POLÍTICA E CRÍTICA SOCIAL NOS FILMES DE CHARLIE CLAPLIN

Nunca é demais lembrar que o inglês Charlie Chaplin foi um gênio.

Realizou 81 filmes em sua longa carreira, provocando risos e lágrimas em milhões de pessoas em todas as regiões do mundo.

Duas de suas obras primas são "Tempos Modernos" e o "Grande Ditador".

O primeiro, ainda dos tempos do cinema mudo, é uma crítica ao capitalismo e as novas tecnologias.

Veja você a visão deste homem: o filme é de 1936, quando a televisão ainda engatinhava na Europa e Estados Unidos e nem tinha chegado ainda no Brasil.

Em Tempos Modernos,  Chaplin também aborda os abusos da justiça e da polícia.

As questões sociais estão presentes em toda as obras do inglês, embora pareçam às vezes simples comédias.

Mas como se fosse pouco estar à frente do seu tempo com "Tempos Modernos",  o cineasta,  três anos depois (em 1939) produziu  "O Grande Ditador", este já um filme falado.

Neste longa, o diretor ironiza a figura de Adolf Hitler; na prática prevê tudo que vinha pela frente, com todos os horrores do regime nazista.

Mais de 80 anos depois esses filmes, divertidos, porém feitos com um toque de arte, continuam atuais e podem ensinar alguma coisa aos homens sobre os males da modernidade e dos riscos da tirania.

Charlie Chaplin é indispensável e muitos dos seus filmes podem ser encontrados gratuitamente, em canais do YouTube. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SUBSÍDIO PARA COMPRA DE CASA

SUBSÍDIO PARA COMPRA DE CASA
FINANCIAMENTO PARA CASA PRÓPRIA