Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

terça-feira, 1 de agosto de 2017

GIL PM PROPÕE QUE O VIVA DOMINGUINHOS SEJA EM JUNHO

Requerimento apresentado na Câmara Municipal de Garanhuns pelo vereador Gil PM, do PSC, solicita que o prefeito do município, Izaías Régis (PTB), juntamente com a Secretaria de Cultura, estude a possibilidade de realizar o Festival Viva Dominguinhos no mês de junho, em vez de abril, como vem sendo realizado desde que foi criado.

O objetivo do vereador é fazer com que o Festival que leva o nome do artista garanhuense passe a ser realizado no período das festas juninas, de modo que a cidade pudesse comemorar as datas de Santo Antônio (padroeiro local), São João e São Pedro, como fazem outros municípios da região, a exemplo de Caetés, Bom Conselho e Lajedo.

Gil PM acredita que o mês de abril, com a tradição religiosa da quaresma e da semana santa não é o ideal para a realização de um evento musical profano, tanto que setores da Igreja Católica não veem com bons olhos a movimentação do Viva Dominguinhos no período em que acontece o festival.

Ele acha que com o evento sendo transferido para o mês de julho poderia ser incrementado com concurso de quadrilhas, apresentação de artistas locais no bairros e muito mais, permitindo que Garanhuns tivesse uma festa junina que além de diferenciada, teria tudo para se tornar uma das maiores do interior de Pernambuco.

Com a proposta do parlamentar o Viva Dominguinhos não seria descaracterizado, pois o formato de shows em praça pública, com apresentação de grandes nomes da música regional, seria mantido. “O evento poderia ser fortalecido ainda mais e a população de Garanhuns iria parar de reclamar que aqui não tem festa de São João”, enfatizou Gil PM, lembrando ainda a identificação de Dominguinhos com a música tocada no período junino.


A ideia do vereador é interessante, seus argumentos são pertinentes e acredito que a proposta merece uma avaliação do prefeito Izaías Régis e dos seus assessores da área de cultura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário