segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

OPOSIÇÃO DENUNCIA PREFEITURA NO MINISTÉRIO PÚBLICO, TRIBUNAL DE CONTAS E DELEGACIA DE POLÍCIA

Os vereadores Carlos Roberto da Silva e Arlindo Morais dos Santos, mais a funcionária pública Maria Cristina Pereira da Silva, encaminharam um relatório denunciando irregularidades administrativas na Prefeitura de Calçados, no Agreste Meridional de Pernambuco. O documento, ao qual anexaram vídeos, fotos e áudios, foi encaminhado à imprensa local e da capital, ao Ministério Público Federal, à Controladoria Geral da União, a Polícia Civil e ao Tribunal de Contas do Estado.

Os parlamentares e a servidora mostram a situação do município nas áreas da saúde, educação, agricultura, administração, cultura e infra-estrutura, detalhando os principais erros ou irregularidades de cada setor. No relatório entra também a questão do nepotismo na Prefeitura e na Câmara Municipal, já denunciado anteriormente.

Eis um breve resumo do relatório enviado às autoridades pedindo uma investigação em Calçados e providências quando tudo for apurado:

Saúde: Falta Médico plantonista, medicamentos, Ambulância só funciona com barganha.

Educação: As escolas se encontram em péssimas condições são pintadas externamente deixam parte interna em péssimas condições, pisos esburacados, vasos sanitários sem descargas, instalações elétricas danificadas, falta de lâmpadas, janelas escoradas por pedaços de madeiras, fogão em péssimo estado de uso, mobiliário em péssimas condições de uso, teto deteriorado, falta de merenda escolar pelo período de quatro meses.

Infraestrutura: Estradas em péssimas condições de tráfego. Falta de abastecimento d´água em algumas áreas do município.

Cultura: Aponta indícios de fraude em licitação no Festival da Lavoura.
Agricultura: Acusa o prefeito José Elias de alugar os próprios tratores a prefeitura.
Administração: denúncia o excessivo emprego de parentes e o uso da polícia para reprimir manifestações dos servidores e da população.

No documento é revelado ainda que o Poder Legislativo não cumpre sua função e tem um veículo (irregular perante o Detran) agregado à Prefeitura. (Na foto que ilustra a matéria a cidade de Calçado).

10 comentários:

  1. Essa tal de Cristina Pereira não tem oq fazer não. Vê se vai arrumar uma lavagem de roupa, para fazer alguma coisa.

    ResponderExcluir
  2. obrigada Cristina Pereira por não fechar os olhos
    pra essa situação absurda é de pessoas como você que a política calçadense precisa, obrigada também aos vereadores Arlindo Morais e Carlos Roberto pela coragem diante dessa ditadura instaurada no município de Calçado.

    ResponderExcluir
  3. Cristina tá crescendo em cima da desgraça dos outros,pensam que ela esta preucupada com a população estão enganados agora vem mostra os prodes do qual todos aqui sabemos que toda vida ela comeu na mesa dos politicos,isso é a politica analfabeta dela se auto promovendo vereadora.Quanto ao neopotismo em todos os municipios do agreste meridional existe e vai existe sempre,agora aqui não é diferente.Cristina seria bom se pessoas como vc se preucupados com a população.

    ResponderExcluir
  4. Cristina tá crescendo em cima da desgraça dos outros,pensam que ela esta preucupada com a população estão enganados agora vem mostra os prodes do qual todos aqui sabemos que toda vida ela comeu na mesa dos politicos,isso é a politica analfabeta dela se auto promovendo vereadora.Quanto ao neopotismo em todos os municipios do agreste meridional existe e vai existe sempre,agora aqui não é diferente.Cristina seria bom se pessoas como vc se preucupados com a população.

    ResponderExcluir
  5. Tatu , tu acha pouco o que a mulher fez denuncia ou seja casar corrupto né pouco não, tu ainda queres arruma uma lavagem de roupa pra ela, vai tu lava a roupa e ela fica na captura desse povo malandro dai. Parabéns a vcs pela coragem e iniciativa, são pessoas assim que estamos precisando. Eita mulher arretada.

