Natal de Garanhuns

Natal de Garanhuns
A Magia do Natal

Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

domingo, 31 de julho de 2016

MULTIDÃO PRESTIGIA ENCERRAMENTO DO FESTIVAL

Mesmo com a crise, os poucos recursos investidos pelo Governo do Estado (em relação a outros anos), as críticas aos artistas contratados para se apresentar na Praça Mestre Dominguinhos, o inverno atípico com pouca chuva e muito frio (pelo menos na maioria dos dias), a divulgação em cima da hora e outros problemas, o Festival de Inverno novamente encheu as ruas da cidade e lotou o principal ponto do evento, notadamente no sábado do encerramento.
A foto acima, postada nas redes sociais pelo professor Aldemir Fernandes (irmão do prof. Albérico Vilela, diretor do Diocesano), diz tudo: “O FIG mais uma vez estourou a boca do balão”.

É uma evidência, ou uma prova, que a maior atração do Festival de Inverno é mesmo Garanhuns, a cidade mais bonita do interior pernambucano, com um clima que lembra o  dos municípios do Sul e Sudeste do Brasil, ou mesmo países da Europa.
O FIG continua o nosso maior patrimônio em termos de evento!

4 comentários:

  1. Caro Roberto, parabéns em poucas linhas disse tudo, o festival poderia ter sido melhor se a PREFEITURA tivesse contratados grandes artistas inéditos na programação. Infelizmente com essas atrações da FUNDARPE esse ano seis noites foram um VERDADEIRO FIASCO de público. Lotando apenas no encerramento, foi triste ver milhares de TURISTAS ontem dos estados do CE,BA,DF,ES,AL,PB, sem poder entrar na praça devido ao grande espaço ocupado por uma quantidade exageradas de BARRACAS E UM CAMAROTE DA ACESSIBILIDADE VAZIO, a semana toda.

    Como bem você frisou no texto, a charmosa CIDADE DE GARANHUNS,com seu clima frio, foi a grande atração, muita chuva, garoa, e bastante frio, atingindo temperatuas médias de 13 graus segundo o INPE. Um instituto nacional sério confiável e que faz a correta medição do clima do país.

    Vamos torcer para que em 2017 a PREFEITURA DE GARANHUNS reveja sua posição pois o FIG precisa de mais investimentos (PÚBLICO/PRIVADO) para melhorar nas atrações e no turismo como um todo.

    ResponderExcluir
  2. MESMO SEM O APOIO DO GOVERNO DO ESTADO VENCEMOS MAIS UMA BATALHA, O FIG MOSTROU QUE É O MAIOR EVENTO DE GARANHUNS, E SE DEUS QUISER UM DIA VEREMOS ESSE FESTIVAL SEM OS DITADORES DA FUNDARPE QUERENDO IMPOR AQUI O QUE QUISEREM, AS ELEIÇÕES PARA GOVERNO VIRÃO, O POVO DE GARANHUNS DARÁ UMA RESPOSTA AOS POLÍTICOS DO ESTADO. PARABÉNS A TODOS OS GARANHUENSES E TURISTAS QUE AGREDITARAM NO FIG 2016, MESMO SEM APOIO MOSTRAMOS Q SOMOS MAIS FORTES.

    FÁBIO LEANDRO -HELIÓPOLIS

    ResponderExcluir
  3. Quero PARABENIZAR o locutor Valdir Marino da FM por sua ATITUDE de coragem, discernimento, com imparcialidade e credibilidade, de expor abertamente durante seu programa de hoje todas as VERDADES sobre os problemas do FIG 2016. Seus comentários no programa foram SENSACIONAIS, você lavou a alma dos Garanhuenses!

    Pablo Fernando

    ResponderExcluir
  4. Natividade L. R. Dias2 de agosto de 2016 20:09

    Fui com meus filhos visitar o Alto do Magano e ficamos decepcionados. Nenhuma seta indicando a entrada para o local, muito mato onde anualmente se apresenta a Paixão de Cristo, passagem obrigatória para o Magano, nem sequer uma "mão de tinta" foi passada nas paredes, escadas sujas, nenhuma atração que animasse o público (escasso). Há cerca de dois anos, fomos ao Alto do Magano, também no FIG, e lá encontramos dezenas de turistas, tudo muito limpo, venda de chocolate quente, uma tenda com apresentação de música ao vivo, onde os turistas aproveitavam para dançar um bom forró pé de serra...Esse ano de 2016, o Alto do Magano com a belíssima escultura do Cristo crucificado, foi esquecido pelas autoridades locais. LAMENTÁVEL !!!

    ResponderExcluir