Assembleia Legislativa

Assembleia Legislativa
Assembleia Legislativa

segunda-feira, 21 de junho de 2010

MARINA SILVA PISA NA BOLA COM SARAMAGO

A candidata a presidente da República pelo PV, Marina Silva (foto), que é evangélica, "pisou na bola", neste final de semana, ao deixar escapar, pelo seu twitter, duas frases infelizes a respeito do escritor português José Saramago, que faleceu semana passada. "Como podemos lamentar a morte de uma pessoa que blafesmou a vida toda contra Deus"?, foi a primeira frase retuítada por Marina, que ainda usou outra expressão lançada na internet para desqualificar o autor português: "Grande escritor é muito subjetivo. Alguém que não respeita a fé alheia não é exatamente um grande escritor". Diante da repercussão negativa desse posicionamento, a representante do Partido Verde tentou consertar e ela mesma disse que não endossava as críticas postadas pelos internautas.

De acordo com um comunicado, postado no blog da candidata, ao retuitar as críticas, a intenção era responder a elas de maneira que fizesse sentido aos outros. "E, ao fazer isso, equivocadamente deu a entender que Marina estava endossando as duas opiniões".

Após os retuítes, Marina fez os seguintes comentários: 1) "A vida é um dom dado por Deus para quem crê e para quem não crê. Louvado seja Deus". 2) "Mas o que aprendemos com Jesus é que temos que amar e respeitar todas as pessoas, mesmo as que não respeitam a nossa fé".

No comunicado, a equipe da campanha ainda afirmou que Marina Silva defende o autor português independentemente das posições dele sobre religião.

Imagina se um escorregão desses aí acontece com a Dilma Roussef ou o José Serra, principalmente com a primeira. A grande imprensa já estaria fazendo o maior escarcéu. Mas como Marina tem apenas 10% nas pesquisas o fato foi ignorado pela maioria dos sites e jornais.

O VATICANO

Antes do posicionamento de Marina, o Vaticano também bateu no escritor José Saramago, sem deixar nem ao menos o corpo do português esfriar. "Um populista extremista como ele, que se encarregou de explicar o porquê do mal no mundo, deveria ter abordado em primeiro lugar o problema de todas as errôneas estruturas humanas, desde as histórico-políticas às sócio-econômicas, em vez de saltar direto ao plano metafísico", diz uma nota assinada por Cláudio Toscani no jornal L´Osservatore Romano.

Saramago sempre foi um crítico duro da Igreja e quando lançou um livro com sua versão do evangelho desagradou aos católicos. O escritor rebateu dizendo que escândalo não era sua obra, mas a Inquisição da Igreja Romana.

2 comentários:

  1. ESTE É O GRANDE MAL DOS PROTESTANTES QUE NÃO APRENDERAM AINDA A CONVIVER COM O CONTRADITÓRIO DO LIVRO DA CAPA PRETA. MUITOS ATÉ DETESTAM E REPUGNAM PESSOALMENTE OS QUE NÃO CREEM NO DEUS DELES!!! E OUTRA: "MARINA É EX-PT". HOJE, GRAÇAS A DEUS CONVERTEU-SE A OUTRO PARTIDO POLÍTICO. MESMO ASSIM, VALE ÀQUELA MÁXIMA: "MEU DEUS, PERDOAI!!! MUITAS VEZES ELAS NÃO SABEM O QUE DIZEM!!!".

    ResponderExcluir
  2. PINHEIRINHO, É UM MORIBUNDO TRISTE E ABANDONADO QUE, MESMO CALADO SEMPRE ESTOU ERRADO. SÓ, QUE TENHO UMA VIRTUDE(SÓ UMA MESMO): NUNCA FUI ADEPTO DA FILOSOFIA HIPÓCRITA(E, É O PAU QUE BOIA ENTRE AS PESSOAS QUE CONVIVEM COM A GENTE). POIS BEM, VEJAM O FESTIVAL DE HIPOCRISIA E DESPREPARO INTELECTUAL COMETIDO PELA DILMA SOBRE A MORTE DE JOSÉ SARAMAGO, SÁBADO(DIA 19) EM LISBOA, MASSACRANDO A LÍNGUA PORTUGUESA E OUTRAS COISITAS MAIS: "ACHO QUE SARAMAGO É O GRANDE ESCRITOR PORTUGUÊS DE LÍNGUA PORTUGUESA. ELE É PARA MIM UM ESCRITOR QUE REVERENCIO. EU LI O "EVANGELHO SEGUNDO JESUS CRISTO", (TODOS OS) "NOMES" E "A JANGADA DE PEDRA". GOSTO DOS TRÊS, MAS GOSTO MUITO DO EVANGELHO".
    UM COMENTARISTA PORTUGUÊS DO JORNAL EXPRESSO NÃO SE CONTEVE E MANDOU VER:

    "ESTA NEM LIVROS DE QUADRADINHOS LÊ, NÃO SABE QUEM É CAMÕES E VEM, COM ESTA PALHAÇADA, VER SE GANHA UNS VOTINHOS DOS PORTUGUESES RADICADOS NO BRASIL".

    ResponderExcluir