Garanhuns

Garanhuns
Fique em dia com Garanhuns

GOVERNO DE PERNAMBUCO

GOVERNO DE PERNAMBUCO
Presença do Governo no Agreste Meridional

terça-feira, 2 de agosto de 2016

IZAÍAS OFICIALIZA CANDIDATURA À REELEIÇÃO

Dez partidos políticos participam da Convenção conjunta, na próxima sexta-feira, na AGA, a partir das 19h, para oficializar os nomes de Izaías Régis e Haroldo Vicente como candidatos a prefeito e vice-prefeito de Garanhuns. Na oportunidade serão homologados também os que concorrem à Câmara Municipal.

O PTB, partido líder da coligação governista, está convidando a imprensa, autoridades, personalidades da cidade e a população em geral para prestigiar o ato político-partidário.

A coligação que terá Izaías e Haroldo como candidatos é formada pelo PTB, PSC, PRB, PSDC, PC DO B, PT, PSL,PT do B,  PMB e PTN.

Na Convenção são esperadas as presenças de lideranças locais e regionais, incluindo o senador Armando Monteiro, deputados Silvio Costa e Jorge Corte Real, prefeitos e vereadores dos municípios da região.

Izaías Régis é candidato à reeleição e segundo pesquisa realizada no município na segunda quinzena de julho, com registro no TRE, lidera as intenções de voto no eleitorado local, bem à frente dos adversários.

ADVERSÁRIOS - Vão enfrentar o atual prefeito a advogada Claudomira Andrade (DEM), que tem como vice o Dr. Severino Vieira, o engenheiro Paulo Camelo (PCB), o ex-dirigente da Celpe Valter Couto e possivelmente o vereador Sivaldo Albino (PPS), que poderá ter um vice do PSB e receber o apoio do Governo do Estado.

Os representantes do DEM e do Partido Comunista Brasileiro já realizaram suas convenções, enquanto os outros devem definir seus rumos até o próximo dia 5.


Paulo Camelo faz questão de frisar que a chapa do PCB é genuinamente garanhuense, que pretende instalar um “governo popular no município, com tolerância zero para a legião estrangeira”.

*Fotos disponíveis no Facebook e Google: Izaías com um grupo de adolescentes, Paulo Camelo em momento de reflexão e Claudomira visitando a casa de uma família da cidade.


6 comentários:

  1. Sempre achei a oposição fundamental para sobrevivência da Democracia. Toda unaminidadde é burra, já dizia o mestre pernambucano Nelson Rodrigues, que fez carreira e fama em terras cariocas.
    Penso que a oposição é imprenscindível e por isso torço verdadeiramente para que o PT volte definitivamente para a oposição, pois ninguém melhor do que os petistas para o exercício dessa tarefa.
    Eles tiveram a oportunidade de governar e colecionaram alguns acertos, que foram soterrados pela implantação do maior esquema de corrupção da História do Brasil e ficarão conhecidos historicamente por sistematizarem esse tipo de crime, utilizando-o abertamente como suporte de um projeto criminoso de poder.
    Desejo sucesso aos opositores do atual prefeito, discutindo e revelando as falhas de sua administração.
    Mesmo que não tenham votos suficientes para ganharem a eleição, terão prestado um inestimável serviço a Garanhuns e a seu povo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. TONY AMORIM.

      Você fez um comentário correto,mas pecou quando afirmou que o PT criou e implementou um "PROJETO CRIMINOSO DE PODER". Não é completamente verdade.

      Esse esquema de poder vem desde as ditaduras quando muitos civis tinham todo o poder de eleger e se reeleger para DEPUTADO ESTADUAL OU FEDERAL e somente uma MINORIA PODERIA CHEGAR a ser um Deputado.

      O próprio Luiz Inácio Lula da Silva,um torneiro mecânico,metalúrgico,analfabeto das elites do Brasil,teve que enfrentar 5 derrotas consecutivas para poder chegar ao poder.

      Esses e outros esquemas que hoje estão sendo descobertos pela operação tarefa da polícia federal teve todo apoio do governo Lula e da Dilma quando aparelharam as polícias com a efetivação de 7.000 homens para 15.000 e a própria justiça recebeu todo apoio.

      Foi preciso chegar na Presidência da República um homem do povo para poder baixar os juros de 24,95% a.m. em 2002 para 12% em 2012.Para poder construir 19 Universidades Federais e mais de 100 expansões delas para que o meu filho e o teu ou um parente seu pudesse cursar Engenharia Civil, Mecânica, Elétrica e Medicina.

      Colega faz mais de 80 anos que Lagoa do Ouro formou o primeiro Médico Dr. ABÍLIO MONTEIRO que hoje leva o nome para A ESCOLA EM TEMPO INTEGRAL Dr. Abílio Monteiro construída pelo ex-senador Paulo Guerra em 1962 e que eu pedi a Silker Verber ex-secretária de Educação do Governo Miguel Arraes para ampliá-la em 1988 e que na gestão do ex-governador Dr. Eduardo Campos tivemos a felicidade de receber a ampliação e a Escola em tempo Integral.

      Finalmente, o sistema eleitoral brasileiro é de 1964 e lá até hoje em nada mudou.

      Todas as REFORMAS POLÍTICAS feitas até hoje nunca tocou na raiz do sistema que é o financiamento empresarial aos partidos e aos políticos.

      Por tudo o que eu já li nos diversos jornais,revistas,Facebook,Blogs em Geral,nenhum deles ataca os verdadeiros problemas estruturais do Brasil.Estão pensando que trocar a Dilma por Michel Temer vai resolver os problemas do Brasil estão literalmente e totalmente enganados.

