Governo de Pernambuco

Governo de Pernambuco
Governo de Pernambuco

SIVALDO DÁ TRÊS EXPEDIENTES NA PREFEITURA E PRETENDE RESPONDER CRÍTICAS COM TRABALHO


Sivaldo Albino se entregou por inteiro à missão de administrar Garanhuns.

Está no gabinete principal do Palácio Celso Galvão todos os dias. Dá expediente pela manhã, à tarde e à noite.

A jornada está indo até meia noite, uma hora da manhã.

Um ritmo pesado, que somente uma pessoa jovem, com muita disposição suporta.

Despacha com os secretários, atende vereadores e embora não esteja ainda atendendo a população em geral abre espaço na agenda quando há necessidade.

Prefeito está consciente de que vivemos um momento difícil e procura conter gastos no município.

Acredita que nos seis primeiros meses terá “arrumado a casa” e no segundo semestre deste ano os frutos do trabalho intenso começarão a aparecer.

Não parece preocupado em criticar a gestão passada, mas dá a entender que o povo vai tomar conhecimento da real situação em que encontrou o município. 

Por enquanto não adianta muito, mas se sabe que havia alguma coisa estranha na locação de carros e de câmeras de vigilância.

Contratos tiveram de ser encerrados e outros foram revistos, com os preços caindo pela metade, gerando economia para a cidade. 

Não dá para esbanjar dinheiro público, principalmente numa crise dessas, provocada por um vírus que está matando pessoas.

Prefeito acredita que as críticas podem ser construtivas, corrigir eventuais falhas e apontar caminhos. Fazem parte da democracia.

Existem, porém, os que começaram a bater antes do socialista assumir o cargo e subiram o tom com apenas sete dias úteis de governo.

Os que estão agindo assim,  por motivação pessoal ou querendo chantagear a administração para tentar obter vantagens,  não vão conseguir nada.

Sivaldo garante que não vai ceder, pois ficaria refém de pessoas que estão pensando em si e não em Garanhuns.

Ele deixa claro que não será um prefeito somente de gabinete. Pretende estar nas ruas, nos bairros, conversando com o povo.

As críticas,  o gestor pretende responder com trabalho e pela disposição teremos um governo eficiente, moderno,  que irá corresponder aos anseios do povo de Garanhuns.

Aliás, a população local deixou claro na eleição que deseja mais, não se contenta mais somente com pavimentação de ruas.

É esperar pra ver o que acontece e torcer que as coisas deem certo. Melhor saúde, fortalecimento da economia, avanços na educação, redução das desigualdades, é a pauta da hora.

O novo prefeito parece atento a tudo isso, a um novo tempo que está apenas começando.

3 comentários:

  1. Caros, bom dia.
    Não acredito em quem já está batendo forte no Prefeito esteja fazendo pensando em ajudar ao povo de Garanhuns, são duas situações: aparecer nas redes sociais ou falta escrúpulo querendo chantagear o administrador para levar vantagem como tentou fazer com o ex-presidente da Câmara Daniel da Silva.
    Fui e sou ELEITOR de Zaqueu Lins, mas quero que Sivaldo faça uma administração superior a Izaias, pois todos nós ganhamos.
    A crítica é construtiva quando tem fundamento agora carregada de veneno deixa transparecer Mágoa, inveja ou chantagem. Que o povo de Garanhuns não se deixe levar por mídia irresponsável.
    Paulino.

    ResponderExcluir
  2. Quer uma cidade evoluída?

    Traga empregos formais para a população, tire Garanhuns desse atraso que é expulsar empresas e indústrias de Garanhuns, a CIDADE tem uma população falida que só VIVE de fazer bicos em festas e festivais em Garanhuns, Garanhuns não vai ser sempre fria não para trazer turistas, o clima do mundo muda dia a dia, se GARANHUNS Ficar só a depender de uma cultura só para crescer e desenvolver - se vai ficar uma cidade falida no futuro, traga ,lute agregue as indústrias e comércio e empresas de tecnologia, e turismo, para Garanhuns ser uma cidade desenvolvida, GARANHUNS TEM DNA DE CAPITAL ENTÃO TRABALHE PARA ISSO
    BOA SORTE NO SEU TRABALHO COMO PREFEITO.

    ResponderExcluir
  3. PAULO CAMELO: Não se esqueçam que o prefeito Sivaldo Albino agora é "vitrine". Vale lembrar que Sivaldo quando oposição critica, até o "vento", em demasia aquele adversário que estiver no governo municipal, mesmo sendo outrora aliado. Afinal ele foi aliado e crítico dos ex-prefeitos Luís Carlos e Izaías Régis. O que se sabe é que Sivaldo dar muito trabalho a Justiça Eleitoral, criando problema desnecessários. Na Eleição de 2020 Sivaldo e o seu grupo insinuaram solicitar a intervenção militar na cidade, sem uma justificativa plausível. O seu partido, o PSB, entrou com uma representação judicial condenando as doações, de bens, que o ex-prefeito Izaías Régis promoveu em plena pandemia do COVID 19. Vamos ver se Sivaldo vai anular as doações. Interessante é que a doação relativa ao terreno localizado por trás do Pau Pombo, não foi, à primeira vista, sequer mencionada. ESSE SIVALDO É UMA RESENHA. NÃO ACHA?.

    ResponderExcluir