Prefeitura de Garanhuns

Prefeitura de Garanhuns
Prefeitura de Garanhuns

sexta-feira, 19 de janeiro de 2018

O AUTORITARISMO E A VIOLÊNCIA DO JUDICIÁRIO


Da jornalista Tereza Cruvinel:

Reagindo ao crescimento da mobilização em defesa do ex-presidente Lula e de seu direito de ser candidato, o conservantismo e o antipetismo, através das redes sociais e  de seus porta-vozes na mídia, engajaram-se numa campanha para caracterizar o PT e seus aliados no campo da esquerda como radicais, autoritários, antidemocráticos, violentos e insurgentes contra a Justiça.

Esta ação está em pleno curso, como parte da disputa da opinião pública sobre o que poderá ser uma gravíssima interferência do Judiciário no processo eleitoral. As manifestações de apoio a Lula e de discordância com o processo são próprias da esfera política, são legítimas e democráticas, desde que pacíficas, e estão sendo organizadas com este espírito. Em matéria de autoritarismo e radicalismo, os setores do Judiciário e do MPF condutores do processo é que avançaram o sinal desde o início: com a ilegal condução coercitiva de Lula, com gravações divulgadas ilegalmente, com o espetáculo do power-point  inócuo e com a condenação sem provas por parte de Moro.

O TRF-4 também radicalizou ao passar o recurso de Lula à frente de outros de olho no calendário eleitoral. Seu presidente, Thompson Flores,  radicalizou na politização do assunto, denunciando ameaças aos desembargadores que, se fossem realmente sérias, teriam ensejado providências, pois ele dispõe de instrumentos para isso.  Sua movimentação em Brasília foi própria de quem buscava elevar a temperatura e não conter os ânimos.  Tem atuado como radical e autoritário desde o momento em que, mesmo sem ler, definiu a sentença de Moro como irretocável.

Onde está o radicalismo de que acusam os defensores de Lula?  Eles se apegam principalmente à  frase da senadora Gleisi Hoffmann, presidente do PT, que tropeçou na metáfora ao dizer que para prender Lula “vai ter que matar gente”.  Mas é preciso ter muita má vontade ou má intenção para não compreender que ela falou em sentido figurado, buscando ressaltar  a amplitude da corrente de apoio e solidariedade ao ex-presidente. Uma ou outra manifestação mais exaltada, de militantes e simpatizantes, pode ter sido encontrada na Internet mas, novamente,  só a vontade de esquentar  ainda mais o ambiente explica a generalização. PT, CUT, partido aliados e outros movimentos  sociais estão negociando sobriamente com o secretário de Segurança do Estado do Rio Grande do Sul, Cesar Shirmer, as condições em que ocorrerão  as manifestações das caravanas que começam a chegar a Porto Alegre no dia 23. O própria Lula, numa decisão sensata, decidiu ficar em São Paulo no dia 24. Poderiam atribuir à sua presença a intenção de insuflar as mais de 50 mil pessoas que estarão nos atos de Porto Alegre.

Está em curso também o questionamento da campanha “eleição sem Lula é fraude”, com base no argumento de que a Lei da Ficha Limpa não  pode abrir uma exceção para Lula. Pois, se condenado, a ele também deve ser aplicada a inabilitação eleitoral prevista para todos os condenados em segunda instância.  Não se trata, porém, de tentar colocar Lula acima da lei. Não gosto dela, mas é lei. O que os defensores  de Lula questionam é a natureza do processo  e da condenação inicial,  em que se tornou nítida a perseguição política, a predisposição para condenar e, por consequência, inabilitar eleitoralmente o ex-presidente.


O que se questiona é o fato de, mesmo não podendo provar que Lula é dono do tríplex da OAS, agora penhorado por credores da empreiteira, Moro o condenou por corrupção passiva, com base na palavra de um delator destroçado pela tortura penal. É o tal lawfare de que falam a defesa de Lula, respeitados juristas nacionais e estrangeiros e grandes nomes da inteligência nacional e mundial que assinaram o manifesto “eleição sem Lula é fraude”. Será fraude porque  a Justiça terá sido instrumentalizada para uma gravíssima intervenção no processo eleitoral, dele excluindo o candidato que é líder em todas as pesquisas.   Isso sim, é violência, radicalismo, autoritarismo.

