Natal de Garanhuns

Natal de Garanhuns
A Magia do Natal

Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

COMO FOI A DIPLOMAÇÃO DOS ELEITOS EM GARANHUNS

Por Altamir Pinheiro

Sob o comando   do mestre de cerimonial radialista Luciano André, tendo como presidente da mesa o juiz eleitoral da 56ª Zona,  Dr. Francisco Milton, o auditório do Fórum Eraldo Gueiros recebeu um bom público na solenidade que marcou a diplomação pela justiça eleitoral, na ensolarada tarde de quarta-feira(14) do prefeito Izaías Régis Neto(PTB), Vicente Haroldo da Silva(PSC),  mais 13 vereadores e 9 suplentes trazendo em seu bojo  uma ruma de legendas.

O Dr. Juiz Francisco Milton,   presidente da mesa (composta por 9 autoridades civis, militares e religiosa), foi quem agraciou com seus respectivos diplomas o prefeito e o seu vice. Os vereadores e suplentes diplomados foram chamados (anunciados) por ordem de votação de suas relacionadas coligações. Ou seja: PARA O FUTURO CONTINUAR com os diplomas sendo entregues pelas mãos do prefeito Izaías Régis; UNIDOS POR GARANHUNS: diplomas entregues por Haroldo Vicente; COLIGAÇÃO UNIÃO PARA VENCER: Juiz Enéas Oliveira; NÓS AMAMOS GARANHUNS: Juiz Márcio Sá Barreto e assim sucessivamente pelos outros componentes da mesa.

Abrilhantou o evento cívico a banda do 71 BIMTZ, que deu início a solenidade abrindo-a com a musicalidade do Hino Nacional e sendo findada com o Hino de Garanhuns. Falaram em nomes dos colegas vereadores, vereadoras e suplentes, como também agradecendo as votações que ambos receberam Zaqueu Lins e Luzia da Saúde que descreveram toda uma trajetória de suas reeleições e suas devidas dificuldades para chegarem ao patamar em que hoje se encontram.

Logo a seguir, quem fez uso da palavra foi o prefeito eleito e diplomado que discorreu sobre sua atuação no seu primeiro mandato prestes a se findar e foi contundente ao afirmar e usar a seu favor o argumento do termo HONESTIDADE, indo mais além quando assegurou taxativamente perante os presentes que se ACHAVA UM PREFEITO DIFERENTE. Declarou também que dos cinco diplomas que recebera em sua trajetória política nenhum fora conseguido nos bancos escolares e sim FOI DADO PELO POVO.


O discurso mais eloquente foi, sem sombra de dúvidas, do Juiz Eleitoral da 56ª Zona, Dr. Francisco Milton que encerrou a solenidade. O titular do pleito de Garanhuns em 2016, começou afirmando ou lamentando que a justiça e mais precisamente o STF ficou de cócoras com o episódio, acontecido recentemente,  na rebeldia do insubordinado e péssimo político, Renan Calheiros. Em seguida falou do sacrifício e da responsabilidade de comandar uma eleição cheia de leis complexas, donde, vive-se nos estertores de um sistema político moribundo que teima em respirar. Ao mesmo tempo que agradeceu a todo o seu corpo funcional pela dedicação e o trabalho exausto para que tudo saísse como manda o figurino. Em seguida, dirigiu-se a classe política de Garanhuns e deu um tremendo PUXÃO DE ORELHAS ao afirmar que, em que pese Garanhuns ter vários títulos que dignifica seus moradores como cidades das flores, terra onde o Nordeste garoa e está edificada sobre Sete Colinas, mesmo assim, merecia mais um título honroso, e propôs o seguinte DESAFIO a partir de primeiro de janeiro de 2017: Que a classe política de Garanhuns dê exemplo de dignidade, de honradez com a coisa pública e que, na verdadeira acepção da palavra, todos, sem exceção, deem exemplos significativos de probidade administrativa e zelem pelo diploma que ora  estavam recebendo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário