ALEPE

ALEPE
ALEPE

GOVERNO DO ESTADO

GOVERNO DO ESTADO
GOVERNO DE PERNAMBUCO - FUNDARPE

domingo, 25 de janeiro de 2015

O FILHO DE LIBANÊS FERNANDO HADADAD

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, é filho de libanês e começou a vida como comerciante na Rua 25 de março, na capital paulista. Depois fez o curso de Direito, de Economia e Doutorado. Entrou na vida pública pelas mãos do ex-presidente Lula. Hoje administrando a maior cidade da América Latina, tem promovido medidas inovadoras e corajosas tentando mudar a face de metrópole. Mas não tem sido fácil, o petista sofre um boicote permanente da Grande Imprensa e tem minoria na Câmara de Vereadores. Recentemente conseguiu aprovar um projeto na área imobiliária com muita dificuldade, porque o PSDB votou contra. Segundo o prefeito nem o Sindicato das Empresas do ramo imobiliário foi tão conservador nas discussões quanto os tucanos.

Em dois anos de governo Haddad mudou o plano diretor de São Paulo, implantou ciclovias e corredores exclusivos de ônibus e pretende construir até o final da gestão perto de 60 mil moradias populares, através do projeto Minha Casa, Minha Vida.

Se disputar a reeleição vai enfrentar uma disputa difícil. Além da força do PSDB em São Paulo poderá ter contra si a ex-aliada Marta Suplicy.

2 comentários:

  1. É um dos maiores especialistas em Marxismo Cultural Gramsciano (aquele que promove a desmoralização da sociedade) do Brasil.

    Você vai ver os livros com participação dele, os artigos, são sempre falando sobre a desconstrução cultural dos paradigmas burgueses de moralidade, como propriedade privada, família e religiões cristãs.

    Esse cara foi criado para destruir o Brasil que conhecemos e implantar o pior tipo de Marxismo do mundo, o Marxismo das minorias histéricas!

    ResponderExcluir
  2. Opinião sua que respeito, prezado Ewerton, no entanto na minha modesta opinião, trata-se de um jovem extremamente capaz, e na minha opinião com um futuro brilhante. Aliás não vejo renovação no PSDB.Alguns insistem em revistas desonestas e parciais além de televisão leviana ( a globo) levantando notícias falsas insistentemente até sobre doenças, que não são desejadas ao maior inimigo. Não vejo resultado nessas perseguições, tanto é verdade que a veja míngua, e a tv globo cai a audiência e seu jornal vai aos poucos definhando. Ou eu estou errado ou esses dois veículos de péssima qualidade, precisam acordar, porque "carrapeta não dá em pião" e manda quem pode e obedece quem tem juízo. A Fiesp fez uma pesquisa, semana passada, quem seria o presidente na próxima eleição, sei que está longe, faltam longos 4 anos, evidente que muita água vai passar embaixo da ponte, porém a pesquisa deu Lula com 64% depois Alckmin, com 23%, o restante não sabia ou não opinou.

    ResponderExcluir