Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

sexta-feira, 7 de outubro de 2016

BATATA PROMETE NÃO DESISTIR DE CAPOEIRAS

Entrevistado na Rádio Marano, nesta quinta-feira (dia 6), o ex-deputado federal Carlos Batata (DEM), que perdeu a eleição de domingo passado para Neide Reino (PSB), deixou claro que não vai “desistir de Capoeiras” e se daqui a quatro anos não houver um nome da oposição que reúna melhores condições políticas ele será candidato novamente.

Na sua avaliação a eleição em Capoeiras foi decidida com o uso abusivo do poder econômico e através da intimidação. “Quando eles perceberam que não adiantava só comprar voto, começaram a fazer ameaças aos eleitores, usando para isso candidatos à Câmara que têm histórico ligado à violência”, disse o representante do democratas.

Segundo ele, o promotor público da cidade também teve um comportamento parcial, favorecendo o grupo que está no poder. Ele contou o caso de uma jovem de sua campanha que foi detida injustamente, por determinação do representante do Ministério Público, quando este estava ciente de que o trabalho feito por ela, de distribuição de combustível, era legal. “O promotor inclusive foi procurado por minha mulher, a advogada Taciana, que pediu acompanhamento da Justiça para a tarefa a ser feita pela mocinha, o Dr. Réus disse que não precisava e depois foi conivente com a prisão da menina”, reclamou.

Na sua opinião a juíza da comarca, inexperiente, terminou sendo induzida pelo promotor e também cometeu erros. Batata lamenta a situação de Capoeiras, principalmente a do povo mais pobre, que ansiava por mudanças, uma vez que a gestão atual é na sua opinião voltada preferencialmente para os ricos e falsos ricos da cidade. 

Ainda na Rádio Marano, Carlos Batata sinalizou que não vai apoiar Paulo Câmara, se este for candidato à reeleição. “O governador não fez nada nesses primeiros anos de mandato e deixou a violência tomar conta da capital e do interior”, criticou o ex-parlamentar, que é Secretário Geral do DEM em Pernambuco.

Batata garantiu no contato com o blog que está tranquilo e fez questão de agradecer os 5.399 capoeirenses que acreditaram no seu nome, não venderam o voto e não tiveram medo das ameaças.

12 comentários:

  1. Resposta do ex prefeito Nenen

    Batata não desistiu de Capoeiras e sim Capoeiras desistiu dele , acho que ele inverteu os papéis e se auto definiu nessa entrevista, pois Capoeiras e todo o Agreste sabem de sua fama de caloteiro, desequilibrado e violento e quem andava armado e acompanhado de pessoas de passado é índole duvidosa era ele, inclusive tinha como cabo eleitorais e companheiros três ex presidiários e durante a campanha teve vários surtos psicóticos, inclusive é de costume desrespeitar as autoridades judiciais, em uma caminhada no parque Euclides Dourado há poucos dias tentou agredir um conhecido delegado da região e no dia da eleição teve mais um surto na delegacia, inclusive gritando e pedindo sua arma para atirar em um ex vereador . Essa entrevista dele está sendo motivo de chacota em Capoeiras e cidades vizinhas .
    Sorte da população de Capoeiras que graças aos 6.018 eleitores conscientes baniram esse mal caráter que aos berros no dia de sua última caminhada gritava que a prefeitura era dele, e só pra lembrar a prefeitura é do povo e esse mesmo povo quer vê-lo bem longe dela , isso está mais que provado.

    ResponderExcluir
  2. Eu votei em Carlos Batata e votaria um milhão de vezes, se fosse necessário, queremos melhorias pra nossa cidade, a atual gestão da 5,6 empregos a uma família e deixa um pai de família passando necessidade, além de trazer pessoas de cidades vizinhas (Garanhuns, São João João etc) como se em nossa cidade não tivéssemos pessoas com capacidade de ocupar os cargos ocupado por esses forasteiros. Senhora Neide Reino, procure ajudar os capoeirenses e não os seus amiguinhos de fora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. isso mesmo estamos juntos

      Excluir
    2. Concordo plenamente, nossa prefeita dá os melhores cargos á seus parentes, como se não bastasse traz pessoas de fora(transferindo o título eleitoral,é claro) para oculpar cargos que um capoeirense podia oculpar. Em nossa cidade temos muitas pessoas formadas; enfermeiros, técnicos de enfermagem, técnicos em radiologia, pessoas formadas em licenciatura, e mesmo assim a senhora Neide Reino prefere da espaço e apoio à os coleguinhas de Garanhuns, São João, e demais cidade, agora eu pergunto: se a pessoa nem aqui mora vai trabalha pra o nosso povo por amor? Vai querer que nossa cidade cresça?
      Prefeita, olhe e cuide do povo capoeirense, saiba da oportunidade as pessoas que nasceram em capoeiras e que tem amor por essa cidade, independente de em quem votou ou em quem deixou de votar.

      Excluir
  3. Como vc é besta , vcs compraram os votos que tiveram,e muito mais coisa vcs sabem bem oque fizeram

    ResponderExcluir
  4. Realmente gente de Zé de Sinhorzinho caetes Garanhuns inclusive algumas enfermeiras que parecem que ficam apulso para atenderem quem sente dor com cara de nojo.Eita Cidade de pessoas que não valorizam a população.Temos profissionais de várias áreas mas vale mais a pena contratar um que é de fora do que um que foi contra e poderia vir a votar aqui.O marketing dessa campanha foi mostre os dentes no dia da eleição e depois pode continuar igual antes.Prepotente.Viável que Batata estava nervoso mas o candidato provocou o quanto pode.Acho que não era o momento de discussão eita filtragem viu.Sei uma coisa teve voto Branco e nulo.Eu deveria ter feito o mesmo o arrependimento.Ainda votei.Prefeita olhe seu povo já que vai tirar quem acompanhou para da oportunidade a quem ajudou dessa vez.Primeiro tire suas família e o povo de fora.O povo não percebeu a quantidade de familiares da prefeita trabalha? Isso sim é vaca boa de leite.O vaca boa de mamar.Não existe fiscalização por isso tanta coisa errada.

    ResponderExcluir
  5. Todas as vezes que os políticos de Capoeiras e Caetés são citados nesse e outros blogs muitos fazem questão de fazer os seus comentários o que é natural e necessário até.

    Por muitos anos o único veículo de comunicação que transmitia as entrevistas desses candidatos era a RÁDIO DIFUSORA DE GARANHUNS através da cidade em foco do saudoso Jornalista Humberto de Moraes que tinha um faro por notícias e que fazia questão de nos perguntar,mande as notícias de suas cidades para eu divulgar na Rádio tanto em seu comentário ao meio dia como na cidade em foco.

    Eu não tiro o mérito do ex-prefeito e ex-deputado Carlos Batata em continuar ainda participando da política em Capoeiras e do Agreste Meridional.Teve os seus momentos bons e ruins na política,cometeu erros e acertos,mas ainda hoje obtém uma votação bastante expressiva nessa mundo selvagem da política brasileira.

    A volta dos velhos políticos no cenário local,regional e nacional,deve-se a falência dos hábitos e dos costumes,das práticas espúrias de se fazer política em pleno século vinte e um ( XXI).

    Sou um militante político desde 1970 quando aos 12 anos já vi muita gente falar que o prefeito de minha cidade se elegeu comprando votos. Tinha loja e casa comercial e os eleitores levaram quase tudo dele.Era tão popular que ficou quase de esmola e se não tivesse ganho provavelmente teria ficado falido.

    Em 1972 foi a briga entre genro e sogro.Ganhou aquele que gastou uma fortuna. Em 1976 volta mais uma vez o comerciante e dono da loja e casa comercial e tudo foi dado ao eleitor mais uma vez.Mais uma vez se o cara perde ficava de esmola porque deu tudo ao eleitorado.

    Em 1982 foi um candidato rico e um fazendeiro.Ganhou aquele que teve a coragem de vender 80 bois e dar ao povo.Um de seus acompanhantes chegou a dizer em praça pública o dinheiro era muito mesmo e tudo foi dado aos eleitores.Naquela época se dava sapatos,cortes de panos, tijolos, cimentos,telhas,etc.

    Em 1988 foi um médico veterinário liso e o mesmo comerciante dono da loja e da casa comercial. A loja não existia mais e a casa comercial os eleitores levaram tudo dele.Naquele ano o ex-prefeito se perde teria ficado pobre de verdade.

    Em 1992 a disputa foi entre um fazendeiro rico e uma mulher rica.Foi a campanha em que os eleitores receberam quase tudo: tijolos, dentaduras,exames de vistas, operações diversas, telhas, cimentos,corte de panos,madeiras,botijões de gás,dinheiro ao vivo e em cores,etc.Venceu quem deu mais e comprou mais.

    Em 1996 um candidato pobre e o outro pobre,mas com apoio do rico.Mais uma vez tudo se repetiu em dobro.Em 2000 foi candidato único.

    Em 2004 um candidato rico e um pobre.Tudo se repetiu com mais benesses.Em 2008 dois candidatos pobres,mas com apoio dos ricos.Em 2012 tudo se repetiu.

    Em 2016 os mesmos candidatos e tudo se repetiu em dobro.Os hábitos eram os mesmos,os costumes os mesmos, os esquemas os mesmos, as fofocas as mesmas,as ameaças as mesmas, as carreatas as mesmas,os palanques os mesmos, as intrigas as mesmas, apenas com uma grande diferença:" o dinheiro agora é ao vivo e em cores". Em pleno século vinte e um, com as operações da política federal prendendo quase todo mundo e no interior do Brasil os esquemas de captação de votos os mesmos.

    Para finalizar,fui visitar 12 eleitores em Garanhuns. Fui duas vezes e senti que todo mundo queria uma ajuda financeira.Gasolina e dinheiro.No total daria em torno de 660,00.Faltando um dia telefonei para um dos cabeças e lhe disse que não teria dinheiro e que se alguém quissesse votar em mim eu ficaria muito grato e que a única ajuda que eu poderia dar seria com combustíveis em torno de R$ 60,00.E que no dia da eleição me procurasse.Você procurou bem assim foram eles.Este é o retrato da política no Brasil no ano de 2016.

    Na sua cidade é e acontece diferente ou é a mesma coisa? Candidato pobre sofre demais até.Eis o motivo de tantas derrotas na política.Eis o motivo do reaparecimento dos velhos políticos na era da modernidade e do avanço da internet.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É professor, em nosso país e principalmente no interior do nordeste, ao que me parece a coisa nunca terá jeito. É o velho estilo coronelismo.

      Excluir
  6. DISSE TUDO MUITA GENTE TEM VONTADE DE FALAR O QUE NENEM FALOU MAS NAO TEM CORAGE

    ResponderExcluir
  7. Suas palavras são minhas Nené

    ResponderExcluir
  8. Nenén é uma pessoa que um dia me representou, mas hoje não posso dizer o mesmo. Durante seu último ano como prefeito fui convidada a trabalhar, porém, de 4 meses só recebi 1 pagamento que ainda não foi completo. A partir daí, passei a avaliar melhor suas propostas e vi que quase não tem. É uma ótima pessoa, nunca fez nada que me ofendeu, mas me pagou quando eu precisei e trabalhei muito para isso. Quando Neide se elegeu,pensei que faria mais do que ele fez, que entenderia as causas trabalhistas e lutaria por seu povo. Novamente me enganei. Sou formada em licenciatura, passei em 2* lugar no vestibular da UPE e é incrível dizer que sou uma professora formada, capacitada, e desempregada. Pois se minha não acolhe os conterrâneos, quem irá acolher?
    Vejo muitos funcionários de outras cidades e nós capoeirenses não passamos fome porque Deus não permite.
    Minha cunhada que está grávida, bate de porta em porta em busca de alguém que lhe ajude para consegui uma cesariana, pois já passou dos 9 meses e o bebê não nasceu. Os candidatos que prometem ajudar, se escondem, outros que se elegeram fazem pouco caso. Enquanto isso, é preciso se humilhar para tentar um encaminhamento para ser feito um parto. Que cidade é essa que não acolhe seu povo? Cadê a Assistência Social? Onde estão os governantes?
    Essa resposta quem dá é o povo quando 5.399 votaram em Batata, porque só nos resta a esperança de alguém, qualquer que seja para nos ajudar.
    Hoje parte dos capoeirenses é representado por Batata, aquele que dizem ser um DESEQUILIBRADO, outros, votaram em branco ou nulo, pois nem representantes tem. E aí surge a pergunta: Por que será que o povo de Capoeiras ainda clama pelo DESEQUILIBRADO depois de terminada as eleições e ter Neide e Nenén a frente do povo? A resposta é simples, basta abrir os olhos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, professora. Não lhe conheço mas faço minhas as suas palavras.Batata é a única esperança pra Capoeiras. O povo deu a resposta nas urnas. Ele teve uma votação estrondosa, sem recursos, sem comprar o voto de ninguém, só com a esperança do povo, que enxerga nele a salvação de Capoeiras. Sim, porque ele tem propostas sérias e realmente tem capacidade de fazer. Essa foi uma eleição tomada na base da força.Sabemos muito bem o que aconteceu. É que as pessoas simples e humildes têm medo de testemunhar e dizerem que foram ameaçados, que tiveram seus documentos recolhidos pra não irem votar, que pessoas do grupo da prefeita andavam armados na casa das pessoas pra intimidarem... Porque sem dúvida essa era a eleição do povo de Capoeiras junto com Batata. É Batata junto com o povo de novo em 2020! Estamos todos juntos nesse propósito.

      Excluir