Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

terça-feira, 11 de outubro de 2016

CONSIDERAÇÕES SOBRE O 2º TURNO EM CARUARU

Nos anos 60 e 70 Jarbas Vasconcelos era um combativo político de oposição, capaz de denunciar sem medo os crimes praticados pela ditadura militar.  

Foi um dos primeiros autênticos do antigo MDB a defender a anistia e a convocação de uma Assembleia Nacional Constituinte.

Um dos grandes amigos e aliados de Jarbas foi o caruaruense Fernando Lyra, que exerceu diversos mandatos na Câmara Federal.

Do velho MDB,  que depois virou PMDB e se transformou no maior partido fisiológico do Brasil, fizeram parte Jarbas, Marcos Freire, Cristina Tavares, o padre Mansueto de Lavor, Egídio Ferreira Lima, Maurílio Ferreira Lima e os Lyra de Caruaru, incluindo João Lyra Filho e João Lyra Neto. 

Cada um deles se elegeu duas vezes prefeito da capital do Agreste.

Raquel Lyra, delegada da Polícia Federal licenciada, deputada estadual, ex-secretária de Eduardo Campos e candidata à prefeitura de Caruaru, que está no segundo turno, é filha de João e sobrinha de Fernando Lyra, que foi um dos melhores oradores de Pernambuco em todas as épocas.

O adversário de Raquel, Tony Gel, já foi do PFL e do DEM, partidos que nasceram da Arena e do PDS, legendas que davam sustentação à ditadura e eram combatidas pelo MDB, depois PMDB.

Se Jarbas fosse coerente com seu passado de lutas, fiel ao bom relacionamento que sempre teve com Fernando e toda família Lyra, estaria no palanque de Raquel no segundo turno da eleição de Caruaru.

Mas o Brasil já deu muitas voltas, muita gente mudou, inclusive Jarbas Vasconcelos. Hoje ele e seu ex-adversário, Tony Gel estão no mesmo PMDB de José Sarney, Eduardo Cunha, Michel Temer e Renan Calheiros.

Assim, Jarbas,  o governador Paulo Câmara (PSB) e o vice-governador Raul Henry (PMDB)  estão com Tony Gel.

Raquel Lyra tem ao seu lado a tradição da família, o apoio das lideranças tucanas no Estado, alguns partidários do Delegado Lessa (ele mesmo decidiu ficar neutro), o prefeito José Queiroz e o seu filho, deputado federal Wolney Queiroz.

José Queiroz, como Jarbas, sempre foi inimigo histórico de Tony Gel. Então, resolveu esquecer as diferenças com a família Lyra e apoiar Raquel. Já Jorge Gomes, que ficou em quarto lugar na disputa, no primeiro turno, declarou neutralidade, seguindo o mesmo caminho de Lessa.

De todo jeito, o segundo turno em Caruaru deve ser bem disputado. Tony representa a experiência (já governou o município duas vezes) e Raquel a renovação, por ser mulher e mais jovem que o adversário.

Mas os dois fazem o discurso da mudança e prometem melhorar a segurança pública na cidade.

Caruaru hoje é um dos lugares mais violentos do Brasil. O ano ainda não terminou e já mataram quase 180 pessoas por lá,  de janeiro pra cá.

Naturalmente se o Governo do Estado não melhorar a área de segurança, nem Tony nem Raquel poderão mudar muito esta situação e a matança vai continuar.

*Fotos: G1 Caruaru

4 comentários:

  1. Por falar em segurança, o governador e seu PSB, vai ter que fazer muito mais do que simplesmente mudar secretário. Segundo os especialista em política, o partido que ampliou o número de prefeituras, foi o PSB, o que foi que fez no estado a principal estrela do partido? a resposta está nas paginas dos noticiários policiais, violência assolando em todo estado. Que mim perdoe o Grande Dom Helder Câmara, mas o povo não é besta não, mas que é burro, há! Isso é! Fortalecer um sigla dessas! depois ficam chorrando, querendo segurança, saúde, educação, moradia, trabalho, etc. Estamos de Olho!

    ResponderExcluir
  2. Detalhes da segurança que o ente responsável não ver, ou não quer ver! Hoje no centro de Garanhuns, véspera do dia das crianças, estava uma loucura, nunca vi tanta gente nas lojas nas calçadas indo e vindo pra tudo que lado, mas não vi um só policial militar fazendo ronda a pé, como antigamente tinha as duplas. Todos nós entregues a própria sorte, graças a Deus me parece que não houve nenhuma ocorrência.

    ResponderExcluir
  3. PAULO CAMELO, COMENTA:
    1 - Há um geleia geral na política brasileira e um ponto em comum: a grande maioria dos políticos brasileiros são de Direita;
    2 - Lembro-me de Jarbas, Marcos Freire e Marcus Cunha, da época em que eles foram na UFPE, no final da década de 1970;
    3 - Mas, se no final da década de 1960 até a década de 1980, nós tínhamos vários políticos progressistas, a exemplo de: Cristina Tavares; Miguel Arraes; Marcos Freire; Marcus Cunha; Mauro Ferreira Lima; Maurílio Ferreira Lima; Egídio Ferreira Lima; Mansueto de Lavor; José Arnaldo Amaral (ex-prefeito de Olinda); Germano Coelho (ex-prefeito de Olinda); Fernando Lyra; Roberto Freire, etc. Hoje, cerca de 40 anos após, nós não temos um político sequer de matiz progressista, apesar das recaídas de Jarbas. Em outras palavras: meio século de atraso. Lembrando que o PT não contribuiu para mudar essa situação. Pelo contrário, deu muito apoio a Direita, inclusive a Golpista contra a ex-presidente Dilma;
    4 - Quer dizer: houve uma guinada acentuada, tanto dos políticos, como também da população, para a Direita no Estado de Pernambuco, e porquê não dizer no Brasil;
    5 - Tony Gel e Raquel Lyra, são dois políticos de Direita, a juramentada, portanto são iguais na essência da palavra. Jarbas está sendo leal ao seu partido, o PMDB, ao apoiar um candidato do seu partido. Nada demais nesse seu posicionamento;
    6 - A Direita é forte em diversos países. Aqui em Garanhuns, tínhamos nessas eleições de 02 de outubro de 2016, quatro candidatos de Direita, sendo hum da situação e três da oposição de Direita e apenas hum de Esquerda, o do PCB. Observe que, aqui em Garanhuns, os partidos ditos de "esquerda" ou de "centro-esquerda", foram pra Direita. senão vejamos: a) O PSOL se coligou com o PDT; b) A REDE, de Marina, coligou-se com o PPS; c) O PCdoB e o PT, coligaram-se com o PTB.
    AGORA DURMA COM ESSA BRONCA

    ResponderExcluir
  4. Eu não voto em Caruaru,mais já trabalhei nesta cidade quando o prefeito era Tony gel.os eleitores de Caruaru tem que fica esperto na minha opinião eu nunca votaria em Tony gel.Fica a dica.

    ResponderExcluir