GOVERNO DE PERNAMBUCO

GOVERNO DE PERNAMBUCO
Governo de Pernambuco

FESTA DE SÃO JOSÉ DE CAPOEIRAS TERÁ BOAS ATAÇÕES CULTURAIS


Por Junior Almeida

A parte profana da Festa de São José de Capoeiras deste ano ainda não foi anunciada pela Prefeitura, o que deverá ocorrer ainda esta semana, mas a religiosa terá início oficialmente no próximo dia 10 de março, com uma procissão motorizada saindo às 18:30 horas da Agrovila Riacho do Mel, para à cidade, e o encerramento acontecerá no dia 19, dedicado ao Santo Padroeiro de Capoeiras e também da Diocese de Garanhuns.


A programação da Igreja já vem sendo divulgada desde a semana passada através de grandes e bonitos convites (foto) com todos os dados da Festa de São José deste ano, que estão sendo distribuídos à população em todas as missas de Capoeiras.


Dentro das festividades da Paróquia, acontecem também os chamados “momentos culturais”, que vêm sendo realizados desde 2018. Essa parte de descontração e lazer são as apresentações de cantores e bandas locais, quermesse, torneio de futebol, e esse ano, mais uma novidade: um passeio ciclístico. Abaixo a programação da festa 2020:


Dia 7, sábado a partir das 8 horas, II Torneio de Futebol Society, no Clube 1080, localizado na PE 193, na entrada da cidade;


Dia 8, domingo, I Passeio Ciclístico, com participantes de Capoeiras e outros municípios convidados. Reunião dos ciclistas para café da manhã e saída, na quadra do colégio municipal às 7 da manhã;


Dia 11, quarta-feira, às 21 horas, apresentação do Coral Lírio de São José e Louvor com a RCC Capoeiras, ao lado da Matriz;


Dia 12, quinta-feira, às 10, 16 e 21 horas, exposição sobre a vida de São José, na quadra do colégio municipal, e apresentação dos quilombolas do Imbé, ao lado da Matriz;


Dia 13, sexta-feira, às 21 horas, apresentação da APAE Garanhuns e Roberto Tenório, ao lado da Matriz;


Dia 14, sábado, às 21 horas, apresentação do CRAS Capoeiras, Banda Angeluz e quermesse, ao lado da Matriz;


Dia 15, domingo, às 10:30 horas, leilão na quadra da Rua Januário Guimarães (antiga feira de gado) e às 21 horas, apresentação dos violeiros Gilberto Alves e Valdir Teles, além da quermesse, ao lado da Matriz;


Dia 16, segunda-feira, às 21 horas, Musical MPB Capoeiras, ao lado da Matriz;


Dia 17, terça-feira, às 14 horas, “Seminário Vida de São José”, na EREM Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, às 21 horas, apresentações da Banda do 71 BI MTZ, Ademar Cordeiro e também quermesse, ao lado da Matriz;


Dia 18, quarta-feira, às 21 horas, show com o Padre João Carlos, na Praça de Eventos.


Como podemos perceber na programação acima, tem atração pra todo gosto e, essa volta às raízes interioranas, com suas com quermesses, apresentações culturais e brincadeiras, nos remete ao passado, a um inocente e ordeiro clima de festa em família. Tudo isso recomeçou em 2018, quando Monsenhor José Augusto ficou à frente da Paróquia e, consequentemente da festa, após o falecimento do Monsenhor Geraldo, o primeiro Pároco de Capoeiras.


Aliás, o atual Pároco fez algumas mudanças na maneira de realizar a festa. Para começo, aumentou o número de presidentes. Se antes apenas um casal era o responsável pela organização e também as despesas da festa, desde 2018 que esse número aumentou para dez casais, em 2019, foram dezenove e esse ano o mesmo número.


Modificou também o tempo da festa, pois se antes as celebrações aconteciam em apenas alguns dias de março, atualmente ocorre durante todo o ano, pois a cada mês, no dia 19, é celebrada uma Missa Votiva a São José, além das constantes reuniões com os casais de presidentes, para decidir os rumos das homenagens ao Padroeiro.


Com essas mudanças, Monsenhor José Augusto foi muito feliz, pois, conseguiu trazer para Igreja “ovelhas desgarradas”, que se duvidar não sabiam nem “espalhar” um sinal da cruz no rosto, fazendo-os hoje, verdadeiros devotos de São José.


Para finalizar, lembramos que os convites deste ano foram confeccionados em papel de muito boa qualidade, assim como em 2019 e também em 2018, tendo na sua parte interna a imagem de São José ao centro, arrodeada de outras imagens menores com passagens de sua vida. Muita gente em anos anteriores mandou colocar os convites em molduras, portanto, supõe-se, que agora não será diferente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário