sábado, 16 de abril de 2016

MILITÂNCIA DO PSB DIVULGA CARTA CONTRA O GOLPE

Militantes do Partido Socialista Brasileiro (PSB) enviaram hoje aos governadores, deputados e senadores da legenda a seguinte Carta, se posicionando contra o impeachment golpista:

“O que me preocupa não é o grito dos maus, mas o silêncio dos bons!” (Martin Luther King)

Em outubro de 2013, o Partido Socialista Brasileiro decidiu sair do governo Dilma por não acreditar no rumo que as coisas vinham tomando na condução do país.Naquela ocasião, o saudoso líder Eduardo Campos fez questão de mais uma vez frisar o compromisso com as transformações econômicas e sociais que o governo Lula havia proporcionado ao país, ressaltando todo o orgulho que ele tinha de ter feito parte daquela história. Eduardo apontava as imensas contradições na condução da gestão nacional, e antevia a chegada da crise econômica e política, denunciando as equivocadas decisões fiscais, mas principalmente ressaltando o perigo que era compartilhar tanto poder com o PMDB.

Já em 2013, o sonho da militância socialista era apresentar uma nova forma de fazer política, para avançar ainda mais no debate das desigualdades sociais e regionais, com um pacto federativo para o país. As ideias da “nova política” foram defendidas de maneira cativante, firme e entusiasmada por Eduardo, até o último dia de vida. Por motivos lamentáveis e pueris, durante o período eleitoral, o PSB e sua militância sofreram campanha covarde de difamação, liderada pelo PT e seus (ex) aliados, mas também por setores do PSDB, impedindo que o país tivesse segundo turno entre duas mulheres de origem nas lutas populares.

Passado mais de um ano do processo eleitoral, a direção nacional do PSB deixou de lado a proposta de construir uma alternativa de esquerda para o país e, em nome do pragmatismo e fisiologismo eleitoreiros que assolam os partidos atualmente, alimenta incessantemente uma campanha contrária à democracia e a legalidade, não só contra o (péssimo) governo democraticamente eleito, mas também contra o próprio legado do governo Lula, que sempre orgulhou a militância e sempre entusiasmou Eduardo.

Hoje assistimos constrangidos à união de dirigentes do PSB com aqueles que sempre foram os nossos adversários. A insensatez é tanta que atentam contra a democracia, tentando tirar do poder a presidente, que não cometeu crime, para colocar algumas das figuras mais nocivas da sociedade brasileira – aqueles que sempre denunciamos. É justamente por isso que decidimos que não iremos nos calar!

Somos totalmente contrários à proposta do PMDB e a forma como seus caciques conduzem a República, seu partido e seus parlamentares. O Projeto do PMDB não é um projeto que representa o nosso partido. Um partido que tenta chegar ao poder com eleições indiretas, aliado à mídia e todas as forças conservadoras do país, além de nunca ter sido legitimados pelas urnas, é totalmente avesso à democracia e liberdade proposto pelo PSB.

Sejamos claros e honestos com o Brasil: no domingo os deputados não intentam votar o impeachment da presidente, mas aprovar uma rede de conchavos e acordos espúrios que visam a levar Michel Temer à Presidência da República. A agenda que Temer e seus asseclas defendem para o país é a de retirar direitos dos trabalhadores, promover o conservadorismo religioso, frear a política de redução das desigualdades sociais, ignorar o debate da soberania nacional – tudo patrocinado pela velha elite de empresários paulistas, que não se conforma com o crescimento econômico das regiões Norte e Nordeste do Brasil.

A agenda Temer é exatamente a que aprendemos a combater desde a nossa criação, com João Mangabeira e com as figuras de Antonio Cândido e Francisco Julião mobilizando as ligas camponesas. A nossa luta sempre será inspirada em figuras como Antonio Houaiss e Jamil Haddad. Desde que o também saudoso líder Miguel Arraes passou a dirigir o PSB, a nossa luta e a nossa formação passaram a ser ainda mais focadas nos valores da soberania nacional, e na defesa dos direitos da classe trabalhadora e dos mais carentes. Quem cerrou fileiras com esses grandes dirigentes jamais tolerará o atentado que o PSB tenta impingir à democracia e às nossas bandeiras históricas.

Diante de tudo isso, a militância vem repudiar os deputados que estiveram em reunião com Michel Temer, assim como clamar para que os parlamentares do PSB VOTEM CONTRA o golpe que está sendo gestado no Congresso Nacional e no Palácio do Jaburu, e voltem suas energias a construírem uma alternativa de esquerda a esse projeto que hoje dirige o país.


Não vamos desistir do Brasil: Socialismo e liberdade!

3 comentários:

  1. Ao defender o ex-governador Dr.Miguel Arraes de Alencar em Lagoa do Ouro em 1986-1990 indo pra Rua com um funil na mão anunciando a chegada de Arraes às 10:00h.

    Usar o carro de som nesse horário era proibido somente podendo à partir das 1400h.Ao terminar a fala do ex-governador fui preso com carro de som e tudo.

    Acompanhei a trajetória política do ex-governador com as eletrificações Rurais,com a vaca na corda e boi na corda,com as adutoras e motores a óleo diesel e a energia solicitado pelo homem do campo visando levar água dos açudes para se cultivar milho ,feijão para o homem para os silos dos animais.

    Acompanhei de perto quando FHC engavetou os recursos da Celpe em 1998 para que o ex-governador não desse continuidade a eletrificação rural e assim veio a perder a eleição para Jarbas Vasconcelos por mais de um milhão de votos.

    Fui obrigado a sair do PMDB para entrar no PFL e hoje DEMOCRATAS em 2004 para seguir com o grupo e por causa do QUOCIENTE ELEITORAL por ficar sozinho no partido.

    Em 2011 houve reunião dos vereadores para sair do partido mais uma vez.Sentindo-se chateado com tantas mudanças pra lá e pra cá,mais uma o grupo saiu do DEM fora para o PSD do ex-prefeito Kassab e do PSB do ex-governador EDUARDO CAMPOS.

    Nem a reunião eu fui,mas mandei um recado dizendo que gostaria de permanecer no PSB do ex-governadores Arraes e Eduardo Campos.

    Na eleição de 2014 fiquei sozinho apoiando o governador Paulo Câmara juntamente com a Marina Silva e Fernando Bezerra Coelho.Um cidadão chegou para mim e me interrogou por que eu estava contra o Prefeito? Eu respondi que não estava contra o Prefeito e sim estava apoiando o 40PSB Marina Silva,Paulo Câmara e Fernando Bezerra Coelho. Não recebi nenhum litro de gasolina de ninguém.

    Quando eu li pelos jornais de Pernambuco,pelos blogs em geral,pelo Facebook e pelo 247Brasil de que vários deputados de Pernambuco estavam a favor do GOLPE achei que todos estavam e estão contra a bibliografia do ex-governador Dr.Miguel Arraes de Alencar que, por causa dele,eu quase perdia minha vida tendo que passar 1 hora nas mãos de bandidos por causa de uma entrevista que eu dei no programa honda policial contra a violência que reinava em Lagoa do Ouro nos anos 80 e 90.

    Finalmente,votei em Aécio Neves no segundo turno e hoje não votaria jamais somente porque foi ele sim que fez todo esse movimento dentro do congresso nacional para derrubar um governo legitimamente eleita pela vontade soberana do povo brasileiro.Perdi 6 eleições e nunca atirei pedra em ninguém e nunca ameacei ninguém, pois ganhar ou perder eleições faz parte do processo democrático.

    Agora,golpear com um vice-presidente da República que recebeu tudo da Presidente,a qual, entregou-lhe 7 Ministérios,1000 cargos de confiança e a coordenação política,trata-se inegavelmente que é GOLPE.

    Golpe nunca mais!

    PROFESSOR ZECA BARBOSA -LAGOA DO OURO-PE.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns PSB tou com vocês!!!

