CHE, NEM MUITO MENOS PROCEDER CONFORME OS DITAMES COMO PENSAVA GUEVARA. TUDO ISSO NÃO PASSA DE UMA FARSA...

    ResponderExcluir
  2. PAULO CAMELO, COMENTA:
    Quando Cajá foi preso, Paulo Camelo era Presidente do Diretório Acadêmico do Centro de Tecnologia da UFPE. Na época desenvolvemos uma intensa luta, acompanhada de greve, pela libertação de Cajá.
    Mas, parece-me que cabe uma correção histórica, uma vez que Cajá era militante do MR-8 (Movimento Revolucionário 8 de Outubro), o qual se atrapalhou se filiando ao PMDB e sendo apadrinhado pelo ex-governador de São Paulo, Orestes Quércia.

    ResponderExcluir
  3. MAIS UMA VEZ UMA MULTIDÃO DE POUCO MAIS DE 50 BRUCUTUS ADORADORES DO COMANDANTE MOVIDO A FORMOL, INFERNIZARAM A BLOGUEIRA YOANI SÁNCHEZ. NA TARDE DESTA QUINTA-FEIRA, A CUBANA PARTICIPAVA DE UM BATE-PAPO NUMA LIVRARIA NA AVENIDA PAULISTA, EM SÃO PAULO. E ESSA TURMINHA APOIADORA DA DITADURA DOS IRMÃOS CASTRO SE JUNTOU EM FRENTE AO LOCAL PARA TENTAR IMPEDIR A ATIVISTA DE SE MANIFESTAR. PORÉM, DESTA VEZ, O GRUPO TEVE DE ENFRENTAR APOIADORES DA CUBANA. COM FAIXAS E CARTAZES ONDE ERA POSSÍVEL LER “TROCAMOS YOANI POR ZÉ DIRCEU” E “PASSAGEM SÓ DE IDA PARA CUBA, QUEM QUER?”, OS APOIADORES TRAVARAM UMA BATALHA DE NERVOS COM OS ADMIRADORES DE FIDEL. UM GRUPO DE 12 HOMENS DA POLÍCIA MILITAR ACOMPANHARAM AS MANIFESTAÇÕES E, INFELIZMENTE A TARDE DE AUTOGRÁFO E A ENTREVISTA COM OS BLOGUEIROS PAULISTAS FORAM CANCELADAS. TEM JEITO PRA ESSES CANALHAS!!! DIGAM, SE TEM?!?!?! TODO MUNDO SABE QUE, QUEM TEM MAIS DE 30 ANOS, POUCO MAIS DE DOIS NEURÔNIOS E NÃO VIVE DE BOQUINHA NEM DE CARGO COMISSIONADO NAS ESTATAIS DO PT, SABE MUITO BEM QUE ESSES FACISTAS SÃO "TRABALHADORES" QUE NÃO TRABALHAM, "INTELECTUAIS" QUE NÃO PENSAM E "ESTUDANTES" QUE NÃO ESTUDAM. A TÍTULO DE COLABORAÇÃO, VAI DAQUI UMA SUGESTÃO: "TROCAMOS O POVO CUBANO PELA PETRALHADA", TOPA CAMBADA!!!

    ResponderExcluir
  4. José Fernandes Costa22 de fevereiro de 2013 13:47

    Infelizmente Dom Hélder confiou nesse traste./.

    ResponderExcluir
  5. O que não entendo: uma pessoa aqui diz-se lutar pela democracia, diz-se vítima da ditadura, luta pela liberdade de expressão. Aqui no Brasil. E, estas mesmas pessoas apoiam e defendem a ditadura de Fidel como se fosse a coisa mais certa do mundo. Que contradição é esta? Quer dizer que não poder falar, não poder escrever, não poder sair e chegar, etc..aqui no Brasil é errado e não derramou-se tanto sangue para mudar isto? E lá, em Cuba, é correto? Como? A opressão, repressão e outros males, sendo lá, tudo bem!? É correto?
    Vejo um bando de imbecis com discurso ultrapassado, alienados, cerebralmente lavados, que até hoje vivem de conversa fiada, se dizendo intelectual com uma oratória de dois pesos e duas medidas sobre um único assunto; e comendo mole. Vão trabalhar, produzir e REZAR para que nunca voltemos às trevas.

    ResponderExcluir
  6. Impressiona-me muito os termos e os argumentos baixos e pejorativos utilizados pela Deputada Estadual Terezinha Nunes do PSDB, só fica claro o histerismo reacionário. Além de colocar mentiras sobre a relação de Edival Nunes Cajá com Dom Helder Câmara.
    Uma característica de Dom Hélder foi de sempre estar do lado do justo e naturalmente ele estava do lado da esquerda (e não da DIREITA), que lutava contra a ditadura militar que massacrava o povo. Obviamente ele sempre apoiou todas as organizações que lutavam contra a ditadura. Não é a toa que fez este breve comentário “SE DOU PÃO AOS POBRES, CHAMAM-ME DE SANTO, MAS SE QUESTIONO O PORQUÊ FALTA PÃO NA MESA DE MILHÕES DE FAMINTOS, DIZEM QUE SOU COMUNISTA” Dom Helder Câmara
    Fica claro que a raiva colocada no texto, é pela opção ideológica de Edival Nunes Cajá.
    Agora me pergunto, não vejo Terezinha Nunes ter a mesma raiva
    com a Privataria Tucana,
    não vejo Terezinha Nunes nenhum comentário da Venda a preço de banana da Vale
    do Rio Doce feita por Fernando Henrique Cardoso,
    A VALE DO RIO DOCE VENDIDA POR R$ 3,3 bilhões LUCROU em 9 MESES R$ 20 BILHÔES para onde foi este dinheiro para as trapalhadas do PSDB
    penso que isso sim é uma TRAPALHADA do PSDB.
    Porque CUBA incomoda tanto?
    Será que é porque mesmo o EUA sendo a 1º economia, o Brasil ser a 6º economia e CUBA ser 67º. Os índices sócias mostram realidades bastantes distintas.
    Alfabetização:
    CUBA – 5º lugar
    EUA – 22º lugar
    Brasil – 126º lugar
    Mortalidade Infantil
    CUBA – 4,83 mortes/1.000 nascimentos
    EUA – 5,98 mortes/1.000 nascimentos
    Brasil – 20,5 mortes/1.000 nascimentos

    ResponderExcluir
  7. PINHEIRINHO, TEM UM TRABALHO DE PESQUISA MINUCIOSAMENTE TRABALHADO POR MUITOS E MUITOS ANOS QUE GOSTARIA DE COMPARTILHAR COM OS INTERNAUTAS DO BLOG DO ROBERTO. SEM ANTES, PERGUNTAR: O QUE FOI QUE ACONTECEU?!?!?! A PRIORI, PARA MELHOR ENTENDER O QUE VEM LOGO ABAIXO RELATADO É PRECISO LEMBRAR QUE, A REVOLUÇÃO CUBANA FOI FEITA PELOS BARBUDOS FIDEL, CAMILO E CHE NO ANO DE 1959. DE LÁ PARA CÁ DEU NO QUE DEU!!! SENÃO VEJAMOS:


    ---A primeira nação da América espanhola, incluindo a Espanha e Portugal, que utilizou máquinas e barcos a vapor foi Cuba foi em 1829;

    ---A primeira nação da América Latina e a terceira no mundo (atrás da
    Inglaterra e dos EUA), a ter uma ferrovia foi Cuba, em 1837;

    ---Foi um cubano que primeiro aplicou anestesia com éter na América Latina em1847;

    ---A primeira demonstração, a nível mundial, de uma indústria movida a
    eletricidade foi em Havana, em 1877;

    ---Em 1881, foi um médico cubano, Carlos J. Finlay, que descobriu o agente
    transmissor da febre amarela e definiu sua prevenção e tratamento;

    ---O primeiro sistema elétrico de iluminação em toda a América Latina
    (incluindo Espanha) foi instalado em Cuba, em 1889;

    ---Entre 1825 e 1897, entre 60 e 75% de toda a renda bruta que a Espanha
    recebeu do exterior vieram de Cuba;

    ---Antes do final do Século XVIII Cuba aboliu as touradas por considerá-las
    "impopulares, sanguinárias e abusivas com os animais";

    ---O primeiro bonde que circulou na América Latina foi em Havana em 1900;

    ---Também em 1900, antes de qualquer outro país na América Latina foi em
    Havana que chegou o primeiro automóvel;

    ---A primeira cidade do mundo a ter telefonia com ligação direta (sem
    necessidade de telefonista) foi em Havana, em 1906;

    ---Em 1907, estreou em Havana o primeiro aparelho de Raios-X em toda a América Latina.

