SECRETARIA DE SAÚDE DO ESTADO

RETRÔ É A SURPRESA NO CAMPEONATO PERNAMBUCANO

O Retrô Futebol Clube Brasil é a grande novidade do Campeonato Pernambucano da primeira divisão, em 2020. 

Time, que tem centro de treinamento e sede em Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife, foi criado há apenas quatro anos, disputou pela primeira vez a série b do estadual o ano passado, ficando com o vice-campeonato.

Perdeu a competição nos último jogo para o Decisão de Bonito, nos pênaltis, após empatar no tempo normal em 2 x 2, em partida disputada na Arena Pernambuco.

Ao estrear na primeira divisão, neste sábado, contra o Central, em Caruaru, venceu a Patativa do Agreste, um clube centenário, por 2 x 0, deixando revoltados os torcedores da capital do agreste.

Presidente do Retrô é o empresário Laércio Guerra, que foi vice-presidente do Sport, brigou com o Leão da Ilha e resolveu formar seu próprio time de futebol.

Laércio é cheio da grana e tira dinheiro do próprio bolso ou dos seus negócios para investir no time de Camaragibe.

Sua fortuna ao que tudo indica vem da Unibra – Centro Universitário Brasileiro, que tem faculdades espalhadas pela Região Metropolitana do Recife.

Dirigentes do Retrô sonham alto. Depois de chegar à primeira divisão do pernambucano, time tem como meta futura participar da Copa do Nordeste e do Campeonato Brasileiro da série b.

Clube, que começou como uma associação sem fins lucrativos visando o desenvolvimento de crianças e adolescentes, se profissionalizou e tem atualmente uma estrutura de fazer inveja aos grandes times da capital.

Folha salarial do Retrô para 2020 será de R$ 300 mil, só um pouco menor do que a do Náutico, que vai disputar a série b do Brasileirão.

Alvirrubros, rubro-negros e tricolores que se cuidem. O Retrô pode dar trabalho aos grandes no campeonato estadual deste ano.

Nenhum comentário:

Postar um comentário