ALEPE

ALEPE
ALEPE

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

LUIZ DIVULGA NOTA SOBRE DINHEIRO DA PREVIDÊNCIA

O prefeito Luiz Carlos de Oliveira (PDT), divulgou uma Nota Oficial, hoje, desmentindo os boatos de que tem a intenção de usar recursos da Previdência Municipal com outros fins que não o bem dos aposentados. Ele confirma que o IPSG tem hoje mais de R$ 50 milhões em caixa e garante que a demissão de Eber Frias da presidência foi um mero ato administrativo.

A exoneração de Eber, no fim da gestão, levantou suspeitas no município. Tanto que o Sindicato dos Servidores Públicos de Garanhuns, através do presidente Luciano Florêncio, solicitou ao Ministério Público o bloqueio das contas da Previdência. Hoje Luiz Carlos deu uma resposta à sociedade, assegurando nunca ter tido intenção de realizar movimentação financeira com o dinheiro dos funcionários inativos.

Abaixo a nota da Prefeitura Municipal

NOTA OFICIAL

A Prefeitura Municipal de Garanhuns, através do seu Prefeito Constitucional, Luiz Carlos de Oliveira, torna público que nunca houve por parte da Administração Municipal, a intenção de realizar  movimentação financeira dos recursos administrados pelo Instituto de Previdência dos Servidores de Garanhuns (IPSG).

A Prefeitura Municipal de Garanhuns informa ainda que a exoneração do Sr. Eber Frias do cargo de Diretor/Presidente do IPSG foi tão somente um Ato Administrativo e que ao assumir o mandato em janeiro de 2005, o atual Chefe do Poder Executivo Municipal, encontrou o IPSG com recursos na ordem de cinco milhões de reais e que, atualmente, àquele Órgão possui reservas superiores ao valor de cinqüenta milhões de reais, recursos, estes, voltados à garantia dos direitos previdenciários dos Servidores Públicos Municipais de Garanhuns.

Garanhuns-PE, 14 de dezembro de 2012.
LUIZ CARLOS DE OLIVEIRA
Prefeito do Município de Garanhuns

28 comentários:

  1. AINDA BEIN QUE SO FALTA 17 DIA

    ResponderExcluir
  2. Sr. Luiz Oliveira, o melhor que V.S. tem a fazer daqui por diante é calar-se. Isso porque tudo o que sai de sua boca cheira mal e dói aos ouvidos de qualquer um. Registre-se que V.S. tem 85% de rejeição ao seu governo, por parte da população de nossa cidade. Quanto ao que chama de "mero ato administrativo", sua ignorância é tamanha que sequer conhece o significado dessa expressão. Lógico que foi um ato administrativo a sua "astúcia" em exonerar o ex-presidente do IPSG. Tudo o que se faz na adm pública são atos administrativos. Contudo, saber se se o "ato administrativo é moral, probo vertente para o interesse público é onde está o X da questão. Vosso "ato administrativo", Luizinho, feriu a golpe de machado o princípios da moralidade pública ao tentar cercear o exercício do dever legal e impedir o cumprimento da lei. O povo e as autoridades constituídas já conhecem seu perfil, estilo, artimanhas e máscaras. Não agrida mais as instituições públicas com seus argumentos e atos chulos. De igual modo, preserve as reservas morais de nossa sociedade. O povo agradece e a justiça lhe cobrará tal postura, quando, a partir de 31 de dezembro de 2012, perder as imunidades de seu cargo e o for privilegiado. Que sua consciência seja sua companheira nesse fim de ano! À ela, V.Sve, não tem como mentir.

    Pablo Antunes.

    ResponderExcluir
  3. Ouvir música, todos ouvimos, o barulho dos carros, as sirenes, até o barulho característico dos carros de boi, nós ouvimos, contudo só uns poucos podem ouvir o silêncio da consciência, eu não sei se ele pode ouvir. Teve a grande chance entregue por Deus, os homens e as mulheres de Garanhuns,de governar para seu povo, e não para sí, sai, com uma reprovação recorde, talvez não esteja nem aí, todavia sua consciência irá lhe cobrar por toda a vida. A realização de um homem, não pode ser só o dinheiro, a riqueza, as obras também ficam, e orgulham no futuro, netos e bisnetos, e agora seu Luiz, a festa acabou, e o que ficou, a vergonha de nada ter feito para esse povo, na sua grande maioria pobre, outros abaixo da linha da pobreza, infelizmente não terá o que mostrar para os seus netos e bisnetos, e para seus amigos,vai mostrar o que!Vai dizer o que!

    ResponderExcluir
  4. Não conheço esse Eber Frias, mas com toda a certeza do mundo ele mereceria continuar à frente do IPSG, só em não ter cedido as pressões do Excelentíssimo Luiz Oliveira!! Os boatos que toda a cidade ouviu de que estavam tentando usar o dinheiro do órgão para sanar outras dívidas devem ser verdade, não há lógica em demitir um dos poucos funcionários exemplares dessa gestão que arrumou o IPSG, com desculpas esfarrapadas de "ato administrativo", se queria cortar gastos que tirasse os seus comissionados do gabinete. Está de parabéns pela honestidade Sr. Eber Frias, se todos pensassem como você, talvez o município de Garanhuns estivessem em melhores dias. Parabéns ao Sindicato por agir prontamente e ao Jornalista Roberto Almeida por levar o assunto ao conhecimento público.

    Luis

    ResponderExcluir
  5. Maria da Natividade14 de dezembro de 2012 19:31

    Que vergonha não é seu Luiz, enquanto uma mulher presidente do Brasil, um país continental, bate 80% de aprovação, o senhor chega a 90% de reprovação, em um município relativamente pequeno. Seu Luiz que tal o senhor ficar calado, assim não corre o rico de falar asneiras, tolices,etc.Outro conselho, que tal o senhor também deixar de ir a prefeitura, será melhor para Garanhuns e para o senhor, porque com certeza o senhor irá errar menos.Maria da Natividade Heliópolis

    ResponderExcluir
  6. Luciano Presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais, você foi um herói. É uma pena que os seus associados, em pouquíssimo tempo, nem vão lembrar mais! Mas é isto mesmo, continue cumprido o seu dever, pois a história agradece.
    Josias/Heliopolis

    ResponderExcluir
  7. Eita velhinho sem noção! Vamos ficar de olho nele, pois em 17 dias ele ainda vai fazer estrago.

    ResponderExcluir
  8. Senhor Luiz Carlos de Oliveira, farmacêutico, professor, prefeito, fazendeiro, seja lá o que o senhor for... Todas as atitudes que o senhor toma são duvidosas. Ninguém acredita mais no senhor em nada, pra nada. Até uma criança de 5 anos de idade lhe dará as costas. No dia 1º primeiro de Janeiro ninguém procurará o senhor, nem mesmo aquele pessoal que fica na porta da sua farmácia 6 horas da manhã decidindo as políticas públicas da nossa cidade na porta do seu estabelecimento. Governo é para ser feito dentro da Prefeitura e não dentro de uma farmácia ou conversando com os vereadores dentro dos carros na avenida. O destino de nossa cidade não deve ser tomado dentro de uma conversa de interesses dentro de um carro. O senhor transformou a instituição administrativa municipal no que há de mais imundo nessa cidade. Apartir de 2013 sua pessoa estará morta da história de Garanhuns! Fora daqui! Fora! Tiago Freire

    ResponderExcluir
  9. Lógico que o conteúdo da nota não poderia ser outro. O Prefeito acaso iria confirmar que sua intensão era indecente e os seus interesses escusos? claro que não! Alguem já ouviu falar em delinquente que anuncia o ato criminoso antes de praticá-lo? evidente que não! Depois que toda a sociedade tomou conhecimento de mais uma das tramas do quase canonizado Luiz Carlos de Oliveira, é claro que a famigerada "nota oficial" tinha que desmentir o que chamou de 'boatos'. Assumir é que não faria,isso é elementar, afinal, os planos foram naufragados à descontento do Prefeito, antes que se consumassem. Pode divulgar quantas notas, comunicados, textos com jargões repetidos quiser, que o que se ouvirá será apenas um ruído de porta velha, com dobradiça enferrujada. A credibilidade e confiabilidade do 'ainda' EDIL é zero! Um heremita que não construiu relacionamentos, prepotente, arbitrário, detrator dos próprios auxiliares (seus Secretários), ainda sonha que suas fadadas explicações possuem algum grau de convencimento? Saia do transe Sr. Luiz Carlos, enquanto é tempo! seu estado de hipnose maquiavélica pode lhe traser grandes prejuizos. Carlos Garcia Matos Guerra.

    ResponderExcluir
  10. Soube por meio de amigos e familiares que moram nessa cidade bela, da atrocidade cometida pelo quase ex-Prefeito. Fiquei perplexo. Mesmo distante dessa terra, guardo com ela enorme afinidade por ser ela o berço natal de minha esposa. Acompanho sua vida política e sempre tenho a oportunidade de desfrutar do puro ar das sete colinas, ao menos duas vezes ao ano. Alguem tem dúvida de que o Exmo Sr. Prefeito quis manter o ex-Presidente Sr. Frias longe de seu caminho? Eber Frias era a blindagem moral do órgão que dirigia. Sua experiência de 40 anos de Administração Pública Federal; 10 anos de Serviço Público Municipal, totalizando assim 50 anos de serviços prestados ao Estado Constituído lhe conferiram norral para se tornar o eficiente e sério gestor da coisa pública que hoje é. Sua fomação familiar aliada a vivência dos anos, lhe proporcionou defender com contundência valores éticos aos quais hoje pouco se dá importância. Folgo em saber que Frias é aquele mesmo profissional que conhecí há mais de 40 anos: irredutível à prática do ilícito e agarrado aos seus princípios inalienáveis. Saúde e felicidade velho companheiro Frias!

    Forgaça - General de Brigada R1 do EB.

    ResponderExcluir
  11. ACREDITO EU, TENHA SIDO O PESO DA AUDIÊNCIA DO BLOG DE ROBERTO ALMEIDA, QUANDO RECENTEMENTE FIZ UMA DENÚNCIA DA GREVE DOS MOTORISTAS DA ZONA RURAL DO TRANSPORTE ESCOLAR. GRAÇAS A NÃO SEI QUEM, JÁ ESTÁ TUDO RESTABELECIDO E OS ESTUDANTES VÃO ESCAPAR E NÃO PERDERÃO SUAS RESPECTIVAS PROVAS DE FINAL DE ANO. VEJA A CANALHICE E A FALTA DE COMANDO A QUE CHEGAMOS: O PIVÔ DA GREVE FOI GENTE DA CORJA DO VEREADOR MAMATEIRO ZÉ DE VILAÇA QUE TEM UM EXÉRCITO DE PAU-DE-ARARA CARREGANDO GENTE POR TUDO QUANTO É BURACO NOS SÍTIOS DO MUNICÍPIO. ESSES INDIVÍDUOS, REVOLTADOS PORQUE O HONESTÃO DE CAETÉS PERDEU A ELEIÇÃO, AO SEU BEL PRAZER ESTÃO DE GREVE OU NA CHAMADA OPERAÇÃO TARTARUGA E LEVAM E TRAZEM OS ESTUDANTES QUANDO DÁ NA TELHA!!! QUE SEU IZAÍAS BOTE ESSA CORJA DE PICARETAS PRA FORA E TENHA RESPEITO A LEI PARA NÃO CARREGAR MAIS ESTUDANTES EM PAU-DE-ARARA. QUANDO O CORRETO, O CERTO E O QUE REZA A LEI É TRANSPORTÁ-LOS DE ÔNIBUS E NÃO DE CAMINHÕES. AFINAL DE CONTA, ESSE POVO É GENTE E NÃO GADO!!!

    ResponderExcluir

  12. VERGONHA!!!

    Pense , numa riqueza sem futuro!; é bíblico - " O rico empobrece, passa fome, aos justos nada falta". Que vergonha seu Luiz, pra família, parentes, amigos e até Instituições da qual faça parte. São vários os casos; - no início do seu segundo mandato, um senhor pai de família, funcionário comissionado da administração municipal, A. Roberto, não aceitou assinar um documento que lhe fora apresentado pela filha do seu Luiz, ela, então assistente direta da área financeira, sob a alegação de que lhe custaria o emprego, ele aguentou a pressão e não aceitou, sendo assim, demitido prontamente; sorte que uma semana depois, ele recebeu o ato de nomeação para servidor da Caixa Econômica Federal, agência loca, provisão divina...
    Outras aberrações aconteceram, à guisa de coisas do sistema atual,onde a impunidade é uma constante. A ilusão da riqueza será um tormento para sua consciência; quanta gente se enganava com seu Luiz!.

    ResponderExcluir
  13. Os estudantes devem ser transportados em ônibus escolar e não em pau-de-arara.

    ResponderExcluir
  14. Tudo só acontece em seu tempo certo (expressão religiosa). Se Seu Luiz da Farmácia não tivesse sido prefeito, ele parteria para sua ultima viagem sem o povo de Garanhuns (que lhe acolheu tão bem), não teria conhecido a sua verdadeira personalidade. Obrigado Dr. Silvino por ter apresentado Seu Luiz da Farmácia como político, pois mesmo o povo do município de Garanhuns ter pago um preço tão alto nestes últimos oito anos, mas valeu à pena, pois ficou esta grande lição aos eleitores da terra de Simôa Gomes. Uma história política que teve seu inicio com um romance amoroso de dois adolescentes estudantes, não poderia ter um final feliz. Vá em paz, Seu Luiz da Farmácia. Que Deus ilumine muito Izaías para que ele preencha todas as lacunas de seu legado político e consertar os seus erros. O Senhor Seu Luiz, que sempre dizia, antes de ser prefeito, que todo político era desonesto, (continuo pensando diferente), pois todas a regras existe sua exceções, mas fica aqui a grande pergunta: “Será que depois de oito anos de mandato, ele(Seu Luiz) poderá se considerar um político”?

    ResponderExcluir
  15. Não podemos também esquecer do caso da exoneração de Paulo Tenório, do cargo de Presidente da Comissão de Licitação. Na época o referido servidor recusou-se a fazer tramóias num determinado processo de licitação (R$$$$$$$$). Sua recusa fez com que os "interesses dominantes" convecessem o Prefeito a exonerá-lo e colocá-lo em outra função (hoje auxiliar na Secretaria de Desenvolvimento Econômico). Paulo foi esquartejado pela língua afiada do Prefeito, que se deixou envenenar por um grupo que literalmente pintou a sua caveira. A estória agora se repete, dessa vez com outro personagem. Será que o Prefeito tem interesse em que se conte as memórias e desatinos de seu governo? Respeite as pessoas Prefeito; sua caneta não pesa tanto quanto pensa ou lhe fizeram pensar que pesasse. João Paulo.

    ResponderExcluir
  16. Algo curioso me leva a refletir nesse episódio. O Vereador Marcelo Pereira Marçal é membro do conselho do IPSG. Pelo que consta, sempre atendeu às convocações se fazendo presente as reuniões. Por conseguinte, possuía conhecimento de todas as conquistas do órgão, bem como de suas dificuldades. De igual modo também era conhecedor da dívida do Município e do Fundo de Saúde junto ao IPSG, tendo acompanhado a "via crucis" enfrentada por Frias para cobrar os débitos junto a quem de direito (o Prefeito e a Secretária de Saúde). Ele que sempre defendeu o Instituto e elogiava a gestão de seu Presidente junto aos seus pares na Câmara de Vereadores, de repente fica caladinho e passa a se reunir em secreto no escritório do Prefeito, na Farmácia Santo Antônio, onde, segundo informações de fontes fiéis, tramava junto com outros a exoneração de Frias. Tudo isso transcorria ao tempo em que os conselheiros do IPSG estavam sendo convocados e intimidados pelo Prefeito para lhe dar satisfação quanto ao que tinha sido discutido na última reunião e que gerara a sua ira e insatisfação. Qual foi a discussão do conselho? a dívida da Prefeitura e inércia do Prefeito. Qual o interesse do Vereador em ficar quietinho? seu nome era especulado para ser o Presidente do IPSG na gestão do futuro Prefeito. Ele, muito esperto, tratou de alimentar e regar tal possibilidade, sendo conivente com as pretensões do Prefeito de 'poldar' a atuação de Frias. Em troca, teria a recomendação de seu nome para o cargo (só não se sabe por quem.....risos). Tanto sabia que o Prefeito iria exonerar Frias sumariamente (de surpresa, como vingança mesmo), que desde aquela reunião do conselho nunca mais deu as caras pela sede do IPSG. Belo ato! Parece que o Vereador também não participava a Câmara de toda essa aventura, já que era sua obrigação.
    Fica aqui a pergunta? será mesmo que o Sr. Marcelo Marçal tem caráter e confiabilidade para exercer um cargo que requer tanta responsabilidade? é recomendável portanto que os membros do futuro governo reavaliem suas posições para não começar o ano dando passo infalso. Bosco.

    ResponderExcluir
  17. Não sei porque perder tempo fazendo notas de esclarecimentos. Seu Luiz, FORA DA PREFEITURA!

    ResponderExcluir
  18. O Ministério Público deveria estar atento para o atendimento do "seu Luis da farmácia" que, desde que eu me entendo por gente, vive "prescrevendo" medicações para a população mais carente de nossa cidade e região. ELE É MÉDICO? Porque pelo que sei médico é o filho dele mas ele NÃO !!! E por que seu Luis da farmácia há anos "prescreve" medicações aos pobres e desavisados? Eu não sou doutor em direito mas já soube que isso é FALSIDADE IDEOLÓGICA !!! OU NÃO??? Que me corrijam os doutores da lei se eu estiver errado.E com essa distribuição gratuita de "receitas" ele foi eleito e reeleito. Olha em que deu !!! Com a palavra o Ministério Público. Espero que seu Roberto Almeida publique esse meu desabafo ! Antonio da Silva

    ResponderExcluir
  19. Dinheiro da Previdência pública do Servidores Públios seja em que cidade for, mexer nele, dá cadeia e cassação de mandato.Todo administrador zeloso sabe disso. Quem tirou esse dinheiro do fundo teve que devolver imediatamente sob pena de punição.

    Seria muita burrice se o Prefeito tivesse praticado esse ato, mas onde há fumaça há fogo.

    ResponderExcluir
  20. Praticamente todos os comentários acima foram de acusações verdadeiras ou não.É muito triste para um administrador que teve o apoio da grande massa de eleitores politizados tal e qual são os de Garanuns, um Prefeito se despedir com tamanha baixa de populariadade.

    Tudo isto é fruto do esquema corrupto praticado pelos nossos políticos brasileiros que ao chegar na Prefeitura chegam com o esquema da corrução na mão esquerda e na direita também.

    A primeira coisa que eles fazem é brigar com tudo e todos.Pois sai um esquema vergonhoso e entra putro da pior espécie.E quem paga tudo isto é o povo através do superfaturamento das notas fiscais e dos esquemas dos empresários do setor e o ramo também.

    ResponderExcluir
  21. Genealda Albuquerque16 de dezembro de 2012 13:01

    Teve gente no departamento do IPTU que lavou a jega!
    Foram investidos 1.000.000,00 e nada de serviços prestados a população de Garanhuns.
    Agora cobranças indevidas do IPTU isto sim tem de monte.
    Tiraram dinheiro até de outras secretárias para pagar os funcionários do PMAT, lembrando que os funcionários do PMAT eram todos ou a maioria Universitários, os coordenadores do PMAT prometeram a todos os funcionários um certificado da IAUPE, mas ninguém nunca viu nem a cor dos certificados, sem falar que os salários sempre atrasaram e a maioria foi demitido, agora se resume a um pequeno grupo que diferentemente dos outros tiveram suas carteiras assinadas e receberam alguns outros benefícios que todos deveriam ter recebido mas não receberam.

    ResponderExcluir
  22. Esse homem era tido como a esperança dos necessitados da nossa cidade... Tinha o discurso mais lindo de todos, era o discurso mais belo de toda a história de Garanhuns, porém suas atitudes não foram as mais nobres e por isso será esquecido para sempre em nossos corações e apagado de nossa memória, somente lembrando pela história como o pior Prefeito da história que Garanhuns já teve. Uma decepção histórica! O atual prefeito poderia ter deixado o legado, uma boa lembrança e assim não o fez, deixando amargura, arrependimento e uma lição de vida: Quem vê cara não vê coração! O senhor deixou milhares de famílias na miséria e sem expectativa de vida e de ser feliz! Aqui o senhor faz, aqui o senhor pagará! Pedro

    ResponderExcluir
  23. A cidade andou 8 anos para trás, tudo por sua causa, Prefeito Luiz Carlos! O povo sofreu 8 anos, agora terá que trabalhar 16 anos dobrado para recuperar o tempo perdido. O sofrimento e a humilhação dos cidadãos foi grande. A partir de Janeiro todos da COHAB III nas ruas! Passagem de Ônibus 2,10 R$ para quem se mata no comércio como escravo branco. Saúde muito mal. Educação com fome. Ruas parecem uma zona rural. Expectavita de vida zero. Todo mundo passou bem, até os aposentados que ganham outro salário como comissionado. O secretários ficaram ricos mais fácil do que jogar numa loteria. Seus filhos ordenam em tudo na Prefeitura, em todas as decisões para o povo. Cadê a sua moral? Cadê a sua autonomia como gestor público? Nesse contexto teve até a Ponte de discórdia. Pagarás o seu preço! Neto

    ResponderExcluir
  24. Esse cara é muito bonzinho! Só tem moral para gritar com pessoas competentes com Sr. Frias. Cadê que ele dá grito em João Guido que é engenheiro civil efetivo do quadro de servidores da Prefeitura e vive mais fechando negócios e acordos milhonários para a sua construtora do que fazendo os próprios serviços da Prefeitura. Quando alguma coisa é favor de Luiz no instante ele fica quieto. Só dá patada nos que estão corretos: Euzébio, Acácio, Antônio Roberto, Paulo Tenório, e agora Frias. Fica a dica: Engenheiro da Prefeitura é para fazer serviços da Prefeitura!

    ResponderExcluir
  25. Sr. Prefeito, peço a gentileza de não usar o nome do Ente Federativo para expor suas sandices. Não utilize a expressão 'nota oficial', mas sim, 'nota pessoal'.
    Como cidadão repudio o uso do nome do Poder Público para justificar o que é injustificável. O Estado de Direito e suas instituições não merecem ser vilipendiados por atos repudiantes. As asneiras de Vossa Excelência trate de justificá-las como quiser, porém como nota individual e particular. A Constituição da República não merece ser sobrenome de seu título de Prefeito. Haja com respeito para com as pessoas, tenha dignidade, e desça do seu pedestal de vaidade mesquinha. Faça o bem, e se afaste dos homens malévolos à exemplo de Mar.Nog e It. Ram., que inevitavelmente poderão leva - lo ao abismo profundo, do fundo do qual será MUITO DIFÍCIL a escalada de volta. Mário B. Correia.

    ResponderExcluir
  26. Eu nunca vi uma pessoa ser tao discrendiciada na vida como foi esse prefeito. esse cara é muito frio..........

    ResponderExcluir
  27. ME DESCULPE SUA EXCELÊNCIA Sr. PREFEITO DE GARANHUNS, MAIS O SENHOR JÁ HAVIA EXTRAPOLADO TODO BOM SENSO AO DEMITIR EBER FRIAS (UM HOMEM NA ACEPÇÃO DA PALAVRA), E AGORA COM ESSA "NOTA OFICIAL", SINCERAMENTE NÃO PENSEI QUE V. EXA. PUDESSE CHEGAR A UM NÍVEL TÃO BAIXO.
    SABEMOS QUE O SENHOR EXONEROU EBER FRIAS PRA ABRIR AS PORTAS DO INSTITUTO DE PREVIDÊNCIA A SEU PUPILO MARCELO MARÇAL, PENSO EU QUE O SENHOR ACREDITARIA QUE EBER FOSSE ABRIR A BOCA CONTRA O SENHOR PERANTE A OPINIÃO PUBLICA E DESSA FORMA SE DESGASTAR JUNTO AO FUTURO GOVERNO, MAIS O TIRO SAIU PELA CULATRA "SEU LUIZ", EBER FRIAS É UMA PESSOA DIGNA E JAMAIS TOMARIA ESSE TIPO DE ATITUDE. SABEMOS ATÉ QUE O SENHOR TENTOU DE TODOS OS MODOS. MAIS ELE TÊM ALGO QUE FALTA EM MUITOS HOMENS DESSE PAÍS, HONRA, VERGONHA NA CARA E MUITA CAPACIDADE DE ADMINISTRAR, ONDE PASSOU SEMPRE DEIXOU SALDO POSITIVO, O MESMO NÃO PODEMOS DIZER DO SENHOR, NÃO É?
    MARLI FERREIRA

    ResponderExcluir
  28. Quem foi que Seu Luiz nomeou para ocupar o lugar de Sr. Eber Frias?
    Me disseram que foi Miss Silicone, se for verdade acredito que em dezembro não vou receber minha pensão. Ela é tão fraquinha quanto quem a colocou no cargo de presidente.
    Volta logo Frias!

    ResponderExcluir