quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

GARANHUNS TEM OPÇÕES DURANTE O CARNAVAL

De 10 a 12 de fevereiro, no período do carnaval, a AABB Garanhuns estará promovendo manhãs de sol em seu clube, com animação de Nildo e William. Os sócios da Associação Atlética do Banco do Brasil terão livre acesso e convidados pagarão uma taxa de apenas R$ 10, com acesso a toda estrutura oferecida, inclusive as piscinas. A diretoria vai disponibilizar 200 senhas para quem não é associado.

CARNAVAL – No próximo dia três de fevereiro, acontece em Garanhuns a primeira movimentação carnavalesca nos bairros. Será realizado o desfile intitulado Piriguetes, que será realizado pelo segundo ano. “Venha participar e revelar seu lado feminino com muita descontração”, convidam os organizadores através de cartazes. A saída será às 14h, da Vila Lacerdópolis, em direção à praça da Vila do Quartel. A atração principal será o mini trio Boj Esponja. O evento tem o apoio do vereador Sivaldo Albino, Posto São Mateus, Farmácia do Trabalhador e da prefeita interina de Angelim, a vereadora Vanda.

Lembrando que no período de 9 a 12 de fevereiro Garanhuns terá as opções do Festival do Jazz e carnaval também nos bairros da Boa Vista e Magano.


5 comentários:

  1. Roberto,
    Garanhuns é uma cidade sem Cultura ou apenas não tem quem possa ser o secretário? Os Artistas votaram para quê?
    Deusinha da Vila do Quartel

    ResponderExcluir
  2. Garanhuns era uma paz durante o carnaval, agora vai virar um inferno com patrocínio da prefeitura. Garanhuns era um grande retiro de paz, mas vai mudar para pior. Pode ver que a violência ira aumentar bastante. Carnaval é só bebedeira, droga, tudo pode e tudo é livre. Só tínhamos o festival de JAZZ que era um espetáculo e vinha gente de todos os lugares porque era bom, silêncio e paz na cidade, agora isto vai mudar, acabou a paz de Garanhuns. Carnaval só gera violência.
    Jonathas.

    ResponderExcluir
  3. Cabra bêsta. O carnaval é indubitavelmente a maior festa popular do país. Quem não gostar, que fique em casa, ou vá para um sítio ou hotel fazer retiro. E, claro, tem muita gente na cidade que gosta. Terão que sair da cidade para brincar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou do Rio e fui a Garanhuns assistir o festival de JAZZ e Gostei e concordo com o cidadão acima o Jonathas. Nunca foi preciso prefeitura gastar dinheiro para um bando de macacos ficarem pulando feito um bando de bestas. Carnaval antigamente era uma festa saldável e divertida, hoje é só bebedeira, droga e tudo que der na cabeça deste pessoal que adora carnaval. Durante o carnaval tudo pode tudo é permitido, depois vem as consequências e prejuízo para governo e para os pais com filhas prenhas e filhos com AIDS ou mortos, tudo em nome da diversão do Carnaval. Senhor anônimo, veja depois quantas pessoas irão morrer em nome da festa mais popular do país, do teu carnaval.
      Eufrásio Ribeiro Orleans. Rio de Janeiro.

      Excluir
  4. CARNAVAL, A FESTA DOS EXCESSOS
    O carnaval brasileiro é a maior festa popular do mundo. Festa onde não faltam os excessos da bebedeira e da sensualidade sem freios. Nesse período, alguns se escondem atrás das máscaras e outros se revelam através delas. O carnaval brasileiro atrai turistas do mundo inteiro. Move os grandes centros urbanos. Atrai investimentos pesados dos governantes. Porém, o saldo dessa festa da carnalidade é sabidamente negativo para a família. São milhares de jovens que se embriagam. São milhares de jovens que se iniciam nas drogas. São milhares de indivíduos que se rendem às loucas paixões. São milhares os casamentos que se acabam. São milhares de pessoas que depois das cinzas, colhem os amargos frutos dessa festa dos excessos. Diferente é a festa que Deus oferece. Na presença de Deus existe plenitude de alegria e à destra de Deus delícias perpetuamente.
    Hernandes Dias Lopes.

    ResponderExcluir