GOVERNO DE PERNAMBUCO

GOVERNO DE PERNAMBUCO
Presença do Governo no Agreste Meridional

Natal de Garanhuns

Natal de Garanhuns
A Magia do Natal

segunda-feira, 24 de abril de 2017

ZAQUEU SERÁ CANDIDATO A DEPUTADO ESTADUAL

Confiando numa pesquisa feita por empresários de Garanhuns e no recall da última eleição, o vereador Zaqueu Lins (PRB), já decidiu que em 2018 tentará novamente uma vaga na Assembleia Legislativa Estadual.

Segundo pessoas que tiveram acesso a pesquisa, Zaqueu é o nome mais forte dentre todos os possíveis candidatos do município, daí a disposição do vereador de partir para a luta.

O vereador espera ter o apoio de parte dos colegas da Câmara e também espera contar mais uma vez com o prefeito Izaías Régis (PTB), a quem é grato pelo que fez por ele em 2014.

Zaqueu está no quinto mandato de vereador de Garanhuns e sempre se destaca pela atuação no plenário, nas comissões do Legislativo, já foi presidente da Casa Raimundo de Moraes e três vezes foi o parlamentar mais votado do município.

Outro aspecto do exercício parlamentar de Zaqueu Lins é que ele está sempre nas ruas, acompanhando as obras feitas pela Prefeitura, algumas delas executadas graças a requerimentos apresentados por ele na Câmara de Vereadores.


Zaqueu na campanha passada de deputado
“Tenho mais de 20 anos dedicados à vida pública e toda uma vida em Garanhuns. O município precisa ter novamente um representante no Legislativo Estadual e se a população evitar votar em forasteiros agora será a nossa vez”, comentou.

Zaqueu se lança no momento certo, logo depois que um grupo de deputados veio a Garanhuns e se percebeu que eles nada fizeram pela cidade.


Um comentário:

  1. Zaqueu é um bom candidato, mas não será um nome viável se não se articular com outras lideranças regionais. Nosso sistema eleitoral, infelizmente, ainda é o proporcional e para alcançar uma vaga é necessário obter votação em outros municípios. É um erro acreditar que a conjuntura de 2016 vai se repetir ano que vem: a votação recorde do prefeito decorreu não de sua gestão, mas de ausência de opções viáveis. Não poderá, assim, "transferir'' votos que não são seus. Haverá, também, a concorrência com forasteiros que virão a Garanhuns em busca de mil, dois mil ou até cinco mil votos "perdidos'', que isoladamente pouco representam, mas juntos inviabilizam um "deputado exclusivo'' de Garanhuns e para Garanhuns. Zaqueu deve se preocupar em formar outras bases externas à cidade e talvez construir algum tipo de projeto regional que seja do interesse comum de cidades pequenas, como Caetés, Angelim etc., que não possuem representação na ALEPE e precisam bastante de verbas estaduais - e de alguém que as viabilize.

    ResponderExcluir