      Quem nunca quis mudar nada neste país foi exatamente o PMDB.Quantos PMDB temos hoje? 1-Sarney 2-Michel Temer 3-Eduardo Cunha 4-Renan Calheiros 5-Jarbas Vasconcelos.6-Romero Jucá,etc.

      O do Senado Federal votou a favor da OAB e do Supremo Tribunal Federal e o da Câmara Federal do Eduardo Cunha conta a OAB e o STF referente aos doações empresariais aos partidos e aos políticos.

      Saiba de uma coisa.Esse grau de corrupção vem do conluio entre o público e o privado.Existem uma Lei 8.666/93 que chamamos de Lei das licitações.Todas as empresas ganham as licitações municipais,estaduais e federal.Nenhuma delas pode doar dinheiro a partido e a políticos.

      E o que fez EDUARDO CUNHA com sua pauta bomba? Aprova todas as doações.Então,não tem sentido quebrar as empresas do Brasil em função desse grau de corrupção existente entre empresários e os políticos.

      Enfim,nem os mortos estão escapando.Mas toda vez que se descobre uma corrupção braba do PSDB envolve apenas o Sérgio Guerra e o Aécio Neves das Minas Geral que foi delatado mais de 6 vezes na operação lava jato?

      Excluir
  2. Comentarista TONY AMORIM, você acertou em cheio quando afirmou que o PT criou e implementou um "PROJETO CRIMINOSO DE PODER". Não tenha a menor sombra de dúvidas que até o fim do ano o SEBOSO DE CAETÉS, esse farsante, picareta, vigarista, pilantra vai parar na prisão, xadrez, xilindró, cadeia, cela, penitenciária, presídio, detenção, cárcere, calabouço, masmorra, cubículo, jaula, grade, gaiola. Já comprei os fogos!!!

    P.S1.: - Mesmo se achando que não prega prego sem estopa, O TROMBADINHA DE SÃO BERNARDO sabe muito bem que sua carreira de malfeitor da coisa pública chegou ao fim...

    P.S2.: - O CAMELÔ DOS EMPREITEIROS, na melhor das hipóteses vai dar o braço a torcer para que lhe ponham algemas como adereço, já que ele acha abominável o uso de tornozeleira eletrônica...

    P.S3.: - A árvore que só deu frutos podres está caindo. Desta vez, em Curitiba, a merda vai cair na latrina.

    P.S4.: - Hoje, o foco do brasileiro sensato é um só: fora Dilma; prisão do Lula; extinção do PT.

    ResponderExcluir
  3. Prof. Zeca
    Respeito seus argumentos, mas destaco que a expressão PROJETO CRIMINOSO DE PODER já faz parte da História, por constar em voto memorável do Ministro Celso de Melo, decano do Supremo Tribunal Federal, durante o julgamento da Ação Penal 470, mais conhecida como Mensalão
    Ressalto que quando o ministro cunhou essa expressão lapidar, ainda não se falava em Petrolão. Portanto, ela é pertinente.
    Quanto aos feitos do PT, acredito tê-los destacado ao mencionar os acertos da sigla, afinal, todos os administradores têm acertos e erros. Uns mais que os outros, e vice versa ( com ou sem hífen).
    Fiz um comentário sem fulanizar, pois o senhor e os demais leitores do blog sabem da volatilidade das alianças políticas. Basta lembrar que antigos inimigos políticos figadais de repente se tornam amigos de infância, basta que seus interesses sejam coincidentes.
    Eis alguns exemplos:
    - Lula abraçando Maluf na casa deste;
    - Collor abraçando Dilma no Congresso;
    - Jarbas abraçando João Mendonça;
    - Joaquim Francisco sendo suplente de Humberto Costa.
    - São tantos exemplos que se tornaria enfadonho relacioná-los. Por isso, não citei nomes em meu comentário, já que alianças de ocasião - algumas espúrias - são filhas diletas de nosso combalido sistema político partidário.
    Prof Zeca, aprendi que não devo ter pressa para elogiar/criticar quem quer que seja, pois muitas vezes as conjunturas são vilãs com as algumas gestões e benevolentes com outras.
    Procuro ter prudência em minhas avaliações e elas começam seguindo uma regra básica da sabedoria popular: Esperar a maré baixar para saber quem está tomando banho nú.
    Foi muito bom interagir com o senhor, que demonstra priorizar a força do argumento ao invés do argumento da força.
    Fraterno abraço.
    Obrigado pela oportunidade.

    ResponderExcluir
  4. Izaias, vc nem precisa fazer campanha!!!!
    O seu lugar já é certo!
    Não tem oposição a sua altura!

    ResponderExcluir
  5. O prefeito Izaías Régios fez e realizou um grande trabalhado em prol de Garanhuns.

    Quando eu lhe conheci há uns 20 anos atrás eu sabia que ele assim que tivesse uma oportunidade faria um grande trabalho.

    Aquelas críticas contra ele de que como deputado não teria trazido nenhuma fabriqueta de pipoca ou sabão serviu para resgatar sua autoestima e assim,com todas as dificuldades econômicas que o Brasil vem passando desde 2009 quando o Lula reduziu o IPI para 0% e o país deixou de arrecadar mais de 600 bilhões de reais, o Senhor Prefeito vestiu uma roupagem nova nas Praças e Ruas de Garanhuns.Dificilmente perderá a eleição faltando apenas 2 meses e futuramente terá uma projeção para galgar outras posições e que ganhará com isto será Garanhuns.

    Em contrapartida a população em geral ganhou porque pode comprar muitos bens e assim a classe pobre e média pode comprar os seus bens.

    Os municípios sobre

    ResponderExcluir