    ---Em 19 maio de 1913 quem primeiro realizou um vôo em toda a América Latina foram os cubanos Agustin Parla e Rosillo Domingo, entre Cuba e Key West, que durou uma hora e quarenta minutos;

    ---O primeiro país da América Latina a conceder o divórcio a casais em
    conflito foi Cuba, em 1918;

    ---O primeiro latino-americano a ganhar um campeonato mundial de xadrez foi o cubano José Raúl Capablanca, que, por sua vez, foi o primeiro campeão mundial de xadrez nascido em um país subdesenvolvido. Ele venceu todos os campeonatos mundiais de 1921-1927;

    ---Em 1922, Cuba foi o segundo país no mundo a abrir uma estação de rádio e o primeiro país do mundo a transmitir um concerto de música e apresentar uma notícia pelo rádio;

    ---A primeira locutora de rádio do mundo foi uma cubana: Esther Perea de la Torre. Em 1928, Cuba tinha e 61 estações de rádio, 43 deles em Havana, ocupando o quarto lugar no mundo, perdendo apenas para os EUA, Canadá e União Soviética. Cuba foi o primeiro no mundo em número de estações por população e área territorial;

    ---Em 1937, Cuba decretou pela primeira vez na América Latina, a jornada de trabalho de 8 horas, o salário mínimo e a autonomia universitária;

    ---Em 1940, Cuba foi o primeiro país da América Latina a ter um presidente da raça negra, eleita por sufrágio universal, por maioria absoluta, quando a maioria da população era branca. Ela se adiantou em 68 anos aos Estados Unidos;

    ---Em 1940, Cuba adotou a mais avançada Constituição de todas as Constituições do mundo. Na América Latina foi o primeiro país a conceder o direito de voto às mulheres, igualdade de direitos entre os sexos e raças, bem como o direito das mulheres trabalharem;

    ...........CONTINUA...

    ResponderExcluir
  8. ..........CONTINUAÇÃO...

    ---O movimento feminista na América Latina apareceu pela primeira vez no final dos anos trinta em Cuba. Ela se antecipou à Espanha em 36 anos, que só vai conceder às mulheres espanholas o direito de voto, o posse de seus filhos, bem como poder tirar passaporte ou ter o direito de abrir uma conta bancária sem autorização do marido, o que só ocorreu em 1976;

    ---Em 1942, um cubano se torna o primeiro diretor musical latino-americana de uma produção cinematográfica mundial e também o primeiro a receber indicação para o Oscar norte-americano. Seu nome: Ernesto Lecuona;

    ---O segundo país do mundo a emitir uma transmissão pela TV foi Cuba em 1950. As maiores estrelas de toda a América, que não tinham chance em seus países, foram para Havana para atuarem nos seus canais de televisão;

    ---O primeiro hotel a ter ar condicionado em todo o mundo foi construído em Havana: o Hotel Riviera em 1951.

    ---O primeiro prédio construído em concreto armado em todo o mundo ficava em Havana: O Focsa, em 1952.

    ---Em 1954, Cuba tem uma cabeça de gado por pessoa. O país ocupava a terceira posição na América Latina (depois de Argentina e Uruguai) no consumo de carne per capita.

    ---Em 1955, Cuba é o segundo país na América Latina com a menor taxa de mortalidade infantil (33,4 por mil nascimentos).

    ---Em 1956, a ONU reconheceu Cuba como o segundo país na América Latina com as menores taxas de analfabetismo (apenas 23,6%).

    ---As taxas do Haiti era de 90%; e Espanha, El Salvador, Bolívia, Venezuela, Brasil, Peru, Guatemala e República Dominicana 50%.

    ---Em 1957, a ONU reconheceu Cuba como o melhor país da América Latina em número de médicos per capita (1 por 957 habitantes);, com o maior percentual de casas com energia elétrica, depois Uruguai; e com o maior número de calorias (2870) ingeridas per capita.

    ---Em 1958, Cuba é o segundo país do mundo a emitir uma transmissão de televisão a cores.

    ---Em 1958, Cuba é o país da América Latina com maior número de automóveis (160.000, um para cada 38 habitantes).

    ---Era quem mais possuía eletrodomésticos. O país com o maior número de quilômetros de ferrovias por km2 e o segundo no número total de aparelhos de rádio.

    ---Ao longo dos anos cinqüenta, Cuba detinha o segundo e terceiro lugar em internações per capita na América Latina, à frente da Itália e mais que o
    dobro da Espanha.

    ---Em 1958, apesar da sua pequena extensão e possuindo apenas 6,5 milhões de habitantes, Cuba era 29ª economia do mundo.

    ---Em 1959, Havana era a cidade do mundo com o maior número de salas de cinema: (358) batendo Nova York e Paris, que ficaram em segundo lugar e terceiro, respectivamente.

    E DEPOIS DE 1959, O QUE ACONTECEU?!?!?!

    Veio a Revolução... comunista... E hoje... Resta o desespero de uma população faminta, sem liberdade nem mesmo de abandonar o país, sem dignidade, onde a atividade que mais emprega é a prostituição...


    ESSE MESMO REGIME QUE DESTRUIU CUBA É QUASE O MESMO PROJETO PARA O BRASIL. AFINAL DE CONTAS, O GRANDE SONHO DA QUADRILHA DO PT É TRANSFORMAR O BRASIL NUMA VENEZUELA CUBANIZADA!!!

    ResponderExcluir