Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

MUITO OBRIGADO!

*Givaldo Calado de Freitas

Vocês são muitos carinhosos conosco. Todos vocês: Natanael, Wilma, Romildo, Flora, Eulália, Tetê, Ruth, Geise, Paulo ... São tantos. Enfim, vocês todos!

E o que dizer de nossos cronistas? Cronistas da família. Cronistas das Academias. Cronistas... Deixara-nos a verter lágrimas. Como deixaram indizíveis familiares e amigos, aqui, não reverenciados.

De uma das crônicas de família que nos chegou, agora, apesar de datada de 02 de setembro de 2012, saboreamos essas recordações, que não as entendemos a destempo, a despeito de a família ter crescido nesses últimos anos. De lá para cá:

"Há 40 anos, um estudante e uma estudante, começaram a viver uma bonita história. Um casamento como outro qualquer: Maria Emília e Givaldo... Tio Padre os abençoou aos pés do altar. O juiz os uniu em frente à sua mesa... os acontecimentos bons, até agora, suplantaram os mais difíceis. Um casal vencedor, tendo como principal razão de suas vidas, uma bonita família...".

E mais outra das Academias:

"Hoje vocês estão completando 44 anos de casados, representados em celebração pela simbologia das "Bodas de Carbonato"... Givaldo e Emília muitas dificuldades vocês enfrentaram na vida, muitas lutas vocês venceram juntos... Foi preciso muita coragem para vencer tudo o que vocês encararam. Tudo que passaram. Isso tudo é um exemplo de vida... Acreditem: muitas coisas ainda vão mudar e melhorar. Vocês ainda têm uma vida inteira pela frente, para aprender a ser família, e não apenas um casal... Casamento não é para qualquer um..."

E mais. E mais... Que a todos agradecemos e pedimos para se considerarem referenciados nessas tortuosas linhas.

Mas, de repente, outra que foi demais... Que foi fundo... Que não podemos deixar de referir. Ela lembrava o diálogo de Matias Cardoso com Fernão Dias. Eles, bandeirantes do Brasil. Do Brasil, que surgia para ser o país que é hoje. Matias, lugar-tenente de Fernão, arrefecera o sonho de encontrar esmeraldas, e fora a anunciar sua deserção ao chefe. Ao seu govenador Fernão Dias.

O amigo cronista, citando Paulo Setúbal, destaca: “Fernão Dias escutava, arrasado. Podia esperar tudo menos ouvir de Matias Cardoso a dureza que estava ouvindo. E dizia ferido: Vós, Matias Cardoso? O meu lugar-tenente? O que eu busquei com tanto gosto? Vós? Eu mesmo, D. Fernando! Digo e repito: desanimei. Não continuo mais. Já reuni os meus homens. Estão todos prontos. Hoje mesmo deixamos a Bandeira... Fernão Dias refletiu e disse: está bem, Matias Cardoso. O companheiro mais querido abandona-me no momento cru. Não importa! Eu tendo vencido índios e feras. Hei de vencer a ingratidão dos amigos. Ide...”

“Você, Givaldo, nunca abandonou um amigo. Por isso quero lhes saudar nessa hora, a você e a Emília, pelo exemplo que vocês nos dão”.

Que Deus nos abençoe nessa caminhada. Que já faz anos. Que, no entanto, seu primeiro dia, ainda presente em nossas memórias, dele nós recordamos como se fora ontem. E Deus tem sido muito bom conosco, por isso.

Muito obrigado, Senhor. Ontem, éramos apenas nós dois aos pés do Vosso Altar, naquela noite fria de Garanhuns de 02 de setembro de 1972, na Igreja de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Hoje somos 13. Nós dois. Seis filhos e cinco netinhos. E todos vivendo num ambiente de muita paz e compreensão e, sobretudo, seguindo os Vossos ditames e a eles tementes.o acabamos de ouvir, outro dia, de nossa netinha Isabella: “Eu quero ir para o Brasil”. E de nossa netinha Gabriela: “Eu quero morar em Garanhuns”.
Por fim, fazemos das palavras do grande Victor Hugo as nossas palavras: “Errem, caiam, pequem, mas sejam justos”. Por que: “Ser santo é uma exceção; a regra é ser justo”. E que Deus nos conserve assim. Com nossa família. Com nossos amigos. E com toda a sociedade.  


*Figura Pública. Advogado de Empresas e Empresário.

Um comentário:

  1. Maria da Natividade Dias8 de setembro de 2016 13:57

    Caros amigos Givaldo e Emilia, que as bênçãos divinas continuem caindo sobre vocês e a linda familia que constituiram. Que venham as Bodas de Ouro. Um abraço carinhoso Mariazinha

    ResponderExcluir