Garanhuns

Garanhuns
Fique em dia com Garanhuns

GOVERNO DE PERNAMBUCO

GOVERNO DE PERNAMBUCO
Presença do Governo no Agreste Meridional

domingo, 1 de janeiro de 2017

PELA PRIMEIRA VEZ EM 44 ANOS MONSENHOR GERALDO NÃO CELEBRA A MISSA DE ANO NOVO EM CAPOEIRAS

Por Junior Almeida

Com a Matriz de São José de Capoeiras lotada por centenas de fies, foi realizada a missa de ano novo na cidade, que começou logo após a reza do terço e o apagar e acender das luzes, tradição esquecida na região, mas mantida até hoje pelas pessoas da paróquia de Capoeiras.

Há alguns anos atrás em Garanhuns e região a virada do ano novo era registrada pelo piscar das luzes. A Celpe se encarregava de desligar a força durante cerca de um minuto, mas por conta de queimas de equipamentos elétricos e de setores em que não pode faltar luz de jeito nenhum, essa tradição foi abolida.

Esse ano a celebração em Capoeiras foi presidida pelo Monsenhor José Augusto, vigário paroquial, já que o seu colega, o também Monsenhor Geraldo, está internado no Hospital Português em Recife desde o dia 28 de dezembro, se tratando de alguns problemas de saúde.

Padre Geraldo chegou em Capoeiras em maio de 1972, e só naquele município já celebrou aproximadamente 20 mil missas. No principal templo do município foram 43 missas de natal, essas no tradicional horário da meia noite, e o mesmo número de celebrações de ano novo. Esse ano, pela primeira vez em 44 anos à frente da paróquia de Capoeiras, Monsenhor Geraldo não celebrou natal e ano novo.

Vendo que as pessoas estavam ansiosas por notícias do seu pároco, no início e no fim da cerimônia religiosa, Monsenhor José Augusto tratou de tranquilizar os presentes, dizendo que tinha conversado por telefone com Monsenhor Geraldo, e que ele estava bem, mandando inclusive que ele desse uma benção de ano novo em seu nome. Disse ainda que agradecia as orações do povo, e que as pessoas continuassem rezando por ele.

Padre Geraldo ainda não sabe quando vai receber alta, mas suas pernas já estão desinchadas e ele está reagindo bem a medicação, tanto que ele mesmo mandou avisar que estava melhor, e que em breve estaria de volta as suas atividades em Capoeiras.

*Fotos: 1- Monsenhor José Augusto durante a celebração; 2- Interior da igreja.

Um comentário:

  1. Desejo melhoras ao padre Geraldo, por que quando um pastor sério se ausenta do seu rebanho, as vezes seus substitutos podem se portar como lobos que devoram ou assustam as ovelhas.

    ResponderExcluir