Governo de Pernambuco

Governo de Pernambuco
Governo de Pernambuco

SÉRGIO MORO TENTA PRENDER DILMA, MAS ESBARRA NO STF



Polícia Federal, possivelmente a mando do ministro Sérgio Moro, tentou prender a ex-presidente Dilma Rousseff, envolvendo a petista num caso em que ela sequer é investigada. Mas as pretensões do ex-juiz esbarraram no STF que proibiram a decisão arbitrária.

Apesar de todos os seus defeitos, o Supremo é necessário para preservar o pouco de democracia que ainda temos.

Eis a nota distribuída hoje com a imprensa pela Assessoria de Dilma Rousseff:

É estarrecedora a notícia de que a Polícia Federal pediu a prisão da ex-presidenta Dilma Rousseff num processo no qual ela não é investigada e nunca foi chamada a prestar qualquer esclarecimento.

A ex-presidenta sempre colaborou com investigações e jamais se negou a prestar testemunho perante a Justiça Federal, nos casos em que foi instada a se manifestar.

Hoje, 5 de novembro, ela foi convidada a prestar esclarecimentos à Justiça, recebendo a notificação das mãos civilizadas e educadas de um delegado federal. No final da tarde, soube pela imprensa do pedido de prisão.

O pedido de prisão é um absurdo diante do fato de não ser ela mesma investigada no inquérito em questão. E autoriza suposições várias, entre elas que se trata de uma oportuna cortina de fumaça. E também revela o esforço inconsequente do ministro da Justiça, Sérgio Moro no afã de perseguir adversários políticos. Sobretudo, torna visível e palpável o abuso de autoridade.

Ainda bem que prevaleceu o bom senso e a responsabilidade do ministro responsável pelo caso no STF, assim como do próprio Ministério Público Federal.

2 comentários:

  1. Realmente é muito atrevimento do ex-juiz Moro prender uma vagaba petralha da laia da Dilma. Afinal, a ESTOCADORA DE VENTO não oferece qualquer risco, desde que não pegue num microfone...

    ResponderExcluir
  2. 0 abuso de autoridade tem sido uma constante do ex-juiz Sérgio Moro desde quando começou o mensalão em 2005 quando ele e seu grupo somente vira que o maior ladrão foi o tesoureiro do PT Vaccari e o Lula ex-presidente.

    "Não fomos investidos de autoridade para declarar INCONSTITUCIONAL a própria CONSTITUIÇÃO".Rosa Weber em seu voto decisivo que fará mais uma vez o STF a empatar uma votação sobre JURISPRUDÊNCIA EM 2016 E HABEAS CORPUS em 2018 cujo placar foi de 5 x 5 e por 2 vezes a Dra Carmem Lúcia decidiu o jogo.Amanhã 07/11/2019 as AÇÕES DIRETAS DE CONSTITUCIONALIDADES estará sedo decidido pelos Doutores Gilmar Mendes, Celso de Melo, Dias Tollofi e Carmem Lúcia.

    Até hoje somente vi o presidente falar uma verdade sobre uma fala do filho Flávio Bolsonaro Senador pelo Rio de Janeiro quando assim que assumiu escreveu no TWITTER assim: "eu vou defender a pena de morte no senado federal".No outro dia o pai disse assim: "meu filho, não está em meus planos defender a pena de morte. A pena de morte é uma CLÁUSULA PÉTREA".

    E por que 6 juízes da suprema corte do Brasil em 2016 aprovaram uma JURISPRUDÊNCIA dando o poder ao ex-juiz Sérgio Moro prender coercitivamente ilegal centenas de pessoas?

    Presunção de inocência e trânsito em julgado são CLÁUSULAS PÉTREAS que consta na constituição federal artigo 5º inciso LVII.E as cláusulas pétreas são irrevogáveis.

    Foi o assunto que mais o ex-deputado federal que foi meu professor de Química no Colégio e Curso União em 1980 defendeu no plenário da Câmara Federal.

    Por isso que o decano Dr. Marcos Aurélio Melo foi relator de 3 AÇÕES DIRETAS DE CONSTITUCIONALIDADES propostas pelo OAB e os partidos Rede e PCdoB.

    No dia 05 de abril de 2018 o Dr. Marcos Aurélio Melo pediu a Dra Carmem Lúcia que pautasse antes da votação do habeas corpus do Lula as ADCs.Covardemente e incompetentemente também ela teimosamente não acatou senão o Lula não teria sido preso e nem teria sofrido todos os constrangimentos que passou até hoje diante dos recursos negados pela operação vaza jato do ex-juiz Moro e do procurador Deltan Dallagnol.

    0 voto mais decisivo e competente e maravilho foi dado pela Doutora ROSA WEBER há poucos mais de 15 dias quando assim se expressou : "NÃO FOMOS INVESTIDOS DE AUTORIDADE PARA DECLARAR INCONSTITUCIONAL A PRÓPRIA CONSTITUIÇÃO".

    Foi uma tapa na cara dos juízes da suprema corte que já votaram pelas prisões em segunda instância os Doutores Alexandre de Morais, Luiz Fux,Luiz Barroso, Edson Fachin e Carmem Lúcia.

    Dr. Gilmar Mendes,Lewandowski,Celso de Melo,Marcos Aurélio, Rosa Weber e Dias Toffili deverão derrubar a jurisprudência e afirmando a frase mais importante e correta da Doura Rosa Weber. "NÃO FOMOS INVESTIDOS DE AUTORIDADE PARA DECLARAR INCONSTITUCIONAL A PRÓPRIA CONSTITUIÇÃO".

    A prisão da Dilma ontem seria mais um caso para o ex-juiz aparecer com todo o aparato policial praticando um dos escândalos da operação vaza jato que vazou tudo para GLOBO E VEJA para arrombar com o PT do Lula e da Dilma,os quais,deram total apoio a polícia federal a justiça brasileira e hoje eles abusaram de suas prerrogativas para atingi-los frontalmente.

    "Não troco minha dignidade pela minha liberdade" assim se expressou o Lula em todas as suas entrevistas que concedeu do cárcere para mais de 10 entrevistadores.

    ResponderExcluir