Governo Municipal

Governo Municipal
Juntos por uma Grande Cidade

Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

domingo, 26 de março de 2017

UMA REFLEXÃO INCÔMODA SOBRE A INSEGURANÇA

A insegurança continua na maioria dos municípios de Pernambuco.

Aqui pertinho, em Lajedo, segundo um portal da cidade num único dia foram registrados 20 assaltos.

Sobre isso um cidadão comentou: “E é porque o prefeito da cidade é delegado!”. Ora, aí há um engano. Ninguém é eleito gestor de um município para pegar bandidos.

E o que acontece em Lajedo se repete em outras cidades.

Em Garanhuns carros são arrombados até no Atacadão Assaí e na Praça Mestre Dominguinhos dizem que esse ato já virou rotina. 

Culpa de Izaías? De jeito nenhum.

Até uma criança sabe que a responsabilidade maior pela segurança pública cabe ao Governo do Estado.

E os números da própria Secretaria de Defesa revelam que desde a posse de Paulo Câmara a insegurança aumentou em Pernambuco. Em municípios de grande, médio e pequeno porte e também na zona rural.

Vejam o caso de Caruaru: na campanha política o que mais se discutiu foi a violência na cidade.

Raquel Lyra venceu a eleição, já fez reuniões, propôs um pacto entre todos os setores representativos da sociedade para tentar minimizar a violência, mas até agora nada.

Na capital do Agreste hoje se mata mais do que em alguns países em guerra.

Isso tudo, certamente, tem a ver com a situação geral do país, que está andando pra trás: Ninguém acredita mais em presidente da República, o Congresso Nacional hoje tem muito mais de 300 picaretas (para não usar outra palavra mais forte), o Judiciário tornou-se partidário e até o Supremo não merece mais confiança.  O desemprego bate recordes, a renda do trabalhador caiu e para completar aprovaram uma terceirização que praticamente vai legalizar um tipo moderno de escravidão. 

E do jeito que os bravos governantes estão planejando, a sonhada aposentadoria agora só com a morte.

Temos uma população sem rumo, sem educação de qualidade, com um atendimento trágico na saúde, e manipulada por uma mídia comprometida com os interesses econômicos, enquanto a cultura da violência prolifera.

Você já parou para observar quantos blogs de notícia policial existem no Agreste, divulgando violência sem discutir a raiz dos problemas?

Infelizmente, num dia de domingo, quando devíamos estar descansando, lendo um bom livro, temos que refletir sobre um assunto tão áspero.

Os políticos, por seu lado, já estão pensando em 2018, sem ao menos tentar resolver as graves questões que se multiplicaran de 2014 para cá.


Pobre Pernambuco! Pobre Brasil!

*Na foto do G1 a prefeita Raquel Lyra com autoridades policiais. A preocupação é a insegurança em Caruaru.

Um comentário:

  1. Eu não sei como o PMDB conseguiu em seis meses transformar o paraíso que petistas falavam que era o Brasil nesse caos total. Isso é um record né mesmo?

    ResponderExcluir