SECRETARIA DE SAÚDE DO ESTADO

REPASSANDO A HISTÓRIA

Na foto vemos o hoje senador Jarbas Vasconcelos, o ex-ministro Marcos Freire, o então líder sindical Lula e o socialista Miguel Arraes. Estavam, nesta época, todos do mesmo lado. Formavam uma frente de lideranças progressistas contra a ditadura. Depois alguns tomaram caminhos diferentes. Jarbas se aliou ao PFL e foi governador de Pernambuco duas vezes. Marcos foi ministro de Sarney e morreu num desastre de avião. Lula se elegeu presidente duas vezes e fez sua sucessora. Miguel Arraes foi o único a governar o Estado em três oportunidades e morreu com mais de 86 anos. Seu neto, Eduardo Campos, está no segundo mandato de governador. É uma foto histórica, reunindo num dado momento quatro grandes políticos que ajudaram a construir o Brasil dos dias atuais. (Não consegui descobrir o fotógrafo, mas seria bom que ele se apresentasse para que a gente pudesse dar o crédito).

10 comentários:

  1. histórico é que eles nunca comprovaram o que diziam ser. Debandaram todos pra direita. Inclusive o Arraes que fazia conchavo com a direita. QUEM SE LEMBRA DOS SENADORES DIREITÕES MANSUETO DE LAVOUR E O USINEIRO FARIAS. O neto continua seguindo o avô. 70% dos componentes da Assembléia Legislativa que lhe dão apoio veio da direita. São todos farinhas do mesmo saco..................................

    ResponderExcluir
  2. Eduardo de Heliópolis: todos eles foram importantes na luta pela redemocratização do país. Arraes e Jarbas foram grandes governadores e Lula o maior presidente que o país já teve. Marcos Freire infelizmente morreu muito cedo e por isso não deixou uma marca maior na história mas nos anos 70 era mais importante que Jarbas e Arraes.

    ResponderExcluir
  3. Dizer quen o vovô MARCOS FREIRE morreu muito cedo é piada de mau gosto....................

    ResponderExcluir
  4. Marcos Freire morreu com pouco mais de 50 anos. Jarbas está com quase 70, Ulisses Guimarães viveu perto de 80 e Oscar Niemeyer já passou dos 100. Você é mesmo um urubu que não respeita nem a memória do grande senador pernambucano que morreu jovem para os padrões de hoje, quando a média de vida no Brasil há muito passa dos 70. Piada de mau gosto é sua presença no blog sua ave de rapina.

    UMA ÓRFÁ DE MARCOS FREIRE, sem medo e com ódio.

    ResponderExcluir
  5. José Fernandes Costa disse...
    Fazer alianças dentro do bom senso da política partidária é comum em qualquer país. Sem partidos políticos, por podres que sejam, não há democracia. E foi isso o que Miguel Arraes fez. E derrubou os dois candidatos da direitona (Arenão) àquela época. Elegeu Antônio Farias e Mansueto de Lavor. Por azar, além de ambos não serem grande coisa, ainda veio de contrapeso o ordinário Ney Maranhão, que assumiu a vaga de Antônio Farias, com a morte deste. – Como Arraes não tinha opção e precisava derrotar a Arena, lançou os dois e ganhou. Registre-se que quem ganhou aquele pleito foi Miguel Arraes. - E foi isso também o que Eduardo Campos fez agora. Botou pra fora do Senado o Marco Zero Maciel e Severino Estelita Guerra. Este nem quis concorrer, porque sabia da derrota. – Foi aí que apareceu um presunçoso olímpico Raul Jungman querendo dar uma de candidato. É muita pretensão desse Jungman e do seu PPS de “araque”. Como também do intragável Roberto Freire. - Outra: Jarbas não tem história para se comparar a Miguel Arraes, NUNCA. EM TEMPO ALGUM. - Quanto ao ex-senador Marcos Freire, este sim, era ótimo político e faleceu muito novo./.

    ResponderExcluir
  6. Esse Zé Fernandes parece ter as mesmas características de destreza e picuinhas dos comunistas de araque que estão na direção do Dom Moura. Os do lado deles(inclusive eles mesmos) são impecáveis, até os irmãos Castros da Cuba falida!!!!!!!!!!
    Esse cabra de Bom Conselho é tão arrogante(apesar de sabido e escrever bem) que adora e defende com unhas e dentes a desastrada prefeita de sua cidade, pooooode!!!!!!!!!!!!!!! SE EU ESTOU ERRADO, AFONSO DIDIER, CORRIJA-ME POR FAVOR????????????????????????????????????

    ResponderExcluir
  7. Misturar alhos com bugalhos é próprio de quem NÃO sabe o que diz. Primeiro, o anônimo acima NÃO sabe o que é ou foi comunismo. Tampouco sabe o que significa socialismo. Em seguida, pretende juntar a história política de oito décadas aos furtos do Dom Moura e de muitos outros hospitais. Esse é o protótipo do analfabeto de pai, mãe e parteira. 2. No dia 13 de agosto de 2005, fui ao Palácio das Princesas visitar, pela última vez, o Dr. Miguel Arraes de Alencar. Era o seu VELÓRIO. NUNCA havia visto tantos caminhões chegando com tantas coroas de flores. As dependências do palácio estavam lotadas de flores. Dali as homenagens se estendiam aos jardins. Todos os estados brasileiros, dos mais longínquos recantos se fizeram representar. Muitos e muitos países também se incorporaram a essa prova de admiração pelo velho Arraes. Para o anônimo não pensar que as homenagens vinham dos "comunistas", adianto que EUA, França e muitos países outros da Europa Ocidental estavam presentes. Também, países de outros continentes. 3. Se o arrogante Jarbas Vasconcelos morrer hoje ou amanhã, eu vou ao velório dele para conferir o seu prestígio nacional e internacional. 4. Quanto ao que disse o anônimo sobre a prefeita de Bom Conselho, Judith Valéria A. Lira, sugiro que o anônimo se junte aos “coronéis” do atraso e tirem a prefeita do cargo que o povo lhe concedeu. – Por fim, essa sua expressão “cabra de Bom Conselho” reflete o grau de cultura e educação que você teve e tem. – É ISSO./.

    ResponderExcluir
  8. E além de tudo é valentão!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  9. Como eu te conheço Zé. Eu acho que tu embarca primeiro do que o Jarbas. A título de sujestão, por que não pedir a JUDITE que mantenha uma ambulância a sua disposição................

    ResponderExcluir
  10. A foto é de Passarinho, FOTOGRAFO QUE MORAVA NA SEDE DO PARTIDO NA RUA FELICIANO GOMES NO DERBY

    ResponderExcluir