SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

domingo, 17 de outubro de 2010

TUMULTO MARCA VISITA DE SERRA AO CEARÁ

Terminou em tumulto uma missa  na Basílica de São Francisco das Chagas, que fez parte da agenda de compromissos do candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra. No final de celebração, o padre disse que eram mentirosos os panfletos que circulavam na igreja afirmando que a candidata petista, Dilma Rousseff, era a favor do aborto e tinha envolvimento com grupos terroristas como as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc).

O padre disse que aquelas mensagens estavam sendo atribuídas à igreja, mas que ela não autorizava esse tipo de publicação em seu nome.

O senador Tasso Jereissati (foto), que acompanhou a missa ao lado de José Serra, se exaltou e afirmou que era um “padre petista” como aquele que estava “causando problemas à igreja”.

Alguns partidários do tucano também se exaltaram e o padre saiu escoltado por seguranças. Nenhum membro da administração da paróquia confirmou o nome de padre. Disseram apenas que ele não era da cidade.

Militantes do PT, com bandeiras com o nome de Dilma, estavam na porta da basílica na saída da missa. Houve um princípio de briga entre eles e os militantes do PSDB.

O panfleto não assinado que circulou na igreja falava em três “grandes motivos para não votar em Dilma”. O texto acusa a candidata de ter se envolvido com as Farc, de ser favorável ao aborto e de envolvimento em casos de corrupção na Casa Civil.

Durante a missa, a chegada de Serra e seus apoiadores causou um tumulto. O padre pediu que os políticos não atrapalhassem o objetivo principal da cerimônia, que era a veneração a São Francisco. No momento da comunhão, muitos fiéis se aglomeraram em volta do candidato para tirarem fotos, além de equipes da imprensa. (Fonte: Portal UOL).

*A reação do senador Tasso Jereissati ao padre que criticou os panfletos contra Dilma é a principal manchete de capa do jornal O Povo, o principal veículo impresso de Fortaleza. Mais dados no Blog Rosas do Capibaribe (link ao lado) ou vá diretamente ao site do jornal cearense.

4 comentários:

  1. Todos os canais de Tvs transmitiram a visita do NOSFERATU ao Ceará, mostrando uma visita tranquila,inclusive o dito cujo apelando para sua demagogia barata, com uma estátua do santo padroeiro.E ainda tem gente que discorda do Amorim e não acredita que exista o PIG(Partido da Imprensa Golpista.Veja no nosso blog quanto esta imprensa marrom levou do Governo Serra.
    www.educacaoelutape.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Essa campanha baixa e suja, de ambos os lados, só diminui a importância do embate político e de ideias para o país. Sei que, frente a todos os escândalos petistas, a seus erros gravíssimos, pelo menos na eleição eles não se valem de boatos para angariar eleitores. Serra, apesar de apresentar o melhor modelo de gestão e administração para a nação, vale-se de artifícios pedestres para conquistar seus objetivos eleitorais. Lamentável.

    Ante a tudo que está acontecendo, às contradições de Dilma e do PT, às acusações de cunho moralista e conservadora da base tucana, o eleitor se sente perdido. Eu mesmo estou atordoado desde o início da campanha. A guinada conservadora e religiosa me assustou. Agora, ter uma figura do cunho de Silas Malafaia em seu programa na TV consegue superar qualquer baixaria imaginada por mim num Estado laico. A penetração de religiões no debate político nacional é alarmante, preocupante, ultrajante. Ofende minha inteligência, minha crença e minha posição como agnóstico.

    É por tudo isso que, diante de toda a interferência moral e religiosa numa campanha que supostamente deveria ser política, posiciono-me contrário e mudo de opinião. Minha formação política é com a igualdade, com a democracia, com a liberdade, e não com um partido político e/ou a figura de um líder imaculado. Assim sendo, para não ficar pior do que já estamos, para não dar apoio a camadas preconceituosas e que representem perigo ao Estado democrático de direito, para impedir a não-laicização estatal, voto, agora, Dilma, presidente do Brasil.

    ResponderExcluir
  3. A TV Record noticiou o caso dos 2 milhões de panfletos que bispos de São Paulo mandaram fazer criminalizando Dilma. O fato foi notícia ontem em vários sites, mas a TV Globo ignorou totalmente, como fez na campanha das diretas em 1984. E o aborto, embora tenha sido notícia na Folha de São Paulo, não entrou na pauta. Se fosse Dilma envolvida você tem dúvida de já teriam acabado com ela? O Serra, com a ajuda da mídia amiga, está tentando inverter as coisas: se fazer de vítima, embora a revelação não tenha partido do PT. Mas ele quer dizer que foi. Para quem conhece a história dos nazistas e já ouviu falar de Goebbels entende perfeitamente a psicopatia dessa gente.

    ResponderExcluir
  4. PENSE NUMA DISCUSSÃO INÚTIL, PENSE!!! QUANDO ELEITORES DE UM PAÍS PASSAM A DISCUTIR QUEM É MAIS RUIM SE UM PAPAFIGO DO ZÉ SERRA OU UMA VACA TERRORISTA COMO A BÚLGARA DILMA ROUSSEFF PARA DIRIGIR OS DESTINOS DO PAIS, É UMA PROVA QUE, EM TERMOS MORAL E POLÍTICO ESTAMOS LASCADO!!!

    ResponderExcluir