    ResponderExcluir
  3. ADALBERTO CAVALCANTI - PTB - CONTRA O IMPEACHMENT
    ANDERSON FERREIRA - PR - A FAVOR
    ANDRÉ DE PAULA - PSD - A FAVOR
    AUGUSTO COUTINHO - SD - A FAVOR
    BETINHO GOMES - PSDB - A FAVOR
    BRUNO ARAÚJO - PSDB - A FAVOR
    DANIEL COELHO - PSDB - A FAVOR
    DANILO CABRAL - PSB - A FAVOR
    EDUARDO DA FONTE - PP - INDECISO
    FERNANDO FILHO - PSB - A FAVOR
    GONZAGA PATRIOTA - PSB - A FAVOR
    JARBAS VASCONCELOS - PMDB - A FAVOR
    JOÃO FERNANDO COUTINHO - PSB - A FAVOR
    JORGE CORTE REAL - PTB - A FAVOR
    KAIO MANIÇOBA - A FAVOR
    LUCIANA SANTOS - PCdoB - CONTRA
    MARINALDO ROSENDO - PSB - A FAVOR
    MENDONÇA FILHO - DEM - A FAVOR
    PASTOR EURICO - PHS - A FAVOR
    RICARDO TEOBALDO - PTN - CONTRA
    SEBASTIÃO OLIVEIRA - PR - NÃO INFORMOU
    SÍLVIO COSTA - PTdoB - CONTRA
    TADEU ALENCAR - PSB - A FAVOR
    WOLNEY QUEIROZ - PDT - CONTRA
    ZECA CAVALCANTI - PTB - CONTRA

    25 X 7.Este é o placar.

    0s 18 votos declarados contra a Presidente Dilma poderá ter uma grande surpresa em suas vidas.Não existe sequer uma MULHER no meio deles todos.

    Todos votando para fuder do poder uma MULHER HONESTA,segundo FHC,a qual, em nenhum momento os delatores acusam que ela RECEBEU 52 MILHÕES DE PROPINAS tal e qual recebeu EDUARDO CUNHA,segundo JARBAS VASCONCELOS,um corrupto e psicopata que roubou milhões e bilhões da Petrobras e de centenas de Empresas e empreiteiras públicas e privadas do RIO DE JANEIRO.

    18 homens que votam a favor de um TRAIDOR,CONSPIRADOR,CORRUPTO,Michel Temer e que recebeu tudo da Presidente do Brasil,DILMA ROUSSEFF.

    7 Ministérios,1000 cargos de confiança,a vice presidência da república por duas vezes e, hoje, graças aos senhores Deputados pernambucano,o circo pegará fogo.
    Quando Dr. Arraes de Alencar foi deposto pela revolução de 1964 toda a esquerda brasileira foi contra.

    Hoje vocês querem que um Presidente do PMDB,um Vice do PMDB,Presidente do Senado e Câmara todos do PMDB governem a nação brasileira.

    Saiba todos vocês que no primeiro turno tiveram em Pernambuco mais de 3.500.000 votos,mas no segundo turno vocês perderam a eleição para Dilma por mais de 3.500.000 votos.

    Saibam vocês deputados traidores que as grandes votações que vocês tiveram em Pernambuco fora graças as grandes obras que Lula e Dilma trouxeram, Refinaria de Petroleo,Adutora do Agreste, a Transposição do Rio São Francisco e a Transnordestina,as quais,deveriam estar prontas se ambas tivessem sido iniciadas por MARCO MACIEL E FHC que juntos governaram o Brasil por 8 anos de 1994 a 2002.

    Saibam os senhores, deputados federais,traidores e conspiradores que,as grandes ELETRIFICAÇÕES RURAIS foram iniciadas e construídas por MIGUEL ARRAES DE ALENCAR e Luiz Inácio Lula da Silva.

    Saibam os senhores Deputados Federais que a proposta de emenda constitucional que doam bilhões aos senhores através dos empresários e empreiteiras foi apresentada por EDUARDO CUNHA o maior ladrão que traiu o Brasil aprovando uma PAUTA BOMBA que se a Dilma não veta,hoje o Brasil estaria totalmente quebrado.a justiça 78% e os Deputados Federais 164,%.

    ResponderExcluir