SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

domingo, 24 de janeiro de 2016

PROMOTORES PERNAMBUCANOS QUEREM IMPEDIR OSTENTAÇÃO COM FESTAS POR CONTA DA CRISE

Verônica, a prefeita "festeira" 
de Lagoa dos Gatos

“Realizar festa em período sabidamente de crise econômica beira a ostentação”.

Este é o pensamento do promotor público de Pernambuco Marcelo Tebet, que atua em Lagoa dos Gatos, município da região de Caruaru, no Agreste Central do Estado. O município tem pouco mais de 16 mil habitantes.

Coerente com seu pensamento, o representante do MP ajuizou uma ação contra a prefeita de Lagoa dos Gatos, Verônica Soares (PTB) por gastar dinheiro com festas mesmo com a folha de pagamento dos funcionários atrasada há meses.

Não pagar o salário dos servidores e investir com festas é uma contradição, raciocina o promotor, para quem a petebista “está ostentando desnecessariamente com os recursos públicos”.

A Prefeitura e a Secretaria de Turismo do Município confirmaram ao promotor, por escrito, que irão realizar os gastos com festas, mesmo com os salários em atraso.

Por isso Marcelo Tebet entrou com uma liminar contra a Prefeitura de Lagoa dos Gatos, pedindo para que fossem suspensos os gastos entre 19 e 26 de janeiro.

Em outros município os promotores estão adotando medidas idênticas ao representante do MP em Lagoa dos Gatos.

Em Tracunhaém, na zona da mata de Pernambuco,  o prefeito Belarmino Vásquez (PR) também  foi notificado pelo MPPE, por gastos desnecessários na realização de festas.

5 comentários:

  1. isso é para acontecer em todos os municípios.em vez de fazer festa .por que os prefeitos não dão cesta básicas para os mais carente.festa não enche barriga.

    ResponderExcluir
  2. Concordo, festas nao enchem barriga!!!

    ResponderExcluir
  3. Quando o ex-governador de Pernambuco,EDUARDO CAMPOS,convocou o Governador Eleito de Pernambuco,PAULO CÂMARA,para a Secretaria de Turismo de Pernambuco foi para por ordem na casa depois dos shows fantasmas e que chegou a mais de R$ 62 milhões de reais.E o Secretário da época era o deputado estadual Silvio Costa Filho.8 anos de FHC e 8 anos de Lula tudo era festa.Hoje os pobres pagam com a volta da inflação porque os nossos deputados federais realizam festas demais com o dinheiro público.Acabaram com as festas de clubes que o povo pagava e se divertia e levam para as praças as custas da miséria e da fome do povo.Nenhum desses prefeitos investiram até hoje na geração de emprego e renda dentro de seus municípios,doutores promotores e juízes.A agricultura falida,o comercio local falido,mas os prefeitos pintando o sete as custas dos cofres públicos falidos também.Parabéns! Afinal,justiça existe é para isto mesmo!

    ResponderExcluir
  4. Lagoa dos gatos!

    A prefeita metendo as duas unhas dos gatinhos para alegrar o povo,mas os pobres precisam desse dinheiro.Será que lá tem médicos? Tem trabalho para o povo?

    ResponderExcluir
  5. Parabéns ao Ministério Público pela ação, vários prefeitos usam essa prática de super shows pagando grandes fortunas a esses cantores dizendo q é cultura. Infelizmente a população é enganada por esses governantes com ação do pão e circo, o que vemos aqui em Canhotinho o derrame de dinheiro q o prefeito ira fazer agora no final do mês trazendo cantores com a desculpa q é a festa de São Cristóvão, se perguntarem a maioria da população ninguém sabe dizer quem foi ele e o que fez em prol do cristianismo. Sempre está faltando médicos no hospital local, e aí quem pode vai para os particulares. Depois da festa vamos de o carnaval onde a prostituição e a bebedeira tomam contam da cidade, onde fica o progresso com essa festa, o que trás de beneficio para o nosso município? por quê não pegar todo esse dinheiro que será gasto e investir no social. Não sou contra a diversão de ninguém, mais só ouvimos falar em crise e recessão, porém, aonde está a crise! sera q para festas a crise não existi, quem é que ganha com as festas, são os governantes ou a população é mais uma vez enganada.

    Paulo Sérgio

    ResponderExcluir