Governo de Pernambuco

Governo de Pernambuco
Governo de Pernambuco

GERSON LIMA ESCREVE SOBRE O PROJETO DAS MUDANÇAS EM GARANHUNS


Radialista e publicitário Gerson Lima, uma das cabeças pensantes de Garanhuns, escreveu um artigo instigante a respeito da mudança no município, com a chegada de Sivaldo Albino (PSB) e Pedro Veloso (PT) ao poder. 

Vale à pena a leitura: 

CALMA, JÁ HABEMUS PAPAM 

Após me curar da ressaca do trabalho de duas campanhas políticas, uma na Bahia e outra em Minas Gerais, me dou ao direito de enfiar a cara no meio de efusivas expectativas, oportunas esperanças e vasto entusiasmo, que ora se acercam em torno da nova gestão que se instala em Garanhuns.  E minha aparição aqui é para se somar a isso tudo e o que mais se entenda por confraternizar com seus atores diretos, nesse momento de emancipação política, alcançado com méritos. Já de malas prontas de volta pra casa, no Aeroporto em São Paulo, por esse moleque de recado chamado WhatsApp, a parentada me manda a “fumacinha branca” do resultado das eleições: Habemus Papam - Sivaldo Albino é o novo prefeito!

Na mídia, após a posse, o novo gestor se deixou fotografar por inteiro na cadeira do seu novo gabinete, como se quisesse tornar o móvel uma extensão do seu corpo. E dias depois, acompanhamos a gurizada de Sivaldo subir saltitante os degraus do Palácio Celso Galvão para tomar posse nas secretarias de governo. Os gregos afirmavam que o Entusiasmo é um deus que mora dentro da gente e que precisa ser despertado sempre que estivermos diante de uma nova jornada. E é disso que Garanhuns precisa no inconsciente coletivo. Entusiasmar-se para entusiasmar. Gosto muito das pessoas que onde estiverem, estão sempre por “inteiro”. Eu também sou assim.

No discurso de anuncio do secretariado, Sivaldo foi generoso, conselheiro e proponente da ordem e do compromisso público. E deve receber isso de sua turma de primeiro escalão, porque são gente que a gente vê nas ruas. Possuem qualificações e competências e porque está fora de moda subir num salto de um serviço público, mesmo que o salto seja da Arezzo...

É um tanto clichê afirmar que esse é o momento de arrumar a casa. Mas é verdadeiro sim. Então tenhamos calma, já Habemus Papam. Deixemos o escalão cérebro arquitetar com tranquilidade sua equipe de governo e já foi dito pelo novo gestor de Garanhuns que a acomodação de sua equipe, virá, gradativamente com prioridade a quem se envolveu com seu projeto eletivo.  Há legalidades para isso, assim como há critérios de competência, se existir também o sentido de almejar a necessária eficiência da gestão e até a longevidade de sua notória trajetória política.

O que não dá é tentar dar os primeiros passos e alinhar tudo, tendo que receber ligações de candidatos a vereador de 50 votos, já pedindo para ser Embaixador de Garanhuns na Noruega. Calma, já Habemus Papam. Aos poucos tudo vai se arrumando e devemos vislumbrar uma Garanhuns oxigenada e lançada ao desafio de novos tempos, levada por pessoas que precisamos confiar e contribuir. A austeridade de uma gestão não se consegue com a exposição da mídia gratuita, infantilizada na alegria de quem ganha a primeira bicicleta. É arriscoso” a expressão individual do pensamento, se este não estiver no contexto de um Plano de Governo e mesmo do pensar da Gestão.

Quando Pedro Veloso foi fazer turismo no Hospital Português, por conta do Coronavírus, lhe mandei um recado curto e grosso: Avia Pedro! vem governar, tu és Pedra. Graças à Deus, dias após o conceituado médico e vice prefeito estava de volta com saúde plena. Então segue a todos o meu entusiasmo. E ao filho de Adolfo, Alexandre Marinho, meus parabéns, novamente. Sim porque nos idos de 90 participamos juntos de empreitada semelhante ao ele germos Bartolomeu Quidute prefeito, num contexto político bem parecido. O moleque tem uma cabeça boa, torce por Garanhuns e tem uma visão de mundo moderna. Não dá pra confundi-lo com um Olavo de Carvalho, porque a qualquer sujeito que se ofereça uma “lapada” de cachaça de tampa de rolha e ele comece a sentir o mundo rodar,já passa a ter certeza de que a terra é mesmo redonda. Alexandre é desses. Além de sangue bom.

Boa sorte, turma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário