Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa
Assembleia Legislativa

terça-feira, 26 de fevereiro de 2019

MANIÇOBA ESTÁ ORGULHOSA COM SUAS NOVAS DOUTORAS


Por Junior Almeida

Maniçoba é uma das três vilas do município de Capoeiras e, onde moram atualmente aproximadamente trezentas pessoas. Fica localizada entre as cidades de São Bento do Una e Capoeiras. É cortada pela PE 193, sendo marco de divisa entre os dois municípios. Existem na vila, por exemplo, casas que fazem parte do município de São Bento, mesmo a povoação pertencendo à Capoeiras.


O lugarejo foi fundado pelo agricultor Zé Ribeiro, aproximadamente oitenta anos atrás, quando esse se mudou do Sítio Gurjão construindo no lugar uma grande casa, que só de janelas tinham doze. Em Maniçoba, onde a maioria dos seus moradores é aparentado, seus moradores estão orgulhos com as recentes conquista dos seus filhos.


É que as irmãs Karina e Karolina de Almeida Calado serão as primeiras doutoras do lugar. A primeira é formada em letras pela UPE - Universidade de Pernambuco  -, fez mestrado pela PUC - Pontifícia Universidade Católica - de Belo Horizonte, Minas Gerais, onde também no próximo dia 28 estará apresentando sua tese de doutorado em literatura.


As duas sempre estudaram em escola pública em Maniçoba e São Bento nos anos iniciais. Karolina, a Karol, a mais nova das irmãs, é formada em jornalismo pela UFPE – Universidade Federal de Pernambuco – onde também fez mestrado e no dia de ontem (25) apresentou sua tese de doutorado.


As “meninas” filhas de Antônio e Tereza e netas de Zé Ribeiro, fundador da vila estão dando um orgulho danado ao povo de Maniçoba. Existem nas imediações da vila doutoras como a enfermeira/prefeita Neide Reino e sua sobrinha, a médica Maysa Fernanda, mas da vila mesmo, segundo informações do professor Agostinho Jessé, as duas irmãs são as pioneiras.


No momento delicado por que passa o Brasil, em que a educação do país está sob ataques, que ministros declaram terem graduações que não cursaram, onde um ministro de educação estrangeiro agride o povo brasileiro, chamando-o de ladrão e quer doutrinar alunos com sua visão de mundo, querendo impor que nas escolas se repita o slogan de campanha do seu chefe, é mais do que justo que o povo da pequena vila tenha orgulho dos seus filhos. Não só os Almeidas, os Calados, os Ribeiros e os Jessés, da Maniçoba, mas todas as pessoas da vila, e por que não também, as pessoas de toda Capoeiras.

*Na foto: karina, Cleonilda Reino, Inan, Karol, Clédcia, Aryson, Tereza e Agostinho Jessé.


Nenhum comentário:

Postar um comentário