*Tereza Cruvinel é uma das mais experientes jornalísticas políticas do Brasil. Trabalhou em órgãos da Grande Imprensa, inclusive no Grupo Globo, mas atualmente só atua na mídia alternativa e progressista. É uma das colunistas do site Brasil 247.

6 comentários:

  1. Qualquer advogado de porta de delegacia sabe muito bem que, A JUSTIÇA É SOBERANA, SÓ PODE SER SUBMISSA À LEI. Pois bem!!! Das muitas práticas viciosas DA PUTADA PETRALHA, talvez a mais abominável seja a mentira. Desde muito tempo a mídia vendida ao partido(leia-se blogs sujos, lixo!!!) se especializou em fraudar os fatos, vesti-los com novas roupagens, exagerar sobre os seus próprios méritos, e nos ADVERSÁRIOS, inflar seus erros e defeitos. Justamente é o que faz a ex-jornalista CRUVINEL que é conhecida no cenário dos jornalistas sérios deste país, como a PAULO VENDIDO AMORIM de saia...

    Para se ter ideia o que representa esse povo das letras e da cultura, quando, para defender o PT, um ator diz que a política pressupõe enfiar a mão na MERDA(leia-se Paulo Betti) ou um músico dá um pé no traseiro da ÉTICA(leia-se Chico Jabuti), ambos estão pondo em termos muito práticos o que a harmonia petista imaginou e colocou em prática como teoria de poder: ROUBAR, ROUBAR e ROUBAR e não querer ser punido pela lei, somente a lei...

    Os “formadores de opinião” petralhas, juntamente com os blgs sujos foram construídos e ainda hoje sobrevivem tendo em uma das mãos a miséria tornada cativa da caridade oficial(leia-se: bolsa esmola). E, na outra, a desinformação, a ignorância. Como diz o jornalista Reinaldo Azevedo: “Não chega a ser uma luta de classes. É só um arranca-rabo, mas é o bastante para alimentar as ilusões redentoras de quem usa a Ética do filósofo holandês Spinoza para justificar a ÉTICA de Delúbio Soares e Paulo Betti”...

    P.S.: - PARA QUEM NÃO SE CONVENCE DE NADA, NADA É PROVA!!!

    ResponderExcluir
  2. É de cortar coração, mas é verdade: Lula, o HEPTARRÉU dá adeus ao espaço público, à política e à liberdade. Vai morrer respondendo PROCESSOS CRIMINAIS... E sabe por quê?!?!?! Porque Lula só pensa naquilo: PODER!!! E poder a todo custo é sinônimo de absolutismo, de autocracia, de tirania!!! Se algum petralha tivesse o senso do que é um verdadeiro estado democrático de direito, não se permitia, em homenagem ou satisfação ao povo pobre brasileiro, descer ao nível da excrescência das mentiras deslavadas, como as protagonizadas publicamente pelo ex-presidente Lula, e tantos outros, desprovidos de dignidade e decoro, sustentando o insustentável.

    É deveras periclitante a situação do HEPTARRÉU que tem tudo para mofar na cadeia por roubo, roubo e mais roubos...Como se sabe, todo pretenso político que vai registrar sua candidatura, no ato, é obrigatório a apresentação de uma CERTIDÃO CRIMINAL NEGATIVA DA JUSTIÇA FEDERAL... Portanto, bye, bye, Lula!!! Finalmente, o Seboso de Caetés será encurralado pelo destino. A putada ‘’vêrmeia-incarnada’’ já assumiu publicamente que vai judicializar sua candidatura mesmo ele estando preso, fato que acontecerá a parir do dia 24 de janeiro. O Jararaca sem veneno vai cair na Lei da Ficha Limpa e se tornar inelegível por preciosos 8 anos. Ou seja, morreu Maria Preá!!!

    P.S.1.: - Podem registrar: Lula é homem de chegada. Apesar de ter largado mal, ele ainda vai surpreender e chegar na frente do Cabral, que já tem 20 processos no lombo e condenado a 87 anos de cadeia.

