quinta-feira, 31 de março de 2016

PROFESSORES DE CAETÉS RECEBEM REAJUSTE

Além de efetuar o pagamento de todos os servidores municipais, o Prefeito de Caetés Armando Duarte reajustou o novo piso salarial dos professores, com aumento de 11,36%.

De acordo com a Secretária de Educação Soraya Cristina de Almeida, os professores também estão recebendo neste mês de março, os retroativos referentes aos meses de janeiro e fevereiro. Ainda, segundo a secretária, as jornadas de trabalho dos professores variam de 20 a 40 horas semanais.

A legislação determina que os Municípios, Estados e União devem pagar pelo menos o valor fixado por lei para professores com formação de nível médio e jornada de 40 horas semanais, e que os governos devem ajustar o salário para outras jornadas de trabalho de acordo com o piso.


Os professores da rede municipal de Caetés nunca foram tão reconhecidos e a gestão atual entende que a valorização dos profissionais do ensino é essencial para uma educação de qualidade.

Foto: Secretária de Educação Soraya Cristina, governador Paulo Câmara, gestora do CMC, Tânia Dourado e o prefeito Armando Duarte.

4 comentários:

  1. Esse é o nosso prefeito, parabéns Armando Duarte.Meu prefeito, meu prefeito...

    ResponderExcluir
  2. Eu gostaria de chamar a responsabilidade dos Secretários de Educação de alguns municípios do Estado de Pernnambuco.Grande parte das Escolas os banheiros são um vergonha.Não se tem água papel higiênico,pia de lavar as mãos,a fedentina é insuportável e muitos alunos e alunas fazem suas necessidades fisiológicas na chão porque não conseguem no vaso sanitário cujas urinas se acumulam.

    Passar perto desses banheiros nem pensar porque fedem de mais até.As portas dos banheiros não tem trinco nenhum.Quando uma aluna vai ao banheiro uma outra precisa ficar na porta . Isto é uma vergonha.

    Parabenizo o Prefeito de Caetés pelo muito que feito em prol da Educação de Caetés.Elogios e aplausos sinceros!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns prefeito Armando!lembre dos aposentados todos doentes pelo fardo de 30 anos de ensino com precariedade de salário condição de trabalho etc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A gestão passada deixou a Previdência com um rombo sem precedentes. Mas uma herança maldita daqueles que saquearam o município, tirando dos servidores o direito de gozar com dignidade a sua aposentadoria.

      Excluir