ALEPE

ALEPE
ALEPE

GOVERNO DO ESTADO

GOVERNO DO ESTADO
GOVERNO DE PERNAMBUCO - FUNDARPE

domingo, 16 de janeiro de 2011

GARANHUNS E O FESTIVAL DE JAZZ

De cinco a sete de março próximo, em pleno período do Carnaval, Garanhuns realiza mais uma edição do Festival do Jazz, que ano a ano cresce e atrai turistas desinteressados da folia de momo. Este ano o evento trará grandes nomes da música instrumental brasileira e internacional, a exemplo de Paulo Rafael, Robertinho do Recife, Pepeu Gomes, Lancaster e Kenny Brown. O Festival vai movimentar o Pau Pombo durante o dia e terá apresentações à noite, na Praça Guadalajara. O organizador da festa, Giovanni Papaléo não fechou de todo a programação, mas antecipa que outros grandes nomes do jazz foram convidados. Uma das novidades em 2011 será a "Noite da Guitarra". "O evento tem tudo para ser muito melhor do que quando tudo começou, em 2008", acredita Papaléo. (Na foto o músico Robertinho do Recife, que deve ser um dos destaques da Noite da Guitarra).

Um comentário:

  1. Que bom. Vai ter mesmo o Festival de Jazz, não é? Cheguei a pensar que seria mais um evento a ser sepultado em Garanhuns.
    Pelos nomes que já aparecem para a programação, já não vou viajar.
    Eu gostaria de saber se algum artista (ou grupo) de Garanhuns que tem condições de se apresentar no evento, vão ter vez nessa programação, pois os cachês que geralmente oferecem são insignificantes.
    Roberto, agradeço se publicar meu comentário. Não me identifico, porque sei que poderei ser riscado de outros eventos da cidade. Infelizmente é assim. Não precisa nem ter uma competência necessária pra se apresentar, por exemplo, no FIG, o importante é aceitar o que dita a Secretaria de Turismo. (Ainda existe a Secretaria de Cultura?) Nada contra a Secretária, que por sinal me parece uma mulher muito inteligente, mas o cargo a limita muito. Não vê o Ronaldo César? Viu que não ia poder fazer muita coisa na área artística e cultural e em pouco tempo já entregou o cargo. Provou ser um rapaz decente e coerente. Pra que remar contra a maré? Cansa!
    Não é de agora que os verdadeiros artistas de Garanhuns não recebem a atenção que merecem.
    Sai governo, entra governo, e a cultura é levada na barriga. Estou errado???????????

    ResponderExcluir