    P.S2.: - O relógio é implacável.... O tempo não para... Tic tac... Tic tac... Tic tac... só faltam apenas 5 dias para o LULA ir preso e o Brasil ressurgir das cinzas. Só assim nascerá um outro país!!! Contagem regressiva pelo horário de verão: Tic tac... Tic tac... Tic tac...

    ResponderExcluir
  3. O troço é prático, objetivo e bastante compreensível, SENÃO VEJAMOS: Documentalmente, tecnicamente, o tríplex está em nome da OAS, mas não é isso que se discutiu no processo em Curitiba. O que se buscou na investigação foi provar que Lula é o DONO DE FATO do apartamento, que não estaria no nome dele para dissimular o pagamento de propina.

    Qualquer advogado de porta de delegacia sabe muito bem que, tal situação se chama “PRINCÍPIO DA VERDADE REAL”(como diz o advogado Rodrigo Quinta). Isto é, busca-se no processo penal a verdadeira REALIDADE DOS FATOS, a essência das situações jurídicas trazidas em juízo. Na esfera criminal este tipo de situação é vista, em outras circunstâncias e situações, quando se utiliza de um “LARANJA” para realizar atos ilícitos, por exemplo”.

    P.S1.: - Jogando o artigo 317 do CÓDIGO PENAL na caixa dos peitos da putada iludida petralha, mesmo sabendo que, PARA QUEM NÃO SE CONVENCE DE NADA, NADA É PROVA!!! Diz o artigo: “Solicitar ou receber, para si ou para outrem, direta ou indiretamente, ainda que fora da função ou antes de assumi-la, MAS EM RAZÃO DELA, vantagem indevida, ou aceitar promessa de tal vantagem"... É PRECISO DESENHAR!!!

    P.S2.: - Se todas as propina tivessem: cheque nominal, recibo ou carimbo, não era “PROPINA” era NEGOCIO… Daí, conclui-se que, se tivesse no nome dele, e ele pudesse provar a origem do dinheiro, não haveria crime.

    P.S3.: - Quem é catedrático ou doutor, feito o Lula, em malandragem, falácia, mentira, corrupção, amoralidade, não é obrigado a ser doutor em honestidade, integridade, veracidade, verdade, credibilidade e moralidade...

    P.S4.: - A verdade é uma só: quando o tronco da árvore quebra, de nada adianta se agarrar aos galhos...

    ResponderExcluir
  4. Só jornalistas que "mamam" nas tetas governamentais e não possuem capacidades individuais, como talento, inteligência e presença de espirito, ficam com esse papo furado!

    Sonhem com o Ladrão mor liberando verbas sem limites para essa gente medíocre.

    ResponderExcluir
  5. NENHUM dos dois merece resposta. - Ambos só cantam numa nota só... São despreparados pra qualquer debate... E mal-intencionados explicitamente!

    ResponderExcluir
  6. Na física do Isaac Newton para toda ação há uma reação na mesma direção,porém em consentido contrário.

    Três desembargadores terão a missão de mostrar suas caras ao Brasil e ao Mundo fazendo um julgamento justo diante de um erro grosseiro praticado por um juiz que viu de fato que o Lula é o dono de um triplex,mas não conseguiu provar de direito sua propriedade.

    Eu já li dezenas de decisões tomadas por alguns desembargadores de formas corretas e também de formas incorretas.Eles não são os dono da verdade,aliás ninguém é dono da verdade senão o Dr. GILMAR MENDES não teriam soltados vários presos tudo em nome da democracia.

    Aquela decisão do Dr. Gilmar Mendes legalizando as prestações de contas da chapa Dilma e Temer no ano passado acabou desmoralizando tudo o que o meu candidato a presidente falou e escreveu taxando a Dilma de bandida, ladrona, anta, puta, safada, corrupta,ladrona e guerrilheira,de ter sido reeleita com dinheiro de propinas e das empresas como se ele não tivesse recebido em 50 anos milhões e bilhões das mesmas empresas,empreiteiras,bancos e indústrias,etc.

    Podes quem quiser criticar o Lula a vontade porque ele não está nem ai.Ele já foi preso pela ditadura defendendo o direito de eu e você criticarmos a vontade.Cada um deve responder pelos seus atos e palavras obscenas e obscuras.

    ResponderExcluir