SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

ALEPE

ALEPE
ALEPE

segunda-feira, 18 de abril de 2016

POLÍCIA ENCONTRA CORPO QUE PODE SER DO JORNALISTA CARUARUENSE MARCOLINO JÚNIOR

O site da TV Asa Branca noticiou, agora há pouco, que foi encontrado um corpo em Sairé que pode ser do jornalista Marcolino Junior, desaparecido deste o último sábado.

A informação foi repassada ao G1 Caruaru pelo tenente-coronel Galindo, comandante do 4º Batalhão da Polícia Militar.

O corpo que a polícia supõe ser do jornalista foi descoberto no Distrito de Insurreição, segundo o Instituto de Criminalística. Uma equipe de perícia chegou ao local por volta das 16h.

O G1 informou ainda que a Polícia Militar flagrou um homem tentando vender o veículo de Marcolino Junior em uma área comercial de Caruaru, nesta segunda-feira.

“O automóvel do jornalista foi levado para a sede da 1ª Delegacia de Caruaru. Segundo a polícia, o homem suspeito de envolvimento no caso foi levado para prestar esclarecimentos na Delegacia Regional do município”, noticiou o site caruaruense.

IMAGENS -  A polícia divulgou imagens gravadas pelos circuitos de vigilância de um mercado e de uma pousada de Caruaru, registrando momentos nos quais o jornalista e colunista social Marcolino Junior, de 46 anos, foi visto antes de desaparecer, às 14h do sábado passado.

Essas imagens foram divulgadas na primeira edição do telejornal da TV Asa Branca, nesta segunda-feira.

O vídeo mostra o jornalista fazendo compras no mercado, na companhia da mãe. Depois disso ele teria ido para casa almoçar, saiu de sua residência e foi visto entrando em uma pousada para visitar um amigo.

Quem investiga o caso é a delegada Sara Gouveia, que revelou estar ouvindo algumas pessoas e fazendo diligências.

O DESAPARECIMENTO - Residente em Caruaru, no Agreste, Marcolino Junior foi visto pela última vez no sábado (16) antes de desaparecer. Ele almoçou com a mãe e depois saiu de casa, não sendo mais encontrado após tentativas de ligação e mensagens no celular desde então.

Segundo a família, Marcolino havia marcado encontro com alguns colegas para fazer a cobertura de um casamento no município, mas não apareceu no local.

"Ele é bastante responsável e nunca sai sem informar a mãe dele. Ela tem 72 anos e está debilitada. Eu e outros amigos a medicamos e estamos dando assistência a ela", informou uma pessoa ao Portal da Globo em Caruaru.


Ainda no domingo, a mãe do jornalista foi à primeira delegacia da cidade e fez um boletim de ocorrência sobre o desaparecimento do filho.

Marcolino Júnior era (caso se confirme que o corpo encontrado é mesmo do jornalista) bastante conhecido em todo o interior, pelo seu trabalho em jornais e na televisão. Amigo da colunista Kitty Lopes, sempre prestigiou as festas realizadas por essa profissional aqui em Garanhuns.

*Foto: Portal G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário