Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa
Assembleia Legislativa

sábado, 26 de setembro de 2009

A VISÃO DO PROMOTOR

O promotor Alexandre Bezerra enviou à justiça o processo concluído por ele sobre o escândalo da ponte. Depois das investigações que fez, concluiu que oito agentes públicos se envolveram no caso, inclusive o prefeito Luiz Carlos, Andréia Fabiana e dois ex-secretários do município. Alexandre fez a sua parte, porém ele mesmo tem consciência que a justiça poderá inocentar algum dos denunciados. Principalmente por conta da saída dos ex-auxiliares e pela Empresa Construlins ter assumido o ônus, devolvendo os R$ 18 mil que tinha recebido à prefeitura.
Alexandre acha que o prefeito está envolvido em fatos graves, como esse e o da Escola Miguel Arraes de Alencar, onde muito mais dinheiro está em jogo. Acredita, no entanto, que no Brasil é muito difícil punir o governante quando está no cargo. Assim, as maiores dores de cabeça viriam no final do mandato, quando não houver mais a tal de imunidade. Na foto (publicada originalmente no Jornal Cidade) o promotor Alexandre, que não pensa mais em disputar eleição, ao lado de sua esposa Silvia.

Um comentário:

  1. Amigo Roberto, ao que me consta nunca lhe disse que a Judiciário poderia inocentar algum dos envolvidos no episódio da ponte. A ação do MP, assinada por mim, apresenta todas as provas necessárias à condenação dos agentes públicos e privados. No mais, a devolução da importância obtida irregularmente só reforça a idéia da irregularidade. De qualquer forma, como exige a lei e o Estado Democrático de Direito, vamos aguardar a defesa dos réus e o pronunciamento do Poder Judiciário, a quem cabe decidir o fato. Alexandre Bezerra.

    ResponderExcluir