Governo do Estado

Governo do Estado
Governo do Estado

quarta-feira, 20 de julho de 2016

BEPI PODE MELHORAR SEGURANÇA EM LAJEDO

Lajedo é um município que sofre historicamente com a violência urbana e rural. Com a eleição do prefeito Rossine Blesmany (PSD), o problema na cidade continuou e a cobrança em cima do poder público aumentou, talvez porque o gestor é delegado de polícia licenciado.

Preocupado com o problema e as pressões, o prefeito de Lajedo desde o início do mandato luta pela criação de uma Delegacia Regional no município e a instalação de um Batalhão da Polícia Militar, independente de Garanhuns.

No final do mês passado o governador Paulo Câmara enfim atendeu os pedidos do gestor e da comunidade, levando para Lajedo uma unidade do Batalhão Especializado de Policiamento do Interior, o BEPI, que é a antiga Ciosac.

O BEPI é composto por três companhias policiais militares desmembradas de três diferentes regiões do Estado.

Com o novo Batalhão, o município de Lajedo terá mais homens trabalhando pela segurança, mais viaturas e sobretudo a esperança de que enfim a paz reine na localidade.

Aqui neste blog temos muitas vezes criticado duramente a administração de Paulo Câmara. Mas desta vez queremos parabenizar o governador de Pernambuco por ter atendido a comunidade de Lajedo, independente de facções políticas ou partidárias.

Não temos informação se os homens do BEPI sediado em Lajedo poderão atuar também em cidades vizinhas como Calçado, Jupi, Jucati, Canhotinho e Jurema. Mas seria muito bom que isso pudesse ser feito porque todos os municípios em volta poderiam ter mais segurança.

O novo Batalhão instalado em Lajedo está funcionando no antigo módulo esportivo da cidade, que está abrigando também a antiga unidade da Polícia Militar do município.

Um comentário:

  1. POLICIAIS CIVIS DA 1ª DELEGACIA DE GARANHUNS APREENDEM CERCA DE 10KG DE MACONHA E 400 GRAMAS DE CRACK

    No início da tarde desta quarta-feira (20/7), policiais civis da 1ª Delegacia de Garanhuns, após meses de investigação, prenderam, em flagrante, pelo crime de Tráfico de Drogas, Antônio Pereira da Silva, de 44 anos, na região central de Garanhuns, no Agreste do estado.

    De acordo com o delegado Helianthus Bezerra, os policiais apreenderam, inicialmente, 100 gramas de crack com o investigado. Após isso, os investigadores foram até o depósito do imputado, na cidade de Caetés, e apreenderam mais 400 gramas de crack e nove quilos e setecentos gramas de maconha.

    Ainda segundo o delegado, o crack apreendido está avaliado em 20 mil reais, pois seria transformado em 2 mil pedras vendidas a 10 reais, a unidade. Já a maconha está avaliada em torno de 15 mil reais.

    Segundo a civil, Antônio Pereira já foi preso por prática de homicídio e furto. Após autuação em flagrante no dia de hoje, o mesmo foi recolhido a Cadeia Pública de Saloá, no Agreste.

    ResponderExcluir