Natal de Garanhuns

Natal de Garanhuns
A Magia do Natal

Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

BONITA E TALENTOSA: ELA É DIRA PAES

Ecleidira Maria Fonseca Paes ou simplesmente Dira Paes nasceu no interior do Pará, mas foi criada em Belém, numa família de sete irmãos.

Desde pequena sonhou com a carreira de atriz, apesar das dificuldades, principalmente para quem morava longe do eixo Rio-São Paulo.

Nasceu em 1969, mas só na década de 80 foi morar no Rio de Janeiro, em busca de suas realizações.

Tendo estudado Filosofia e Artes Cênicas, se preparou teoricamente para a carreira artística.

Começou pelo cinema, quando passou num teste para participar do filme “A Floresta das Esmeraldas”, rodado nos Estados Unidos. A partir desse trabalho passou a ser requisitada e em 1990 foi contratada para atuar nas novelas da TV Globo.

Na televisão, Dira trabalhou na minissérie sobre Chiquinha Gonzaga e em novelas como Ti-Ti-Ti, Fina Estampa, Salve Jorge e Caminho das Índias, onde fez muito sucesso como a Norminha.

Atuou também na minissérie “Amores Roubados”, participando de cenas ousadas, em algumas inteiramente nua, exibindo um corpo de “encher os olhos”.

Tem sido uma das atrizes brasileiras com mais presença no cinema nacional. Destaque para as atuações em Baixio das Bestas, Dois Filhos de Francisco, O Casamento de Louise e Corisco e Dadá. Neste último, de 1996, quando tinha pouco mais de 20 anos, representou a mulher do famoso cangaceiro que pertenceu ao bando de Lampião e depois formou seu próprio grupo de bandoleiros.

Morena charmosa, mulher de muito talento, artista consciente, Dira Paes é sem dúvida um dos grandes nomes da dramaturgia nacional.

Um comentário:

  1. é uma pena que ela nao possa ver o que eu estou falando dela.é uma gata com outros g.

    ResponderExcluir