GOVERNO MUNICIPAL

GOVERNO MUNICIPAL
PREFEITURA DE GARANHUNS

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

ALDO MARIANO - BOM PREFEITO, BOM PADRE

Um sacerdote aqui de Garanhuns tem muito carinho pelo padre Aldo Mariano, que hoje está na Paróquia da Itaíba.

Mais jovem, esse religioso dá a entender que Pe. Aldo o ajudou no início de seu trabalho na Igreja Católica.

Ele revela que o ex-prefeito se readaptou muito bem à sua missão de pastor, depois de oito anos envolvido com a política.

“Está muito feliz em Itaíba”, confidenciou e concorda com o articulista de que Aldo Mariano foi o melhor gestor, dentre os padres da região que ficaram à frente de um governo municipal.

Os padres Djalma, Ivo e Jorge que me perdoem, mas Aldo realmente fez um trabalho muito melhor do que o de seus colegas de batina.

O povo de São Bento do Una sabe que o padre foi um dos melhores prefeitos de sua história e seus oitos anos dificilmente serão superados.

Débora Almeida até que tenta, mas não é tarefa fácil.

Mas José Aldo Mariano dificilmente vai querer mais entrar na vida pública. Está de bem com sua fé, com o seu bispo, com o povo de Deus.


Sorte de Itaíba.
Pe. Aldo no início do sacerdócio, com Dom Irineu

*Fotos: Arquivo do blog.

2 comentários:

  1. PARABÉNS ao padre Aldo Mariano. - Se tiver vontade, volte a ser prefeito de qualquer município! Posto que a política está muito carente de pessoas boas e de bom de caráter! - E precisa, além de gente de bom caráter, necessita de bons administradores!! - Será sempre bem-vindo, padre Aldo! – Na vida política de qualquer cidade ou estado! – É ISSO!! /.

    ResponderExcluir
  2. Acompanhei atentamente a administração do Padre Aldo Mariano quando governou São Bento do Una por 2 mandatos consecutivos e as referências sobre a vida pacata e administrativa dele foi excepcional em se tratando de um Padre.

    Uma certa vez eu cheguei a almoçar com o Padre Ivo quando foi prefeito de Jupi e lhe disse que era preciso ponderar muito para que a participação dos padres na política não viesse descaracterizar a nossa Igreja,haja vista que, a politica divide muito mais do que une os católicos.

    Ao Padre os meus mais sinceros reconhecimentos por teres feito uma administração exemplar quando governou aquele município da terras das granjas e de Alceu Valença.

    ResponderExcluir