    ResponderExcluir
  6. Funcionário Público20 de dezembro de 2011 00:35

    Calçado não é o unico município a familiares dos politicos trabalharem,todos os municípios do nosso agreste tem essa forma de governar isso não é novidade, agora funcionários que estão revoltados em especial você Cristina sabemos que durante outros governo você tinha mudado de função e agora estais no cargo que é de direito poís um dia mamaste nessa teta que hoje te faz falta e usa isso para ser candidata.

    ResponderExcluir
  7. Gente esta Cristina é uma analfabeta, mal sabe exercer a sua função dentro da Prefeitura Municipal de Calçado. Ela está lotada como Telefonista, na Gestão passada era Secretaria de Administração, mesmo com esse cargo ficou contra ao antigo prefeito achando que o Sr Zé Elias iria manter a mesma neste mesmo cargo. Isso tudo é inveja desta senhora, pois ela e esses dois patetas e vereadores inuteis não fazem nada por Calçado, inclusive o Vereador Carlos Roberto fez uma declaração polêmica a respeito de todas as mulheres daqui do municipio ("Para eu ganhar preciso apenas dos votos das podres de Calçado"), isso foi um fato comprovado e que desmoraliza extremamente a sociedade feminina de Calçado. O vereador Arlindo Morais é outro triste que nada faz por Calçado, a não ser criticar, é um dos responsaveis pela historica evasão de estudantes do Grupo Escolar São José localizado no Sítio Melancias, o mesmo é Professor efetivo do municipio, todos os anos tira licença médica devido a sua deficiencia tecnica como educador.
    O mesmo foi o responsavel por escrever para os estudantes a palavra Sapo como sendo "çapo".
    Alguem que me contraria se prontifique em me rebater? kkkk
    ZÉ ELIAS vem sendo um dos melhores gestores do agreste meridional, essas denuncias tem a ver com o fato dessas pessoas terem extrema inveja e por perceberem que com apenas 13,6 % de aprovação estão praticamente derrotados pelo atual Prefeito.
    Essa Cristina fez parte da pior corrupção e lavagem de dinheiro da historia do nosso municipio. Temos que dar graças a Deus que isso passou, pois muitos enriqueceram nas custas do orgão público. Esses vereadores também fizeram parte dessa máfia, inclusive o Vereador Roberto que foi indiciado pelo MPPE.
    Vocês podem fazer o que quizer, mas se o Prefeito Zé Elias colocar este caso para frente estes três serão presos. E eles sabem porque não é Cristina? Cuidado com o arquivo morto (--- até 2008) poderemos discrimar muitas coisas.

    ResponderExcluir
  8. Quando falamos a verdade tu fica queita não é Cristina,agora pra ficar usaando pessoas totalmente desformadas com sua mentiras é com você mesmo,conforme-se com sua função é maximo que pessoas igual a você mereçe inveja só o destrói.

    ResponderExcluir
  9. VEJO QUE A FUNCIONARIA NAO SABE O QUE DIZ, ESTÁ ATORDOADA POR DEMAIS, NAO É ASSIM QUE SE FAZ POLITICA, ESTÃO SO USANDO ELA, PARA TENTAR SUBI. É PRECISO CONHECER MELHOR AS ESTRATEGIAS DA POLITICA, POIS SUA IMAGEM ESTÁ MUITO ABAIXO DO ESPERADO.

    ResponderExcluir
  10. Meu D-us, onde parará essa nação. Tenho mesmo que aceitar o nepotismo, pois todos os outros praticam? É verdade isso? Vou aceitar o bandido roubar o povo pois todos os outros roubam? Isso é brincadeira! Por isso é que não saímos da miséria! Calçado não abastecimento de água, nem esgotamento sanitário (SNIS 2010), calçado não tem coleta de lixo, as pessoas que moram na zona rural queimam seus lixos, destruindo a terra. Calçado não tem estradas dignas dentro da zona urbana, imagine na zona rural. Eu não sou candidato, não sou político, não voto em calçado, apesar de ter familiares lá, logo não posso ser acusado de nada, a não ser de verdadeiro!

    ResponderExcluir