GOVERNO DE PERNAMBUCO

GOVERNO DE PERNAMBUCO
Governo de Pernambuco

DETALHES DA POSSE DA NOVA DIRETORIA DO PT GARANHUNS


Doriel Barros,  Lucimar e Pedro Veloso

Na noite do último sábado, dia 30 de novembro, os petistas de Garanhuns reuniram-se para a solenidade de posse da sua nova diretoria, eleita para os próximos quatro anos. O evento ocorreu no Centro de Formação Luiz Inácio Lula da Silva, da Federação dos Trabalhadores Rurais, Agricultores/as Familiares do Estado de Pernambuco-FETAPE.

Vários convidados proferiram discursos no evento, representando os movimentos sociais (STR-Garanhuns, FETAPE, Sindicato dos Metalúrgicos) diretórios do PT dos municípios vizinhos e representantes de outros partidos políticos, como o PCB, PCdoB, PSB e Avante.

Ao fim da fala dos convidados, destacando-se o atual Deputado Estadual Doriel Barros e o ex-Deputado Federal Fernando Ferro, Lucimar de Oliveira fez a sua primeira fala como presidenta do partido, destacando a importância daquele dia histórico não apenas para o PT, mas para a cidade de Garanhuns. O partido tem enfrentado um ciclo de ataques golpistas desde 2016, além da maior dificuldade de atuação nas cidades do interior. Lucimar também agradeceu a todos os militantes que dirigiram o Partido antes dela, citando Eraldo Ferreira, Pedro Passos e Sr. Bezerra, que lá estavam presentes.

Em seu discurso, Lucimar deu as mãos à Márcia Felix, professora Universitária da UAG, e reforçou a importância daquela diretoria ser composta por duas mulheres na presidência e por tantas outras pessoas plurais (negros/as, mulheres, jovens, idosos, estudantes, profissionais do Direito, Serviço Social, Licenciaturas e da Medicina). Inclusive, o médico cardiologista Pedro Veloso foi aplaudido pelos militantes ao ser mencionado nos agradecimentos da presidenta, por seu grande empenho nesta nova fase de organização do PT em Garanhuns.

A presidenta conclamou os militantes a se organizarem para enfrentar a “direita retrógrada, fundamentalista e patriarcal”, que tem por maior representante o atual presidente do Brasil e vem implementando um projeto de destruição dos direitos historicamente conquistados pela classe trabalhadora do país, inclusive os avanços promovidos pelos governos petistas.
Em vários momentos do evento os militantes bradaram por “Lula Livre”, “Lula é Inocente” e “Fora Bolsonaro”, demarcando que pretendem se opor radicalmente ao projeto político de Jair Bolsonaro e, consequentemente, dos seus apoiadores na Cidade de Garanhuns e no Estado de Pernambuco. Após a solenidade, os militantes permaneceram no local, confraternizando-se ao som de um trio de forró pé de serra.

2 comentários:


  1. Juntos e irmanados roguemos todos nós de joelhos e as mãos posta pro céu ao nosso padroeiro Santo Antonio que interceda junto dos ARCANJOS da estratosfera, dos QUERUBINS da camada de ozônio e dos SERAFINS dos ciclos solares para que protejam o município de Garanhuns dessa lástima “incarnada” conhecida como putada petralha com esse papo furado de LULA LIVRE.

    P.T.: - O estatuto do PT deveria ser claro e objetivo, como por exemplo constar apenas dois artigos, ou seja: 1) “Todo PETRALHA fica obrigado a ter vergonha no “fucinho” e deixar de ser cínico quando falar em LULA LIVRE“; 2) “Revogam-se as disposições em contrário”.

    ResponderExcluir
  2. Em Garanhuns os partidos e os candidatos a prefeito e vereadores já estão em campanha política graças ao fim das coligações proporcionais que obrigam os partidos a ter candidatos a vereadores competitivos.As vagas são poucas,apenas o dobro das vagas a preencher em cada partido e cada que se vire para conseguir candidatos competitivos.Acabou a polarização em que os candidatos a prefeito traziam a maioria dos partidos para formarem uma grande coligação proporcional.

    ResponderExcluir