quarta-feira, 20 de junho de 2018

TORCEDORES QUE ESTÃO ENVERGONHANDO O BRASIL NA RÚSSIA SÃO IDENTIFICADOS PELA AUTORIDADES NACIONAIS


Continua a repercussão negativa do comportamento de alguns torcedores brasileiros que tiraram onda com uma russa, durante um dos jogos da Copa, assediando,  fazendo gracinhas e soltando palavrões, aproveitando o fato da moça não entender uma palavra de português.


O caso está sendo investigado pelas autoridades brasileiras, alguns dos rapazes foram identificados e um deles é o engenheiro civil Luciano Gil Mendes Coelho, ex-secretário do Governo do Piauí, que em 2015 foi preso pela Polícia Federal, acusado de desvio de verbas públicas.

A Polícia Militar de Santa Catarina confirmou que outro brasileiro no vídeo é o tenente Eduardo Nunes, que serve em Lages, no interior do Estado.

Também faz parte do grupo machista o advogado pernambucano Diego Valença Jatobá, ex-secretário de Turismo de Ipojuca, município onde está localizada a praia de Porto de Galinhas, foi reconhecido.

O pernambucano foi o primeiro brasileiro identificado no vídeo e pesa contra uma condenação pelo Tribunal de Contas, por mal-uso de recursos públicos.

Diego (foto) também está sendo processado pelo não pagamento de pensão alimentícia.

Um engenheiro, um advogado e um tenente da Polícia Militar de Santa Catarina. Mas que vexame! 

*Foto: Jornal Estado de Minas

2 comentários:

  1. Todos eles são pessoas humildes e sem instruções, se fosse em outros tempo a notícia seria que isso e culpa das políticas sociais que permite acesso ao menos favorecidos a um evento como a copa do mundo.
    Tem que cortar o bolsa família desses caras
    E claro que isso e uma ironia.

    ResponderExcluir
  2. Cinismo e cafajestagem não têm cor, nem dependem de vida escolar... Tampouco de instruções curriculares... Essas atitudes de patifes são próprias mesmo dos patifes! Sejam eles advogados, engenheiros, médicos, militares; sejam lá de que laia forem os canalhas... 2. Aproveitarem-se da simpatia de uma estrangeira, que não entende o nosso idioma, pra fazerem musiquinha alusiva à genitália da moça, é comportamento típico de canalhas. E ainda estamparem o cinismo em grau maior, levando a moça a repetir o refrão chulo, referente à vulva daquela mulher! O bom mesmo seria que esses e outros ratos de porão cometessem crimes previstos nas leis da Rússia. Então, eles seriam julgados pelas leis da Rússia. - Porque aqui no Brasil, isso não dá em nada... Só saem mesmo ameaças da OAB e de outras entidades... Mas na hora de punir, talvez sobre algum castigo para o tenente, que serve a uma corporação militar. - O mais é para inglês ver. /.

    ResponderExcluir