quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

MORRE FERNANDO LYRA - UM DOS HEROIS DA RESISTÊNCIA À DITADURA MILITAR

Morreu hoje à tarde, no Instituto do Coração, em São Paulo, o ex-deputado federal Fernando Lyra, 74 anos,  um dos heróis da resistência à ditadura militar de 1964.

Pertencente à tradicional família política de Caruaru, Lyra exerceu sete mandatos na Câmara Federal e foi Ministro da Justiça no Governo Sarney.

Seu pai, João Lyra Filho, foi prefeito da capital do Agreste e deputado estadual. Seu irmão, João Lyra Neto também foi prefeito de Caruaru e hoje é o vice-governador de Pernambuco.

Quando se fala que Fernando foi um dos heróis da resistência não há exagero.

Nas décadas de 60 e 70, personagens importantes da história recente do Brasil, como Miguel Arraes, Francisco Julião e Leonel Brizola estavam no exílio.

No Brasil, e em Pernambuco em particular, homens como Marcos Freire, Jarbas Vasconcelos, Marcus Cunha, Sérgio Murilo Santa Cruz, Assis Pedrosa, Pedro Eurico e Fernando Lyra levantavam a voz contra os excessos do regime de generais.

Lyra foi um dos melhores oradores de Pernambuco e um dos principais líderes do MDB, depois PMDB. Lúcido, corajoso, bom articulador político – exerceu papel importantíssimo na eleição de Tancredo Neves no colégio eleitoral -, ficará para sempre na memória dos que acompanham a história de Pernambuco e do Brasil.

Com Fernando se vai um pedaço da história da luta pela redemocratização. Nós que editamos este blog fazemos questão de render neste espaço, modestamente, nossa homenagem ao grande homem público caruaruense, pernambucano e brasileiro.

6 comentários:

  1. Um grande Pernambucano....

    ResponderExcluir
  2. com certesa a cidade de caruaru hoje esta de luto e o brasil perde um homem serio no meio politico

    ResponderExcluir
  3. PASSOU MAIS DE 30 ANOS NA VIDA PÚBLICA E NUNCA SE VIU UMA SAFADEZA DELE PARECE ATÉ OS DE HOJE

    ResponderExcluir
  4. grande perda para Pernambuco e pra história política do País. (Roberta Almeida, Recife)

    ResponderExcluir
  5. Fernando Lyra cumpriu de forma exemplar a sua passagem pela vida pública do país. Durante os tempos duros do regime autoritário, foi um firme combatente, que nunca deixou de levantar a voz nos momentos mais difíceis. Ao longo do processo de abertura política, desempenhou importante papel na construção da candidatura de Tancredo Neves, que inaugurou a Nova República; foi um ministro da Justiça permanentemente atento às causas da cidadania e da ampliação das liberdades democráticas. No convívio pessoal, imprimiu as marcas de sua inteligência, afabilidade e boa convivência, sempre temperados com humor e ironia. Ele deixa a todos nós um irrecusável legado.

    Neste momento, transmito a toda a sua família a expressão do nosso pesar e solidariedade.

    ResponderExcluir