SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

terça-feira, 15 de outubro de 2019

GARANHUNS SENTE A PERDA DE CRISTIANA NOTARO


Morreu do domingo para a segunda, num hospital da cidade, a garanhuense Cristiana Santana Notaro, 48 anos, filha de dona Edeilza Notaro, proprietária da floricultura Flores de Abril, que funciona há muitos anos na Avenida Santo Antônio.

Falecimento de Cristiana, com muitos amigos em Garanhuns, deixou todos que a conheciam tristes e consternados. Ela era sobrinha da ex-primeira dama Edjenalva Amaral, afilhada do ex-prefeito Ivo Amaral.

Ivo confessou ter sentido muito a morte de Cristiana Notaro, admitindo que dona Nalva está abalada. "Ela e a mãe almoçavam todas às quinta-feiras conosco", revelou.

Comerciante levou uma queda, pouco tempo atrás e quebrou o braço em três lugares. Foi levada a um hospital local para ser operada e lá os médicos descobriram que tinha diabetes, além de sofrer com asma.

Essas doenças tornaram a cirurgia delicada, tendo sido feita com anestesia local.

Foi levada à UTI, mas não resistiu. O sepultamento foi ontem à tarde.

Cristiane estudou o curso pedagógico no Colégio Santa Sofia e trabalhava ajudando a mãe na floricultura. Seu pai, o comerciante garanhuense Mário Notaro, já é falecido.

Muitos estão se expressando hoje nas redes sociais. Seguem alguns depoimentos:

Betinho Cândido: Nada voltará a ser igual, pois perder um amigo é ver desaparecer uma parte importante daquilo que somos. Descanse em paz, Cristiana Notaro!

Cristiane Silva: Uma pessoa maravilhosa estudamos juntas no magistério, que descanse em paz. 



José Godoy: Ela cumpriu o caminho dela e seguirá outro, certamente com a alegria de sempre. Deu um bom exemplo de apesar da deficiência que tinha viver sempre pra cima com um sorriso nos lábios e trabalhando satisfeita com a mãe .

Josália PimentelMeu Jesus que notícia triste. Ela era uma amiga e dizia sempre ser minha fã. Estou passada!

Que Deus conforte Edeilza, Edjenalva, Ivo, demais familiares e todos os amigos (as) que neste momento estão tristes pela partida de Cristiana, uma mulher de coração puro,  que iluminava Garanhuns com um sorriso doce que nunca lhe saia do rosto.

2 comentários:

  1. Uma defensora intransigente e chegando até ser malcriada com quem maltratasse sua querida Garanhuns. Não sei informar se minha querida baixinha como gostava de tratá-la, se alguma vez ela foi ao Tororó para água beber. Mas, bebeu das águas cristalinas de sua querida terra natal...

    P.S.: - Cristiana deixou boas lembranças, não cicatrizes. Que a terra lhe seja leve...

    ResponderExcluir
  2. Sou da família, sobrinha de Cristiana.
    Agradecemos as homenagens, carinho, condolências e orações de muitos amigos.

    Mas a fim de esclarecimento venho retificar algumas informações relatadas:

    - Ela tinha 49 anos, em setembro foi seu último aniversário, nascida em 1970.

    - Ela não sofria da doença de diabetes, nem tão pouco foi descoberto no hospital, ao contrário nos exames pré operatório suas taxas estavam normalissimas.

    - O que a levou a fazer uma cirurgia foi uma queda que fraturou o cotovelo, na ocasião ela foi reconstruído. Durante o processo cirúrgico além de contar com os médicos locais venho também uma equipe de Caruaru, por ser um processo minucioso.

    - Ela já sofria de asma, tinha dificuldades de respirar, isso também não foi descoberto na cirurgia. Ela sempre fez tratamento para conviver com isso.

    - A cirurgia era de baixo risco, foi necessário apenas anestesia local, mas era muito delicada pois tinha que reconstituir a estrutura do cotovelo.

    - A causa da morte foi a dificuldade de respirar, levando -a a ter uma parada cardíaca respiratória.

    Agradecemos a todos, solicito de possível retificar as informações acima.
    Grata Milena, em nome da família.

    ResponderExcluir