Natal de Garanhuns

Natal de Garanhuns
A Magia do Natal

Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

NÃO SE FAZ POLÍTICA COM ÓDIO

Matéria sobre vereadores que passaram pela Câmara Municipal de Garanhuns e fizeram história, repercutiu de ontem para hoje na cidade.

Um leitor assinalou o esquecimento, por parte do editor do blog, do nome de Marlos Duarte.

Realmente merece ser citado. Embora eu morasse no Recife, na época em que ele exerceu seus mandatos, tenho conhecimento de que foi um parlamentar combativo, atuando pelo antigo MDB e depois pelo PCB.

Até o ex-prefeito Ivo Amaral, que sofria forte oposição de emedebista, reconhece as qualidades do ex-vereador no exercício do mandato.

Marlos é irmão de Jodeval Duarte, um dos maiores jornalistas de Pernambuco e que hoje mora em Garanhuns.

Acredito que Paulo Gomes e Pedro Leite também foram bons vereadores e cada um deles fez o que pôde pela cidade, dentro de suas possibilidades.

O vereador Professor Márcio reagiu bem à matéria e gostou de ser citado positivamente, conforme revelou um dos seus assessores.

Sivaldo Albino parece que ficou meio surpreso com a postagem, pelo reconhecimento de que ele como presidente da Câmara se destacou mais do que outros, na história recente do município.

Aí ele aproveitou e lembrou as seguintes ações do seu mandato à frente da Casa Raimundo de Moraes, citando: a informatização do Legislativo, a criação de um site que realmente funcionava,  a compra de dois veículos zero quilômetro para a Câmara e a extinção do jeton.

Por conta desta última medida, a Prefeitura hoje não precisa gastar mais recursos do município com as sessões extraordinárias.

Logicamente o jornalista não teria condições de lembrar de todos os trabalhos do vereador, pois nunca fez parte do seu gabinete  ou da assessoria de imprensa da Câmara Municipal.

O parlamentar, portanto, tomou algumas medidas positivas quando esteve na direção do Legislativo Municipal, mas neste último mandato, quando foi preterido em favor do nome de Audálio Ramos para ser novamente presidente da Câmara, passou a fazer uma oposição rancorosa a Izaías Régis (PTB) e isso o levou à derrota, arrastando ainda os vereadores Cláudio Taveira, Nelma e Paulo Leal.

Lembro que uma vez, numa rápida conversa com o ex-prefeito Silvino Duarte, ele previu o desastre, dizendo sabiamente que “não se pode fazer política com ódio”.

Quem enveredou por esse caminho em Garanhuns sempre se deu mal.

*Na foto o prefeito Izaías Régis e o ex-prefeito Silvino Duarte (PSDB), que hoje são aliados.

3 comentários:

  1. "Não se pode fazer política com ódio"

    O inimigo de hoje pode ser o garçom de amanhã não é mesmo?

    ResponderExcluir
  2. Pra mim vereador atuante foram aqueles da antigamente os quais não eram remunerados não tinha salarios esses sim mereciam todas horarias. Trabalhavam para o povo tirando do que eles tinham , hoje é so o salario que interresa.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. João Martins.

      Vereador se destacar mais para quê? Quando vem as eleições aparecem os picaretas,os achacadores,os corruptos compradores de votos e ganham as eleições.

      Veja se aparece algum deles depois das eleições para agradecer os votos, tudo comprado nas barbas dos profetas e dessa justiça eleitoral que finge que fiscaliza e os caras fingem que trabalham.Afinal,o eleitor vota no vereador para trabalhar,mas trabalhar em quê?

      Mais de 6 vereadores dizem que não trabalham porque o prefeito não quer que eles trabalhem.Aonde eles devem trabalhar? São preguiçosos e mentirosos e zombam da minha e da tua cara. Um comprador de voto sem vergonha subiu no palanque e disse publicamente,vocês estão preocupados comigo,trabalhe porque eu estou trabalhado demais .....na compra de votos!

      Excluir