SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

segunda-feira, 18 de junho de 2018

NOVAS ANOTAÇÕES SOBRE A COPA DA RÚSSIA


A Croácia e a Dinamarca fizeram o que se esperava deles, venceram bem o primeiro jogo e são fortes candidatos a passar à fase seguinte da Copa 2018.

Dificilmente, no entanto, pelo que se viu na estreia das duas seleções, chegarão à grande final do mundial da Rússia.

Bonito fez o México que jogou bem e surpreendeu a Alemanha. Os europeus, que conquistaram o título no Brasil, quatro anos atrás, bem que se empenharam, fizeram de tudo para pelo menos empatar, mas o travessão e a má pontaria dos atacantes atrapalharam os esforços da seleção quatro vezes campeã do mundo.

O México, sem tanta tradição, não fez um gol por acaso. Jogou bem, teve chances de ampliar e o resultado final terminou sendo justo.

Será que os mexicanos, embalados com esta vitória, podem se candidatar a ser finalistas da competição?

Na estreia da Argentina, no sábado, Messi fez de menos tudo que Cristiano Ronaldo fez de mais, no jogo contra Portugal.

O meia argentino perdeu até um pênalti e a seleção dos los Hermanos teve de se contentar com um empate diante da estreante (em copas do mundo) Islândia.

BRASIL  - Dos países que já foram campeões do mundo,  Uruguai e França venceram. Argentina, Alemanha e Brasil deixaram seus torcedores frustrados.

Ao publicar essas impressões sobre os últimos jogos da Copa da Rússia, milhões de técnicos, comentaristas esportivos e cidadãos comuns já deram sua opinião a respeito da partida entre a seleção brasileira e a da Suíça.

Muitos se atém a lances isolados, como o gol tido como irregular da Suíça ou um pênalti não marcado a favor do Brasil.

É uma discussão inútil, pois o que vale é a decisão do juiz, que não foi contestada nem mesmo pelos chamados “árbitros de vídeo”.

Caso a seleção nacional tivesse jogado melhor, marcado dois ou três gols, juiz nenhum impediria nossa vitória.

A verdade é que a seleção ficou devendo e apesar de ter atacado mais que a Suíça, durante a maior parte do jogo, ficou aquém da expectativa e enfrentou um adversário que toca bem a bola e foi competente para garantir o empate.

Neymar esteve aquém do seu potencial, Paulinho não brilhou e mesmo Felipe Coutinho, autor do golaço brasileiro, durante o resto da partida não fez grande coisa.

Para o Brasil ser campeão precisa melhorar muito. Deve vencer a Costa Rica, mas é bom ter cuidado com a Sérvia, que é tão perigosa quanto à Suíça, ou mais.

A Argentina ainda pode evoluir, a Alemanha não está morta e se vencer os próximos jogos vai complicar mais na frente.

A Espanha continua sendo o time que apresentou o melhor futebol na primeira rodada e Portugal depende muito de Cristiano Ronaldo para chegar mais longe.

Nem sempre Cristiano poderá marcar três gols numa partida e fazer a diferença. Quando ele tiver um dia de Neymar sem brilho, como aconteceu ontem, o que será dos portugueses?

A Inglaterra vai jogar pela primeira vez hoje à tarde e o mundial segue com boas seleções, gols em todos os jogos, estádios cheios e bonitos.

Aliás, é cada imagem da Rússia que a televisão mostra que a gente fica de boca aberta. Dá vontade de estar lá, apesar do frio impiedoso.

E pra terminar, infelizmente, mais uma nota negativa do Brasil. E desta vez não estamos nos referindo à seleção nacional.

É que um grupo de torcedores brasileiros, dentre eles o advogado Diego Valença Jatobá, resolveu fazer vergonha ao país com comportamento de moleque na Rússia de tantas tradições.

Eles estavam no estádio, próximo a uma jovem russa bonitona e aproveitando a diferença linguística começaram a dizer palavrões, usar todo tipo de expressão chula e ficaram dando risada, como se o espetáculo tosco e deprimente que proporcionaram fosse engraçado.

Foram violentamente criticados por brasileiros mais civilizados de todas as regiões, condenados em notas de associações feministas e até o Portal do Jornal do Commercio, apesar de comedido e bairrista, publicou uma reportagem muito negativa para o grupo de imbecis.

O advogado e ex-secretário de Ipojuca ficou em evidência nessa matéria do JC Online.

Não bastava a seleção empatar com a Suíça, tinha também que aparecer esse bando de trogloditas para mostrar ao mundo como somos mal-educados?

Que na próxima o Brasil jogue melhor, vença a Costa Rica e os idiotas endinheirados aprendam a se comportar. Saravá. 

*Na foto de "Viagem e Turismo" uma imagem de São Petersburgo, considerada uma das cidades mais bonitas da Rússia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário