O SURPREENDENTE VEREADOR GIL PM, PRESIDENTE DA CÂMARA MUNICIPAL


Gil PM foi eleito vereador de Garanhuns pela primeira vez em 2012, com menos de 1.000 votos. Quatro anos depois foi reeleito mais dobrando a votação.

Polêmico, às vezes meio temperamental, está sempre nas ruas, em contato com o povo e sabe fazer marketing como poucos.

Dia das Mães, Dia de Mulher, Dia do Trabalhador, não perde uma data destas. Espalha faixas pela cidade com uma mensagem ao homenageado (a) do dia.

Quem conhece Gil há muitos anos nota logo que ele evoluiu muito quando se elegeu vereador. Procura ler, estudar, se aprimorar no parlamento, sem nunca esquecer suas origens de Policial Militar e trabalhador artesanal,  que juntamente com o seu pai vivia a confeccionar placas para estabelecimentos comerciais de Garanhuns.

Gil PM surpreende! Ainda mais agora, que foi eleito presidente da Câmara Municipal, depois da morte do seu tio, Daniel da Saúde.

Vereador chegou ao comando do Legislativo conseguindo todos os votos da Casa. Unanimidade numa Câmara de Vereadores não é fácil. Ele conseguiu.

Agora, na administração da Casa Raimundo de Moraes, pelo menos 10 dos 13 vereadores estão satisfeitíssimos com a sua gestão.

Os funcionários, pelo que o blog apurou, estão radiantes.

Servidores torceram pela sua eleição e, tudo indica, não estão arrependidos.

Gil prepara um plano de cargo e carreiras do funcionalismo, que nunca ninguém fez, já mandou providenciar fardamento para todos que trabalham na Câmara e dialoga com os servidores como talvez nenhum presidente tenha feito.

“Eu sou servidor público. Trabalhei a minha vida toda na PM. Por isso os valorizo”, disse ele em contato com o jornalista.

Vereador fica na presidência até dezembro, mas pelo visto vai deixar sua marca.

E tanto está agradando, que até vereadores de oposição, como Tonho de Belo e Betânia da Ação Social, são só elogios ao presidente.

“Ele está sendo democrático, ouve os vereadores, conversa com os servidores. Depois que estou vereadora é o melhor presidente que já passou por esta casa”, garante Betânia.

Ela e Tonho de Belo fazem oposição ao prefeito Izaías Régis, que naturalmente não gosta muito dos dois.

Gil PM, porém, apesar de alinhado com o Poder Executivo, deixa bem claro que o fato do prefeito não se afinar com os dois parlamentares não interfere no seu relacionamento com eles.

“O Poder Executivo é um, o Legislativo é outro. Os dois devem estar em sintonia, mas o prefeito manda na prefeitura, na Câmara mandam os vereadores”, define o presidente da Casa Raimundo de Moraes.

Segundo o presidente do Legislativo, se Izaías por acaso pedisse a ele para não dar a mesma atenção a Tonho de Belo e Betânia não seria atendido. “Eles fazem oposição ao governo, aqui na Câmara somos todos aliados, lutamos pela população de Garanhuns”, explica.

É comum quando alguém chega ao poder este subir-lhe à cabeça. Isso o faz uma pessoa pior. Mas outros, porém, ao conquistar uma posição mais elevada mantêm a humildade, se tornam melhores. Esse parece ser o caso do vereador. 

Um comentário: