SEBRAE

SEBRAE
SEBRAE

quinta-feira, 23 de maio de 2013

ABUSO SEXUAL É DISCUTIDO EM CAPOEIRAS

O Conselho Tutelar de Capoeiras, o promotor Reus Alexandre, 
o delegado Patrick Allen e o juiz FranciscoTojal

Na semana do Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, O Conselho Tutelar de Capoeiras em parceria com o CRAS, Secretária de Educação e apoio do Ministério Público e Poder Judiciário, promove uma série de palestras nas escolas do município. Na tarde desta quarta-feira (22), o tema foi apresentado aos alunos do Colégio Municipal. Os conselheiros, Flávia e Leonardo com o auxilio de vídeo e usando diálogo adequado para a idade dos alunos, apresentaram debateram o tema “Exploração e Abuso Sexual de Crianças e Adolescentes”.

A palestra contou com as presenças do Juiz de Direito da Comarca de Capoeiras,  Francisco Tojal Matos; do Promotor de Justiça, Reus Alexandre; do Delegado da Polícia Civil, Patrick Allen Buarque Dias; da prefeita Neide Reino; das Secretárias de Educação e, de Ação Social, Macyane Regia e Luciene Almeida, respectivamente; da diretora do colégio,  professora Maria Almeida, e dos Conselheiros Tutelares, Flávia, Leonardo, Carlos Lira, Edina e Socorrinha.

O Promotor Reus Alexandre parabenizou a prefeita Neide Reino por seu empenho na campanha, e disse ser muito bom poder contar com esse apoio. A dirigente do município disse que estará sempre engajada na luta pela educação e pelas crianças e adolescentes capoeirenses.  

O encerramento da Campanha contra a exploração sexual infantil em Capoeiras será na tarde desta quinta-feira, dia 23,  com uma caminhada pelas ruas da cidade, saindo da frente do Colégio Municipal às 14h.

PREFEITA SURPREENDE COM REVELAÇÃO

A prefeita de Capoeiras, Neide Reino (PSB) surpreendeu alunos, professores e autoridades ao revelar ter sido vítima de abuso sexual na infância. A revelação foi feita durante uma palestra sobre “Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes”, realizada no Colégio Municipal de Capoeiras, nesta última quarta-feira.

Ao usar da palavra, a prefeita Neide Reino disse que iria falar algo que nunca tinha revelado a ninguém. “Eu tinha 7 ou 8 anos, não lembro: um homem... um violeiro que o meu pai o convidou para ir a nossa casa, tentou levantar o meu vestido. Eu tive muito medo e sai correndo. Me sente muito mal. Nunca disse aos meus pais o que ocorreu. Não tive coragem de falar pra ninguém. Só há cinco ou dez anos falei para minhas irmãs sobre o que aconteceu naquele dia. Minha mãe não sabe. Não deixem isso acontecer com vocês! Esse é um alerta para que vocês não se calem, se acontecer, digam aos seus pais e professores”! A prefeita terminou seu depoimento com a voz visivelmente emocionada. Ela foi muito aplaudida.

Estavam presentes na palestra, mais de uma centena de alunos, vários professores, o juiz de direito da comarca local, o Promotor de justiça, o delegado de polícia, entre outras pessoas.

Na palestra, os conselheiros tutelares alertaram para que qualquer tentativa de abuso sexual deve ser denunciada; e incentivaram as crianças e adolescentes a dizerem "NÃO" para o mal que tanto prejudica os mais jovens. (Fonte: Blog Capoeiras/Raimundo Lourenço).

Neide talvez seja a primeira prefeita de Pernambuco a
revelar que sofreu tentativa de abuso sexual quando criança

4 comentários:

  1. Olá,
    Gostaria de convidá-la a conhecer o blog http://floresdalama.blogspot.com.br/
    o intuito desse blog é reunir todas as mulheres que buscam superar as consequencias trazidas pelo trauma, para que possam juntas unir força e em uma só voz dizer BASTA. Espero sua visita. Luz e paz

    ResponderExcluir
  2. Sou alguém extremamente desconfiada...n confio dois netinhos que tenho uma com 1 ano e meio, e outro com 5 anos, á ninguém, não gosto que ninguém ponha no colo, fico aterrorizada,suo frio,é triste,não tem psicólogo que cure, as sequelas são p a vida inteira,me prejudicou em escolhas de profissões,em outras escolhas mais, só sabe o que é isso quem já passou.Por isso defendo tanto prisão perpétua,ous castração química para pedófilos

    ResponderExcluir
  3. A iniciativa foi 10. Senti a necessidade de envolver a sociedade capoeirense. Onde estão as Igrejas, a Paroquia de São José, as outras Escolas? Foram boicotadas ou não se importam com o assunto? Alguém pode me explicar?

    ResponderExcluir
  4. Hum... como essa prefeita tem histórias para conta!
    Parabéns aos concelheiros desempenharam um ótimo papel durante toda semana.

    ResponderExcluir