Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

GERALDINHO LINS LEVA O FORRÓ PARA A ALEMANHA

Colhendo os frutos de um trabalho que vem sendo desenvolvido desde o ano de 2013, Geraldinho Lins se prepara para mais uma participação no Psiu! Forro Festival, que ocorre de 26 a 29 de janeiro de 2017 em Berlim, na Alemanha. Esta é a segunda vez que o festival, que tem uma programação composta por shows, dança, palestras e workshops, conta com a participação do artista, que se apresentou pela primeira vez agora em 2016: “O forró já é um ritmo muito querido por lá, com uma receptividade sempre muito boa dos brasileiros e das pessoas da terra”, avalia o cantor.

As apresentações de Geraldinho Lins ocorrem em dois dias. No dia 26, o artista leva seu repertório para a tradicional casa de shows Brotfabrik, em Frankfurt. Já no dia 28, o artista canta em Berlim, no Tanzstudio Dança Frevo, primeiro estúdio na Europa dedicado à dança pernambucana. O local é comandado pelo bailarino pernambucano Carlos Frevo, responsável pela organização do Forro Festival e da divulgação do frevo e do forró na Alemanha. Nas apresentações, Geraldinho Lins vai estar acompanhado por dois músicos pernambucanos: Beto Farias (zabumba) e Luizinho de Serra (sanfona).

História – Nascido Geraldo Pereira Lins Filho, na cidade de Serra Talhada, em pleno Sertão pernambucano, o primeiro contato de Geraldinho Lins com a música aconteceu aos 13 anos de idade, ao ganhar o primeiro violão de sua mãe. Sua paixão pelo forró viria alguns anos mais tarde, quando a família residia em Caruaru. Foi na Capital do Forró que Geraldinho conheceu o Trio Nordestino e seu tradicional forró pé de serra, selando uma paixão que está distribuída em mais de 200 canções de sua autoria, que incluem ritmos como xote, baião, caboclinho, frevo de bloco e frevo rasgado.

Sua primeira banda, a Flor da Pele, foi formada por amigos de colégio. Em seguida, veio a Quenga de Coco, grupo com o qual Geraldinho Lins se apresentou em diversos locais do País. Nos últimos dez anos, o artista tem atuado em carreira solo, conquistando fãs em todo o Nordeste, com shows da Bahia ao Maranhão, bem como outras capitais, a exemplo de São Paulo e Rio de Janeiro – cidades onde o artista bateu recorde de público em todos os shows.

Mas as apresentações não têm se limitado ao território nacional. Pelo terceiro ano seguido, Geraldinho levou seu forró à Europa em uma turnê que passou por Portugal, França, Suíça, Bélgica e Alemanha. Desde 2013, o músico vem desenvolvendo esse trabalho que contempla o intercâmbio com músicos e produtores europeus e brasileiros que divulgam o forró na Europa.


Geraldinho Lins está à frente de uma equipe de 20 profissionais, entre técnicos, produtores e roadies. Sua banda é formada por Sandro Pick (bateria), Sandro Araras (percussão), Saulo Alves (contrabaixo), Edi do Acordeon (sanfona), Marquinhos Casa Amarela (zabumba), Daniel Félix (teclados) e Kiel Hernandez (guitarra). O artista possui 16 CDs lançados, nove deles na carreira solo; e três DVDs. (Hélder/Brava Comunicação).

Nenhum comentário:

Postar um comentário