FUNDARPE DÁ CAPACITAÇÃO EM GARANHUNS


Os produtores culturais que tiverem interesse de conhecer o edital 2013 do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura) terão a oportunidade de participarem de uma capacitação, realizada pela Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) e da Secretaria de Cultura do Recife (Secult). Os encontros são gratuitos e acontecem nos próximos dias 20 e 21, na Câmara de Dirigentes Lojistas de Garanhuns (CDL).

No encontro, os participantes terão um acompanhamento da equipe do Departamento de Formação da Fundarpe e da Secult. O objetivo é esclarecer as dúvidas de quem pretende enviar algum projeto cultural para concorrer ao financiamento do Governo do Estado.

De acordo com a diretora de Cultura, Cirlene Leite, não é necessária uma pré-inscrição. Quem quiser participar, basta ir até o local e se cadastrar na hora. “Nossa expectativa é a melhor possível. Esperamos ter participantes de toda a região do Agreste Meridional. O evento é a chance para esclarecimentos dos profissionais”, destacou.

PROGRAMAÇÃO

DIA 20 (QUARTA-FEIRA) | 8H ÀS 17H
DIA 21 (QUINTA-FEIRA) | 8H ÀS 12H
LOCAL: CÂMARA DE DIRIGENTES LOJISTAS (CDL)
ENDEREÇO: PRAÇA JOÃO PESSOA, 32, CENTRO

*Fonte: Secretaria de Comunicação Social

Um comentário:

  1. José Fernandes Costa18 de fevereiro de 2013 20:50

    Pego um gancho nesta matéria e entro, de gaiato que sou. - Porque entendo que língua portuguesa é CULTURA. Assim como outras línguas também são cultura. - A frase acima, bem escrita : "... basta ir até o local e se cadastrar na hora.", chamou-me a atenção para um mau costume que ganhou o mundo dos falantes da nossa língua. - Ou melhor: ganhou o mundo dos maus falantes do idioma. - Qual seja: ninguém mais vai ao jornal ou ao blog. - As pessoas dizem que vão "no" blog, "no" médico, "na" dentista etc. - Notem que se o Fulano diz que vai "na" dentista ou "na" médica, pode ser que essas duas profissionais não gostem dessa entrada, vinda de qualquer um. Porque ir "em" é ir dentro. Vejam: eu vou no carro ao aeroporto. E de lá, vou à China, no avião ou de avião. - Assim, também, eu vou à médica, vou ao supermercado, vou à enfermaria, vou ao hospital, vou ao jornal etc. - Hoje à tarde, um jornalista do Jornal do Commercio aqui de Recife, deitou e rolou com essas burradas. No programa do Aldo Vilela, ele disse exaustivamente que as pessoas vão "no" supermercado; que ele mesmo nunca mais tinha ido "na" rádio, mas foi "no" cinema. - Para mim, não é por aí, não. - Língua é CULTURA. - Os que não tiveram acesso à escola podem falar do jeito que sabem. E todos nós entendemos. - Mas esse monte de presunçosos que se gabam de ter curso superior disso e daquilo, devem tomar semancol. - E, após a dose, falar e escrever da melhor maneira. Como manda o nosso padrão da língua-padrão./.

    ResponderExcluir