Natal de Garanhuns

Natal de Garanhuns
A Magia do Natal

Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

segunda-feira, 12 de setembro de 2016

CAMELO QUESTIONA PESQUISA DO INSTITUTO OPINIÃO

O candidato do Partido Comunista Brasileiro (PCB) à Prefeitura de Garanhuns, Paulo Camelo, enviou ao responsável pela  56ª Zona Eleitoral do município, juiz Enéas Oliveira Rocha, um ofício questionando a pesquisa realizada pelo Instituto Opinião. No documento ele solicita uma investigação do trabalho realizado pela empresa paraibana e pede que o prefeito Izaías Régis (PTB) seja proibido de divulgar os números da referida pesquisa, em qualquer meio de comunicação, inclusive carro de som.

Segue uma cópia do ofício enviado por Paulo Camelo ao juiz:

ELEIÇÕES 2016 – PESQUISA ELEITORAL - Vimos por meio deste Ofício, informar-lhe que foi divulgado inicialmente no blog do Magno (de Recife), em 09.09.2016 e em seguida reproduzido nos blogs de Roberto Almeida (de Garanhuns), Carlos Eugênio  e outros de nossa cidade, isto é, na mesma data, resultado de uma pesquisa de opinião relativa às intenções de voto entre os candidatos a Prefeito do Garanhuns/PE. Senão vejamos:

1 – Não cita a fonte pagadora. Mesmo que citasse, qual a intenção e “bondade” do jornalista Magno Martins, em mandar o Instituto Opinião, sediado em Campina Grande/PB, fazer uma pesquisa em Garanhuns/PE, mediante pagamento pelo serviço realizado? O que sabemos é que o preço de Mercado para efeito de tal pesquisa, é em torno de R$10.000,00 e haja dinheiro e “bondade” do jornalista Magno Martins, para mandar fazer várias pesquisas em diversas cidades, a exceção da sua terra natal, Afogados da Ingazeira/PE;

2 – Não consta outros dados inerentes a uma pesquisa dessa natureza, a exemplo da margem de erro, sexo, escolaridade, poder aquisitivo, etc;

3 – Outra questão é que o político Paulo Camelo, obteve, nas eleições para Prefeito em  em 2012, cerca de 6,74% das intenções de voto, ou seja, 4.302  votos. Enquanto isso,  nas eleições de 2014 para Deputado Federal, obteve índice similar, cerca de 3.913 em Garanhuns/PE. Como justificar tamanha queda de Paulo Camelo, para um índice menor ou igual a 2%,  quando no momento atual estamos melhor posicionado. Outra questão é o absurdo índice de rejeição, 13,5%,  atribuído a Paulo Camelo, sem que o mesmo tenha exercido cargo público.

Sendo assim, solicitamos-lhe os seus préstimos com o objetivo de mandar investigar a ocorrência acima, a qual fere os princípios democráticos.  E proibir que o candidato Izaías Régis, divulgue tal pesquisa, ora sob suspeita, em quaisquer que sejam os meios de comunicação, incluindo carro-de-som. 


Atenciosamente, Paulo Camelo de Holanda Cavalcanti,
Secretário Político (Presidente) 

Um comentário:

  1. É VERDADE TEM QUE QUESTIONAR ESSA PESQUISA,
    POR QUE PAULO CAMELO É PRIMEIRO LUGAR NA PESQUISA E NÃO IZA.

    ResponderExcluir